EXCLUSIVO: A primeira entrevista para o Brasil com o mundialmente famoso, Buakaw Banchamek. | Nocaute na Rede

EXCLUSIVO: A primeira entrevista para o Brasil com o mundialmente famoso, Buakaw Banchamek.

Marcando a primeira vez que o aclamado e mundialmente famoso Buakaw Banchamek conversa com a mídia esportiva brasileira.

Um dos mais conhecidos nomes da história do Muay Thai, o mundialmente famoso Buakaw Banchamek sempre foi muito conhecido por seu estilo impecável dentro do banner do K-1 World Grand Prix, por seus vídeos onde aparece destruindo árvores com uma tremenda facilidade e também por seus treinos de extrema intensidade com seus treinadores na Banchamek Gym, na Tailândia. 

Atualmente com 34 anos, o popular e querido tailandês luta pelo banner chinês de Kickboxing, Kunlun Fighting Championship. Buakaw tem passagens pelo dito K-1 World GP, onde foi campeão por 2 ocasiões, uma em 2004 e outra em 2006, e também pelos famosos estádios tailandeses conhecidos pelo seu grau de dificuldade, onde se sagrou campeão do Omnoi e Lumpine. O carismático atleta também teve uma passagem no futebol profissional da Tailândia, isso pelo time da segunda divisão RBAC FC. No Kickboxing, 263 confrontos ancoram seu estelar resumo esportivo, tendo já vencido diversos nomes de grande calibre, como John Wayne Parr, Masato, Albert Kraus, Mike Zambidis, Andy Souwer, Nieky Holzken, Andre Dida, Dzabhar Askerov, Enrico Kehl e mais recentemente o monge shaolin, Ye Long

24b6db37cd7392c749309a6cc64579ef_large

ESSA É A PRIMEIRA VEZ QUE BUAKAW BANCHAMEK CONVERSA COM A MÍDIA ESPORTIVA BRASILEIRA.

NR: Pra nós iniciar aqui Buakaw, como foi o início de sua carreira no Muay Thai, e qual foi o seu primeiro contato com essa arte marcial?

BUAKAW: Minha primeira luta foi quando eu tinha uns 7 anos. Eu era muito pequeno nessa época e amava o Muay Thai mas não sabia muito sobre isso. Um dia eu parei perto a um templo, muito próximo de minha casa, e me lembro que me senti muito animado, esperançoso e livre. Naquele momento não era sobre vencer ou perder. Eu simplesmente havia encontrado o meu eu interior naquele momento. 

NR: Você é muito famoso, muito famoso em todos os cantos do planeta, muitas pessoas conhecem o seu nome, no fim o que você acha que te levou a esse estágio de fama e o que você realmente pensa sobre isso no final?

BUAKAW: Eu não acho que sou uma pessoa famosa no mundo mas eu sei que muitas pessoas me conhecem, e eu agradeço muito por isso! Mas para mim, no fundo, eu ainda sou aquele lutador que saiu da Tailândia e queria representar os esportes de combate, sempre fiz isso com muito amor. Acho que isso é tudo! 

NR: Muitos anos atras, você migrou do Muay Thai para o Kickboxing, me fale sobre a adaptação que você enfrentou e também se treinou algo diferente na época para fazer essa migração de estilos…

BUAKAW: Entre os anos de 2002 até o ano de 2010, 90% das minhas lutas foram o Kickboxing. Eu não luto na regra de Muay Thai fazem muitos anos, então com o tempo fui lutando normalmente mais Kickboxing do que o Muay Thai. 

NR: Muitas pessoas acreditam que sua luta com o italiano Giorgio Petrosyan é uma das melhores de todos os tempos nas regras de kickboxing, quais são seus pensamentos sobre essa luta,  e você, no final, aceita o empate? 

BUAKAW: Sobre essa luta… Ela foi uma das boas mas não melhor do que eu esperava. Mesmo eu estando preparando muito bem, meu corpo não é acostumado com jornadas a terras frias como era aquela cidade onde ocorreu a luta. Mas agora, tudo é diferente. 

NR: Quais são seus pensamentos sobre seu compatriota Saenchai MuaythaiGym, ele é famoso como você e também carrega a bandeira do Muay Thai pelo mundo. 

BUAKAW: Isso é muito bom, ele fez muitas pessoas conhecer nossa terra, ele fez nosso país, a Tailândia, ser conhecida como a terra do Muay Thai.

NR: As vezes eu consigo ver no seu Facebook algumas fotos no qual você usa kimono, e também já vimos você treinando grappling.  Você vem melhorando essas áreas de grappling com o passar dos anos ? Você curte outros esportes de combate? 

BUAKAW: Okay, então eu tenho interesse em outros esportes de combate, gosto muito de assistir programas desse tipo, as vezes eu treino um pouco de outros esportes, tipo o MMA, mas um pouquinho apenas. 

NR: Sua fama e tão grande e todos sabem disso, com esse estilo de vida que você tem, é possível ter um relacionamento? Você é casado, risos?  

BUAKAW: Eu não sou casado, mas eu tenho uma pessoa para conversar sobre. risos

NR: Aqui no Brasil, você também é bastante conhecido e famoso, alguns brasileiros precisam se acordar as 4 horas da manhã as vezes pra assistir suas lutas, então deixe-me uma mensagem pra toda essa galera que te acompanha.

BUAKAW: Eu tenho muitos amigos no Brasil. Muitos deles vem aqui no meu ginásio da Banchamek para treinar o Muay Thai comigo, todos são muito amigáveis. Sei também que o Brasil é um dos países mais bonitos do mundo e que tem uma cultura interessante, talvez um dia, seria muito bacana ter uma chance de poder visita-los por ai. 

Todo agradecimento dessa entrevista para a Banchamek Gym na qual disponibilizou Buakaw a todo momento para nossa equipe de jornalismo.  

Treine com Buakaw Banchamek na Tailândia: WWW.BANCHAMEKGYM.COM

IBlackbelt
Categorias
EntrevistasEspeciaisLutasMuay Thai

Jornalista - seguidor dos esportes de combate desde 2006 - Fã de Shogun e Mousasi.
    Sem Comentários

    Responder

    *

    *

    RELACIONADO POR