UFC 222: Oddshark tem aproveitamento de 92% nos palpites da noite | Nocaute na Rede

UFC 222: Oddshark tem aproveitamento de 92% nos palpites da noite

Evento foi excelente para os brasileiros; Cris Cyborg dá show; Brian Ortega vence e deve disputar o título
ufc-222-cyborg-vs-kunitskaya
Cris Cyborg nocauteou Yana Kunitskaya no 1º Round (Foto: Divulgação/UFC)

Podemos dizer que o UFC 222 foi um verdadeiro sucesso para os lutadores brasileiros, mas principalmente para os apostadores que seguem o Oddsshark.com. Apesar da derrota de Pedro Munhoz para John Dodson, as três brasileiras que subiram no octógono saíram com a vitória, com direito a show de Cris Cyborg, como sempre. No total foram 12 lutas na noite e 11 resultados cravados por nós, um aproveitamento de 92%.

(R$1,06) Cris Cyborg x Yana Kunitskaya (R$9,50)

No evento principal, Cyborg não tomou conhecimento da russa Yana Kunitskaya e venceu por nocaute no primeiro round. Depois de um início bom da brasileira, a europeia forçou a luta agarrada a fim de neutralizar o muay-thai afiadíssimo de Cris. Não durou muito tempo e a atual campeão logo se desvencilhou e passou o carro, vencendo a luta aos 3m25 do 1º round.

Cyborg segue sem saber o que é perder. Seu último e único revés aconteceu em 2005. O próximo desafio dela deve ser contra a também brasileira Amanda Nunes. O octógono mais famoso do mundo vai tremer.

(R$1,54) Frankie Edgar x Brian Ortega (R$2,50) 

Frankie Edgar entrou como favorito diante de Brian Ortega, segundo as cotas do Oddsshark.com. No entanto, acreditamos desde o início na vitória do azarão, e não deu outra. Com um começo de luta bem movimentado e muito estudado pelas duas partes, Brian se utilizou da sua maior envergadura para conectar uma cotovelada que balançou Edgar.

Depois disso o que vimos foi um verdadeiro massacre, com o vencedor abusando dos socos e nocauteando com um upper certeiro no queixo, que apagou o adversário.

Agora tudo indica que Ortega será o próximo desafiante ao trono do havaiano Max Holloway. Já adianto: essa luta tem tudo para ser excelente!

(R$1,54) Stefan Struve x Andrei Arlovski (R$2,50)

Para nossa surpresa, o embate entre Stefan Struve e Andrei Arlovski não terminou com nocaute. Se na luta citada anteriormente a expectativa era de decisão dos juízes, nessa acreditávamos que o nocaute seria a razão do término da luta. Isso porque ambos têm queixos pouco resistentes.

Além disso, tecnicamente eles não são os melhores lutadores da categoria, digamos assim. Arlovski está em viés de baixa e não é o mesmo faz tempo. Seu boxe, que sempre foi afiado, já não é mais o mesmo, e claramente o atleta demonstra lentidão. Struve é um cara de 2,13m que simplesmente não consegue manter a distância dos adversários. Para piorar, é oriundo de uma escola fortíssima no kickboxing (Holanda), especialmente com pesos-pesados, mas ele simplesmente não consegue se utilizar dessa arte marcial.

Como era de esperar, não foi uma grande luta, mas Andrei fez o suficiente para sair vitorioso na concepção dos juízes.

(R$2,10) Sean O’Malley x Andre Soukhamthath (R$1,72)

O’Malley é o novo queridinho do UFC e mostrou o porquê disso no UFC 222. O jovem entrou com seu estilo de luta pouco ortodoxo, com muita movimentação e trocas de base, confundindo o adversário. Desde o início da luta foi possível ver a superioridade de Sean, apesar das cotas apontarem para o favoritismo de Soukhanthath.

Depois de muito pressionar no primeiro round, O’Malley conseguiu balançar o adversário, que acabou sendo salvo pelo gongo. No round seguinte Andre tentou reagir, mas foi neutralizado, principalmente, pela precisão de Sean. No último round as coisas esquentaram e a luta ficou um pouco mais equilibrada. Porém, o que mais marcou foi a lesão que Sean sofreu no pé direito. Após dar um chute alto, o atleta sentiu o tornozelo e acusou o golpe na hora.

Aproveitando o momento, Andre foi para cima, mas o vitorioso da noite foi esperto e apostou na luta agarrada, jogando para o chão e administrando o resultado. A dor sentida por O’Malley foi tão grande que após o fim da luta ele não conseguiu sequer ouvir de pé ao anúncio dos juízes.

(R$2,30) Cat ZinganoKetlen Vieira (R$1,63)

Sem dúvida alguma a brasileira Ketlen Vieira foi merecedora da vitrória. O confronto foi bem difícil e, desde o início, Zingano tentou se aproveitar do seu muay-thai mais afiado, distribuindo chutes baixos e socos diretos. No entanto, Ketlen soube tomar conta do cage e pouco a pouco foi mostrando seu talento e o porquê de ter sido eleita favorita nas cotas do Oddsshark.com.

A brasileira conseguiu encurtar a distância e alcançou a derrubada no final do primeiro round, depois de apostar na trocação e conseguir aguentar bem os golpes da veterana. O round seguinte guardou uma queda linda típica de judô desferida por Vieira. Apesar de ter conseguido sair da meia-guarda, Zingano não aguentou a pressão e, depois da luta voltar ao chão, Ketlen foi bem superior.

A irritação da então número 1 do ranking era tanta, que na volta para o último round ela negou tocar as luvas da brasileira. Sem problemas, pois a amazonense soube administrar o resultado e fez um jogo bem agarrado, sagrando-se vencedora e mantendo sua invencibilidade, que já chega a 10 lutas.

Ao ser entrevistada no final do combate, a manauara revelou que fraturou a costela durante a preparação para o evento. Ela aproveitou para pedir uma chance de disputar o cinturão. Será que ela vai ser premiada com essa oportunidade?

(R$1,06) Cris Cyborg x Yana Kunitskaya (R$9,50) – vitória da Cyborg

(R$1,54) Frankie Edgar x Brian Ortega (R$2,50) – vitória de Ortega

(R$2,10) Sean O’Malley x Andre Soukhamthath (R$1,72) – vitória de O’Malley

(R$1,54) Stefan Struve x Andrei Arlovski (R$2,50) – vitória de Arlovski

(R$2,30) Cat Zingano x Ketlen Vieira (R$1,63) – vitória de Ketlen

(R$4,25) Ashley Yoder x Mackenzie Dern (R$1,22) – vitória de Dern

(R$1,25) Beneil Dariush x Alexander Hernandez (R$4,00) – vitória de Hernandez**

(R$1,59) John Dodson x Pedro Munhoz (R$2,40) – vitória de Dodson

(R$2,05) C.B. Dollaway x Hector Lombard (R$1,74) – vitória de Dollaway

(R$3,30) Mike Pyle x Zak Ottow (R$1,33) – vitória de Ottow

(R$2,30) Bryan Caraway x Cody Stamann (R$1,63) – vitória de Stamann

(R$1,33) Jordan Johnson x Adam Milstead (R$3,30) – vitória de Johnson

**Essa foi a única luta que o Oddsshark.com não acertou o resultado

Categorias
ApostasLutasMMA InternacionalUFC

Louco por MMA Internacional e Nacional. Owner do Nocaute na Rede e Redator dos sites RSEsporte.com e Torcedores.com."1% de chances SEMPRE confiante"
    Sem Comentários

    Responder

    *

    *

    dezoito + dezoito =

    RELACIONADO POR