5 lutas de Boxe para ver em 2014

Antes de começarmos, um feliz 2014 a todos os amigos e colegas aqui do Nocaute na Rede!Apesar de poucas participações, tem sido um prazer trabalhar com vocês, assim como...

Antes de começarmos, um feliz 2014 a todos os amigos e colegas aqui do Nocaute na Rede!Apesar de poucas participações, tem sido um prazer trabalhar com vocês, assim como dividir meus humildes textos sobre a nobre arte com os queridos leitores.

Que 2014 seja de muitas batalhas, dentro ou fora do ringue, pois sem elas nada se conquista.



Para começar o ano, cheio de promessas e expectativas, fiz um post sobre algumas lutas que queremos muito ver em 2014. Algumas delas provavelmente não aconteçam, dadas as famosas complicações e “embrulhos” envolvendo os promotores. Mas cabe o registro que se acaso acontecerem, será o melhor ano para o boxe nos últimos tempos!

Então sem mais, vamos ao que interessa:

5ºLugar – Luciano “Todo Duro” Vs Reginaldo “Holyfield” – 5

Ok, ok…essa foi só pra descontrair J hehe!
Mas se gostou da idéia, não deixe de assistir o excelente documentário abaixo. Assista até o fim, vale cada segundo:

[youtube=https://youtu.be/YmHvvEYGC6U]

Agora pare de rir, e vamos falar sério…

5ºLugar: Carl Froch Vs. Andre Ward – II.

Vindo de vitória controversa sobre George Groves em novembro passado, o britânico campeão dos super-médios da IBF(Federação Internacional de Boxe) e da WBA(Associação Mundial de Boxe) Carl Froch(32-2, 23 KOs), de 36 anos, não projeta um futuro muito longo no esporte. Após sua derrota para Andre Ward (26-0, 14 KO’s) em dezembro de 2012, quando perdeu seu cinturão do WBC(Conselho Mundial de Boxe), os fãs do mundo inteiro clamam por uma revanche, que até agora nunca aconteceu. O americano Ward se diz pronto, e disposto a parar o rival pela segunda vez: “Froch deve voltar a enfrentar Groves e corrigir aquele erro(a vitória polêmica), ou tem que vir me enfrentar, senão ele perde a credibilidade”, disse ele ao site Fighthype.

Foto: Mark Ralson/AFP/Paul Childs/Action Images

Foto: Mark Ralson/AFP/Paul Childs/Action Images

4º Lugar: Sergio Martinez Vs. Gennady Golovkin.

Caso haja algum argentino lendo o site, que me perdoe. Mas eu odeio os argentinos. Com exceção de dois: Leonel Messi, e Sergio“Maravilla”Martinez(51-2-2, 28 KOs).O canhoto natural de Buenos Aires mantém seu reinado como campeão dos médios do WBC, desde 2010 e aos 38 anos também já cogita uma aposentadoria.Uma ótima opção de luta de despedida seria uma super-luta de unificação dos cinturões, contra o invicto natural do Cazaquistão, Gennady Golovkin(28-0, 25 KOs) que por sua vez mantêm os cinturões da WBA e da IBO(Organização Mundial de Boxe) na mesma categoria.

3º Lugar- Saul Alvarez Vs Miguel Cotto.

Após a derrota para Floyd Mayweather, na luta mais esperada dos últimos tempos, que ocorreu no ano passado, o mundo do boxe vive a expectativa de qual será o próximo passo do jovem ídolo mexicano Saul“Canelo”Alverez(42-1-1, 30KOs),para se manter “no bolo” dos principais lutadores do planeta.Um confronto interessante seria contra o empolgante veterano porto-riquenho Miguel Cotto(38-4-0, 31KOs), que busca sua redenção após uma série de duas derrotas, e uma vitória fulminante sobre um muito inferior Delvin Rodríguez.

2º Lugar- W.Klitschko Vs V.Klitschko.

Ok, sei que essa jamais deve acontecer. Mas seria digna de um roteiro de Hollywood!Se alguém consegue imaginar outra forma de parar o reinado absurdo de Wladimir Klitschko(61-3-0, 51KOs) que já dura quase 10 anos, por favor me avise.Se bem que, nem mesmo o irmão não teria capacidade para vencê-lo.Mas seria uma promoção curiosa de se ver.

1º Lugar: Mayweather Vs Manny Pacquiao

Entre os colunistas de boxe, há uma espécie de “regra não escrita”: Escreva qualquer coisa sobre a possibilidade de Mayweather Vs Pacquiao acontecer, e seu post automaticamente chamará mais atenção.Ora, não quero aqui os enganar, esta luta dificilmente aconteça.Por dois principais motivos que bem sabemos:Dinheiro e dinheiro.

Aos esquecidos, a luta quase chegou a acontecer, com a tão desejada divisão de bolsa de 50-50. Mas Mayweather(45-0, 16KOs) exigiu que Pacquiao(55-5-2, 38KOs) se submetesse a exames de sangue e de urina, e o filipino aceitou apenas fazer o de urina, o que deixou Floyd, como posso dizer….#chatiado. Apesar disso a luta ainda tinha uma “sobrevida”, caso Pacquiao se mantivesse sem derrotas recentes, e aceitasse as novas condições financeiras impostas pelo americano. Bem, sabemos que As coisas não seguiram por esse caminho.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Floyd tem ainda mais duas lutas de seu contrato com o canal Showtime, e a próxima já esta acertada.Seu rival será o britânico Amir Khan, em luta que deve acontecer em maio deste ano. Depois disso, talvez Mayweather se aposente, e queira ser lembrado como o maior campão de todos os tempos.

Deculpe “champz”, mas apesar de sua genialidade defensiva, e de seu cartel invicto, se o Sr não vencer o campeão mundial em 8 categorias de peso diferentes, 3 vezes o lutador do ano, e o lutador da década dos anos 2000, pra mim sempre que alguém lembrar seu nome serei direto:

– Pois é, mas ele não ganhou do Pacquiao…

Até a próxima!

Uabrázz!!

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek

Siga o Nocaute na Rede no Instagram: https://bit.ly/19p66yi

Curta nossa página no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

Escrito por Wagner Marques



Categorias
Boxe Nacional e InternacionalLutas

Criado em 14 de agosto de 2013, o Nocaute na Rede tem como principal objetivo FORTALECER o crescimento do esporte pelo Brasil e mundo a fora, é por isso que desde o início divulgamos os pequenos eventos e atletas que estão começando no cenário nacional.
Sem Comentários

Responder

*

*

19 − 7 =

RELACIONADO POR