Após grande estreia, Felipe Silva desafia Sage Northcutt

O brasileiro fez uma bela estreia, onde venceu e muito bem. Já Northcutt foi finalizado por Barberena e depois decepcionou no UFC 200
(Foto: Montagem da Edição de Arte através da reprodução das imagens)

Após estrear de forma sensacional no UFC, Felipe Silva já está pronto para um novo combate, e até já escolheu seu próximo alvo, Sage Northcutt. Segundo o brasileiro, “Super Sage” pode mostrar toda sua habilidade na trocação em confronto com ele. 

“Vi uma reportagem do Sage de quando ele estava prestes a fazer sua terceira luta no UFC. Ele disse que ainda não tinha mostrado tudo de si, porque o UFC só tinha colocado ele contra grapplers. Então está aí uma boa oportunidade de ele mostrar a trocação dele, porque eu sou um striker. O UFC aposta muito nele, e eu estou aí para ser testado também. Seria uma luta boa, teria muita trocação de qualidade e o pessoal ia gostar muito de assistir. Ele falou que o UFC não tinha dado a oportunidade de ele lutar contra um striker, então nada melhor do que me colocar contra ele”, desafiou em entrevista ao ‘Combate.com’.



Felipe declarou ainda que apesar de se tratar de dois ‘strikers’, seria um duelo de estilos (o caratê + kickboxing de Sage VS o boxe + muay thai de Felipe), ele (Sage), e buscaria nocautear o tempo todo.

“Ele não corresponde lá dentro porque alega isso: que o jogo dos adversários dele não encaixam com o seu. Então me dê uma chance e mostre o que tem que mostrar. É um cara que eu respeito bastante. É muito jovem, tem muita coisa pela frente ainda, mas poderia se testar comigo. Se essa luta acontecer, vou buscar o nocaute o tempo todo, posso garantir. Ele usa muito os chutes. Se eu conseguir encurralá-lo, acho que ele vai acabar se perdendo. Seria um duelo de estilos, mesmo sendo entre dois strikers. Ele, daquele jeito agressivo, usando os chutes, e eu apostando mais no meu boxe e no meu muay thai”, analisou o brasileiro.

O lutador terminou por dizer que só quer saber de lutar, não quer ficar muito tempo parado.

“Sou um cara que tem muito o pé no chão. Não estou aí para entrar na organização e ficar parado, curtindo o status de atleta do UFC. Quero estar o tempo todo lutando”, concluiu.

Felipe Silva é membro da CM System, tem 32 anos e um cartel perfeito, com 8 lutas e 8 vitórias (6 nocautes, 1 finalização e 1 por decisão). É profissional de bdesde março de 2013. Fez sua estreia pelo Ultimate no UFC on Fox 21 (UFC Vancouver): Maia vs Condit, quando nocauteou o atleta local Shane Campbell aos 1:13 do 1º round.

Sage Northcutt tem apenas 20 anos e um cartel com 9 lutas, 8 vitórias (4 nocautes, 3 finalizações e 1 por decisão) e 1 derrota (finalização). É profissional de MMA desde novembro de 2014. Sua última luta foi contra Enrique Marin no UFC 200, quando venceu por decisão unânime. “Super Sage” é, junto com Paige Vanzant, a grande aposta para ser o rosto da marca UFC daqui há alguns anos. 



Categorias
LutasMMA InternacionalUFC

Pai, marido, neto, amante da família; filho de Deus; Graduando em Comunicação Social (Rádio e TV) na Universidade Federal do Maranhão; Editor chefe do Nocaute na Rede,; Redator nas seções de MMA nacional e internacional; Apaixonado por rádios, jornais, livros, podcasts, filmes, séries, comidas, esportes em geral; MMA é uma paixão absurda; Praticante de MMA e muay thai; Crítico Social
Sem Comentários

Responder

*

*

oito + 16 =

RELACIONADO POR