Amanda Nunes fala sobre luta com Holly e reafirma: “Eu sou a maior de todos os tempos”

A Leoa afirma que vitoria sobre Cyborg, a coloca no posto de maior da história
Amanda Nunes / Foto: Getty Images

Quando o assunto é o melhor de todos os tempos, muitos lutadores desconversam e não sabem dizer se realmente merecem esse posto. Mas tem uma atleta, que não tem nenhuma dúvida, quando a questão é quem a maior lutadora da história do MMA feminino.

Em um bate papo com a imprensa ontem, a campeã de duas divisões do UFC, Amanda Nunes voltou a afirmar que ela é a maior lutadora de todos os tempos do MMA feminino, e que a vitória sobre Cyborg concretizou isso.



“Sim, com certeza. Eu sou a maior de todos os tempos. Eu venci a mulher mais dominante do planeta [Cyborg]. Eu sinto que mereço isso agora. Muitas pessoas têm dito isso também. Todo mundo envia uma mensagem para mim, tenho muitas cartas na academia. Eu tenho um monte de cartas que tenho que mandar de volta para os fãs. … Toda vez que eu assino, eles mandam mais. Todo mundo me diz agora, que eu sou a maior. Então eu tenho que dizer que sou, porque as pessoas me dizem, todo mundo me diz. Eu acredito neles e agora eu digo que sou. Eu mereço tudo o que tenho em minha vida”, afirmou Amanda.

“Eu provei isso. Eu sou a melhor. Eu tenho feito tudo que as pessoas gostam de ver: derrotar minhas adversárias e fazer apresentações ótimas. Eu vou pra lutar. Não corra. Coloque um show para o público. Eu me sinto como os fãs e eles me respeitam por isso. E me sinto bem, me sinto feliz quando me dizem que sou a melhor. Estou muito feliz”, completou a brasileira.

Amanda Nunes aproveitou para falar de Holly Holm, sua próxima adversária no UFC 239.

“Eu sinto que estou definitivamente animada para essa luta. Definitivamente animada para ver como meu plano de jogo vai se sair no octógono. Minha mente vai ter que estar boa, porque Holly é uma grande lutadora. Ela se move muito. Ela tem um bom boxe, ela tem bons chutes. Eu tenho que estar no ponto mais alto com o meu plano de jogo, para poder capitalizar e terminar a luta”, disse Amanda.

UFC 239
6 de julho de 2019, em Las Vegas (EUA)
CARD PRINCIPAL (0h, horário de Brasília):
Peso-meio-pesado: Jon Jones x Thiago Marreta
Peso-galo: Amanda Nunes x Holly Holm
Peso-meio-médio: Jorge Masvidal x Ben Askren
Peso-meio-pesado: Jan Blachowicz x Luke Rockhold
Peso-meio-médio: Diego Sanchez x Michael Chiesa
CARD PRELIMINAR (20h15, horário de Brasília):
Peso-pena: Gilbert Melendez x Arnold Allen
Peso-galo: Sean O’Malley x Marlon Vera
Peso-palha: Cláudia Gadelha x Randa Markos
Peso-galo: Alejandro Perez x Song Yadong
Peso-médio: Edmen Shahbazyan x Jack Marshman
Peso-meio-médio: Ismail Naurdiev x Chance Rencountre
Peso-galo: Julia Avila x Pannie Kianzad



Categorias
LutasMMA InternacionalUFC

Douglas Barcellos, gaúcho de Guaiba/RS.
Sem Comentários

Responder

*

*

15 − 12 =

RELACIONADO POR