EXCLUSIVO: Entrevista com o campeão multi divisional do EFC África, DeMarte Pena. | Nocaute na Rede

EXCLUSIVO: Entrevista com o campeão multi divisional do EFC África, DeMarte Pena.

Com 27 anos e um cartel profissional invicto de 11 lutas e 11 vitórias, Demarte Pena vem chamando atenção daqueles que acompanham o MMA a fundo há cerca de...

Com 27 anos e um cartel profissional invicto de 11 lutas e 11 vitórias, Demarte Pena vem chamando atenção daqueles que acompanham o MMA a fundo há cerca de cinco anos, quando conquistou o cinturão do Extreme Fighting Championship Africa, a organização mais prestigiada do continente.

Sua superioridade técnica, tática e física lhe rendeu uma soberania impressionante no continente africano, uma espécie de Robert Mugabe versão MMA, dada as devidas proporções. Entramos em contato com o campeão e o trouxemos pela primeira vez ao Brasil, confira a entrevista na integra a seguir.

JOHANNESBURG, SOUTH AFRICA – OCTOBER 15: Demarte Pena and Ishaad Sayed facing off during EFC 54 Fight Night at Sun City on October 15, 2016 in Johannesburg, South Africa. (Photo by Anton Geyser/EFC Worldwide/Gallo Images)

NR: Para começamos DeMarte, vamos falar do seu retorno ao EFC. O que você vem preparando de diferente para sua luta de retorno?

Pena: Eu acho que dessa vez posso me preparar muito bem e com bastante tempo, preparar bem a estratégia e meu condicionamento, pretendo estar mais forte e mais rápido, tenho feito muito a parte de condicionamento físico, e também uma parte de levantamento de peso. Um detalhe importante é que tenho feito bastante pads e boxe, até procurei um ginásio específico de boxe, pois achei que meus chutes estavam bons na última luta, então dei ênfase mais na parte de mãos dessa vez.

NR: Você já conquistou dois títulos no EFC, nos pesos galo e pena, existe alguma outra coisa que você queira conquistar na organização?

Pena: Sim, em termos de títulos já conquistei esses dois nos pesos galo e pena, defendi os dois cinturões por várias vezes e agora vou defender meu título em dezembro novamente. Acredito que preciso bater o Sayed, depois dessa luta vou sentar e pensar no que fazer, talvez lutar por outro banner de MMA, vamos ver.

NR: O UFC é um sonho para você? Explique-nos seu pensamento sobre isso.

Pena: Você sabe, o UFC é o sonho de todos os atletas, é o ponto mais alto do esporte, então esse é meu sonho também. Acho que se eu continuar vencendo as minhas lutas, convencendo nas vitórias e dando show, consequentemente o chamado virá.

 

NR: O que você acha de treinamentos internacionais? Já tentou fazer algum intercâmbio ou tem se focado apenas na sua academia Fight Fit Militia?

Pena: Para a minha próxima luta pretendo treinar algumas semanas nos EUA, apenas para ter uma perspectiva diferente, sabe? Mas aqui no meu ginásio específico temos treinadores de elite e sparrings também, estou pensando no intercâmbio apenas para me testar com novos sparrings e um ar diferente, meus sparrings são ótimos e de elite mundial, mas preciso abrir leques de opção.

NR: Muitas pessoas do nosso ramo o colocam em artigos de maiores prospectos do mundo, qual seu pensamento sobre isso?

Pena: Sabe, quando leio isso, é estonteante! Sei que preciso dar muito mais de mim em todas as apresentações, preciso demonstrar evolução, é realmente excitante, mas me traz uma responsabilidade de querer e procurar sempre melhorar minhas habilidades gerais.

NR: Cody Garbrandt é o atual campeão na sua categoria no UFC, vamos imaginar que você teria uma luta com ele, qual plano você armaria para essa luta?

Pena: Cody é um grande atleta. Ele tem uma grande carreira no UFC, tem ótimo jogo de mãos, muito poder de KO e um wrestling sensacional, ele é muito completo, mas acho que você precisa levar ele ao chão, você precisar ser mais veloz que ele já que essa é uma das características principais dele, a velocidade, acho que o Jiu Jitsu dele não é tão bom, mas a tarefa de derrubá-lo é bastante árdua e difícil, talvez esse seja o caminho. Acho que seria uma luta muito interessante entre nós, mas preciso ser humilde e me focar na minha próxima luta no EFC. Continuar vencendo lutas para as coisas realmente acontecerem no UFC.

Demarte Pena volta aos cages no final do ano, em dezembro, quando colocará seu cinturão peso pena do EFC em jogo contra Irshaad Sayed. Os dois atletas serão os treinadores do reality show ‘The Fighter 1’, praticamente uma versão africana do The Ultimate Fighter, do UFC.

 

* Matéria escrita com a colaboração de Kauê Macedo, analista de MMA no Nocaute na Rede e Pitaco Esportivo.

 

IBlackbelt
Categorias
EntrevistasLutasMMAMMA Internacional

Jornalista - seguidor dos esportes de combate desde 2006 - Fã de Shogun e Mousasi.
    Sem Comentários

    Responder

    *

    *

    RELACIONADO POR