Peso Mosca – (52 a 56 kg) | Nocaute na Rede

Peso Mosca – (52 a 56 kg)

Demetrious “Mighty Mouse” Johnson

demetrious-johnson-copy

Demetrious Khrisna Johnson (Madisonville, 13 de Agosto de 1986) é o atual campeão do UFC na categoria Mosca.

 

Começo:

Johnson começou a lutar em 2007 e venceu em sua estreia no profissional com um nocaute no primeiro round. Johnson então participou de vários eventos locais e ganhou suas próximas oito lutas, incluindo quatro seguidas por finalização. Johnson lutou no Alaska Fighting Championships em Anchorage e venceu por nocaute com um chute na cabeça, esta vitória lhe rendeu um contrato com o WEC.

 

World Extreme Cagefighting:

Ele fez sua estreia no World Extreme Cagefighting contra Brad Pickett em 24 de Abril de 2010 no WEC 48 em Sacramento, California. Johnson mostrou um bom kickboxing durante toda a luta, mas não foi capaz de defender as tentativas de quedas de Pickett. Johnson perdeu por decisão unânime, embora Joe Rogan declarou que se o WEC implementasse a categoria de pesos moscas (57 kgs), Johnson poderia ser bem mais efetivo, e não teria desvantagem na categoria dos galos.

Johnson era esperado para enfrentar Clint Godfrey em 30 de Setembro de 2010 no WEC 51. Porém, Godfrey saiu do card e deu lugar ao estreante no WEC, Nick Pace. Johnson venceu Pace por decisão unânime, foi a primeira derrota de Pace no MMA.

Johnson venceu Damacio Page com uma finalização no terceiro round em 11 de Novembro de 2010 no WEC 52. Depois de Page controlar a ação no primeiro round, Johnson mostrou a ação no segundo e terceiro round e finalizou Page com uma guilhotina.

 

Ultimate Fighting Championship:

Em 28 de Outubro de 2010, World Extreme Cagefighting migrou para o Ultimate Fighting Championship. Como parte da migração, todos os lutadores do WEC foram transferidos para o UFC. Johnson enfrentou a estrela japonesa Norifumi Yamamoto em 5 de Fevereiro de 2011 no UFC 126 em sua estreia no UFC, Johnson utilizou as quedas nos dois primeiros rounds, controlando Yamamoto durante o combate, e venceu por decisão unânime.

Johnson era esperado para enfrentar o brasileiro Renan Barão em 28 de Maio de 2011 no UFC 130. Porém, Johnson enfrentou Miguel Torres. Depois de quebrar a fíbula com um chute no início do segundo round, Johnson usou seu wrestling superior para controlar Torres e venceu por decisão unânime 29-28.

Johnson lutou contra Dominick Cruz em 1 de Outubro de 2011 no UFC on Versus 6 para a disputa de cinturão dos pesos galos do UFC, e perdeu por decisão unânime.

Johnson era esperado para enfrentar Eddie Wineland em 28 de Janeiro de 2012 no UFC on Fox 2 Entretanto, Johnson saiu para o torneio que determinará o primeiro campeão dos pesos moscas do UFC. Johnson enfrentou Ian McCall em 3 de Março de 2012 na primeira luta da história dos pesos moscas no UFC on FX 2. Johnson venceu por decisão majoritária, mas depois na conferência pós-luta a Comissão confirmou que cometeu um erro na contagem e a luta foi oficialmente decretado como empate majoritário.

Uma revanche foi marcada para 8 de Junho de 2012 no UFC on FX: Johnson vs. McCall. Ele venceu por decisão unânime.

Johnson enfrentou Joseph Benavidez em 22 de Setembro de 2012 no UFC 152, valendo o Cinturão Inaugural dos Moscas do UFC. Após cinco rounds equilibrados, Johnson venceu por Decisão Dividida.

Em sua primeira defesa de cinturão, enfrentou John Dodson em 26 de Janeiro de 2013 no UFC on Fox: Johnson vs. Dodson, após um primeiro round equilibrado, Johnson quase foi nocauteado por duas vezes no segundo round, porém conseguiu dar a volta por cima e venceu os rounds seguintes, conseguindo uma vitória por Decisão Unânime.

Johnson era esperado para fazer sua segunda defesa de cinturão contra John Moraga, em 13 de Abril de 2013 no The Ultimate Fighter 17 Finale, porém Johnson se lesionou e a luta foi cancelada. A luta com Moraga foi remarcada para dia 27 de Julho de 2013 no UFC on Fox: Johnson vs. Moraga. Johnson venceu a luta por Finalização no quinto round e de quebra ainda faturou o prêmio de Finalização da Noite.

Johnson faria a revanche contra Joseph Benavidez pelo Cinturão Peso Mosca do UFC em 30 de Novembro de 2013 no The Ultimate Fighter 18 Finale. Porém, Anthony Pettisque faria o evento principal doUFC on Fox 9 contra Josh Thomson se lesionou, e essa luta foi movida para evento principal do evento, em 14 de Dezembro de 2013. Os dois se enfrentaram e Johnson acertou uma bomba de direito no 1º round, Benavidez caiu apagado e Johnson só completou com socos até o árbitro interromper o combate e anunciar a vitória de Johnson por Nocaute no 1 round. O rápido Nocaute ainda rendeu a Johnson o prêmio de Nocaute da Noite.

Johnson defendeu seu cinturão contra o prospecto russo Ali Bagautinov em 14 de Junho de 2014 no UFC 174. A luta viu rounds muito equilibrados, mas sempre com uma pequena superioridade de Demetrious em todos. Portanto, defendendo seu cinturão com uma vitória por decisão unânime.

O próximo desafiante seria John Dodson, mas uma lesão o impossibilitou de lutar, e Johnson defenderia seu cinturão contra o veterano do WEC Chris Cariaso em 30 de Agosto de 2014 no UFC 177. No entanto, devido a uma lesão de Jon Jones, a luta foi movida para o UFC 178. Demetrious dominou o combate completamente, e acabou finalizando Cariaso com uma kimura no segundo round.

061314-ufc-Mighty-Mouse-pi-mp.vadapt.620.high_.0

Demetrious Johnson com seu cinturão do UFC (Foto: Reprodução/ Fox Sports)

Johnson defendeu seu cinturão contra o japonês Kyoji Horiguchi em 25 de Abril de 2015 no UFC 186. Ele venceu a luta com uma chave de braço no último segundo da luta, defendendo com sucesso seu cinturão e ganhando o prêmio de Performance da Noite.

Em 5 de setembro de 2015 ocorreu Johnson vs Dodson II. Demetrious dominou todo o combate impressionando até os maiores conhecedores de MMA. No final, decisão unânime e mais uma vitória do campeão.

Eis que surge Henry Cejudo, medalhista olímpico, o especialista em Wrestling era a esperança daqueles que queriam ver o atual campeão sem a cinta. No entanto, a expectativa logo foi quebrada com quase três minutos de luta. DJ acabou com a invencibilidade do americano e manteve seu sonho aceso, se tornar o maior defensor de títulos do UFC.

Já tendo varrido a categoria, Demetrious tinha que ter alguém a sua altura para um bom duelo e ninguém estava mais preocupado com isso do que o próprio UFC. Pensando nisso, a franquia decidiu usar seu reality show como um torneio para escolher dentre vários campeões pesos mosca mundo afora, o melhor adversário para Johnson. O vencedor foi Tim Elliott. O mesmo, já havia passado pelo UFC e após seguidas derrotas, acabou deixando a organização. Poucos acreditavam que ele poderia tirar a cinta do campeão, mas não foi bem assim. Demetrious talvez tenha feito a luta mais difícil de sua carreira e em um épico duelo, saiu vencedor por decisão unânime.

Após vitória contra o brasileiro Wilson Reis no UFC on Fox: Johnson vs. Reis, o Mighty Mouse estava a uma vitória de se tornar o maior recordista de defesas e cinturão na história do UFC. E ela veio: no UFC 216: Ferguson vs. Lee, Demetrious Johnson venceu Ray Borg por finalização e se tornou o maior recordista de defesas de cinturão do UFC.

Quem pode parar Demetrious Johnson?

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: http://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: http://on.fb.me/18HEkvH

Atualizado por Jefferson Oliva

Fonte: Wikipedia.com

Sem Comentários

Responder

*

*

18 − treze =