Conheça a história de Anthony “Showtime” Pettis

Anthony Pettis (Milwaukee, 27 de janeiro de 1987) é um lutador de artes marciais mistas dos Estados Unidos. Conhecido por “Showtime”, Pettis é famoso por surpreender seus oponentes com...

Anthony Pettis (Milwaukee, 27 de janeiro de 1987) é um lutador de artes marciais mistas dos Estados Unidos. Conhecido por “Showtime”, Pettis é famoso por surpreender seus oponentes com golpes plásticos e eficientes. Ele foi o último campeão peso-leve do WEC. De ascendência mexicana, é o atual campeão dos pesos-leves do UFC e classificado como #6 no Ranking Peso por Peso do UFC.

UFC 181 - Pettis v Melendez

(Foto: UFC)

Pettis perdeu seu pai, assassinado, quando tinha 15 anos de idade. Ao voltar do emprego em uma rede de fast food, Pettis encontrou um detetive em sua casa. O detetive mostrou então a foto de uma vitima de assassinato por facadas no peito. Era o pai de Pettis.

Quando meu pai morreu, parar de lutar, eu deixei tudo. Eu tive que começar do zero “, lembra ele, explicando que ele começou a lutar pela influência de seus pais.” Eu cresci em uma família pobre. Não é o melhor da infância, mas eu tinha uma mãe que fez tudo para nos fazer sentir bem e da verdade poderia ter tudo o que queríamos.

Pettis tem ascendência porto riquenha e mexicana. O nome Pettis é uma adaptação de Perez, mudado pelo seu avô, com a finalidade de evitar discriminação.

No WEC 41, no dia 7 de janeiro de 2009, Pettis estreou com vitória no evento ao finalizar Mike Campbell com triângulo no primeiro assalto.

Em seguida, no WEC 45, Anthony sofreu sua primeira derrota na carreira contra o lutador polonês Bart Palaszewski, por decisão dividida. Após essa derrota, Pettis obteve três vitórias seguidas no evento, tendo a oportunidade de disputar o cinturão do peso-leve. O curioso é que Pettis sofreu sua primeira derrota para um lutador estrangeiro, o único enfrentado por ele.

Benson Henderson vs Anthony Pettis

No último evento do WEC, Pettis enfrentou o então campeão peso-leve Ben Henderson, no WEC 53. No quinto assalto, Pettis combinou Parkour com voleio de futebol no que agora é chamado de Showtime Kick, feito após Pettis saltar em direção à grade, apoiando seu pé direito nela para dar impulso e depois girar em direção ao oponente, desferindo um golpe certeiro no rosto de Ben Henderson com o pé direito. O desafiante, Anthony Pettis, acabou vencendo o combate por decisão unânime (48-47, 49-46, 48-47), se tornou o último campeão peso-leve do WEC.

Essa luta ficou marcada na carreira de ambos os lutadores e também na história do MMA. Além do chute de Pettis ganhar um nome próprio, a luta foi considerada a melhor da noite e do ano de 2010.

Pettis aplicando o “Showtime Kick”, batizado em sua homenagem (Foto: WEC)

Ultimate Fighting Championship

Em outubro de 2010, World Extreme Cagefighting se fundiu com o Ultimate Fighting Championship. Como parte da fusão, todos os lutadores do WEC foram transferidos para o UFC.

Após a fusão dos eventos, Pettis iria enfrentar o vencedor da luta entre Frankie Edgar e Gray Maynard. Contudo, esta terminou em empate, o que levou a marcação de uma nova luta entre eles em 2011.

Ao invés de esperar o vencedor de Edgar / Maynard 3, Pettis encarou Clay Guida no dia 4 de junho de 2011, na Final do The Ultimate Fighter 13. Apesar de ser derrubado por Guida, Pettis mostrou boa defesa das costas, controlando os punhos Guida e tentando múltiplas finalizações, tomando pouco dano. Entanto, Guida conseguiu escapar das tentativas e finalizações e venceu via decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27).

Guida aplica uma queda em Anthony Pettis (Foto: UFC)

Pettis derrotou por decisão divisão Jeremy Stephens em 8 de Outubro de 2011 ao UFC 136 num combate difícil. Pettis usou o wrestling para controlar e dominou a maior parte do tempo.

Pettis enfrentou Joe Lauzon em Fevereiro, dia 25 no UFC 144. Pettis ganhou a luta por Nocaute no primeiro round, com um chute alto na cabeça seguido por socos. Depois da luta, ele recebeu o prêmio de Nocaute da Noite.

Após passar a maior parte de 2012 se recuperando de lesões, Pettis encanrou Donald Cerrone no dia 26 de Janeiro de 2013, no UFC on Fox: Johnson vs. Dodson. Pettis venceu a luta por TKO no primeiro round, finalizando Cerrone com um chute no corpo. Pettis recebeu o prêmio de Nocaute da Noite. Após a luta, o presidente do UFC Dana White disse que estava ‘vendido’ por Showtime Pettis e que ele seria o próximo a disputar o cinturão dos pesos-leves.

No dia 5 de Fevereiro, foi anunciado que Pettis não iria esperar para uma disputa de titulo dos pesos-leves e que Pettis iria lutar pelo título dos pesos-penas contra José Aldoem Agosto, 2013. No entanto, devido a uma contusão no joelho essa luta não aconteceu e acabou substituído por Jung Chan-Sung. A lesão de Pettis causou rusgas entre o treinador de Aldo, Dedé Pederneiras e o lutador. O técnico acusou Pettis e não conseguir bater o peso e forjar uma contusão.

Apenas alguns dias depois do cancelamento da luta contra Jose Aldo, foi anunciado que Grant, que lutaria pelo Cinturão Peso Leve do UFC, havia se lesionado e Pettis lutaria em seu lugar. “Você não pode parar o destino!!! Eu e (Ben) Henderson, pelo título, em minha cidade natal”, escreveu Pettis no Twitter, indicando que a luta aconteceria em Milwaukee.

UFC 164: Henderson v Pettis

(Foto: UFC)

A revanche do WEC 53 aconteceu, enfim, em 31 de agosto de 2013. A luta trouxe o campeão Benson Henderson pela primeira vez atuando com os cabelos presos em tranças, numa clara demonstração de respeito a Pettis. A luta começou com Benson apertando Pettis na grade algumas vezes. Quando a luta foi para a trocação Pettis conseguiu conectar seguidos golpes na costela do campeão, e finaliza-lo com uma chave-de-braço.

Pettis era esperado para fazer sua primeira defesa de título contra Josh Thomson em 14 de dezembro de 2013 , no UFC on Fox 9. No entanto, Pettis sofreu uma lesão no joelho e a luta foi cancelada .

No dia 24 de fevereiro, o UFC anunciou o TUF 20 com Pettis e Gilbert Melendez como técnicos. Os lutadores se enfrentaram no final do ano de 2014 e as gravações da temporada do TUF 20 começarão no mês de maio e seu primeiro episódio foi exibido no dia 10 de setembro. O TUF 20 foi exclusivamente feminino .

A luta aconteceu em 6 de Dezembro de 2014 no UFC 181. Mesmo levando uma enorme pressão a ponto de perder o primeiro round, Pettis acertou um bom golpe que deixou Melendez desnorteado, o mesmo tentou levar Pettis para o chão que se aproveitou de uma falha e encaixou uma guilhotina, vencendo por finalização no segundo round, fazendo assim sua primeira defesa de cinturão e se tornando o primeiro lutador a vencer Melendez sem ser por pontos .

(Foto: UFC)

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

 Escrito por Bruno Carvalho

Fontes: Uol, Google, Wikipédia



Categorias
EspeciaisLutasUFC

Criado em 14 de agosto de 2013, o Nocaute na Rede tem como principal objetivo FORTALECER o crescimento do esporte pelo Brasil e mundo a fora, é por isso que desde o início divulgamos os pequenos eventos e atletas que estão começando no cenário nacional.
Sem Comentários

Responder

*

*

quatro × 1 =

RELACIONADO POR