Após muitas provocações e confusão, Jon Jones derrota Daniel Cormier em uma verdadeira guerra no UFC 182

Iniciando os trabalhos em 2015, o UFC realizou na noite de ontem o UFC 182, que contou com uma das lutas mais esperadas dos últimos tempos no MMA. Com...

Iniciando os trabalhos em 2015, o UFC realizou na noite de ontem o UFC 182, que contou com uma das lutas mais esperadas dos últimos tempos no MMA. Com Jon Jones e Daniel Cormier a frente do card de poucas estrelas, quem mais surpreendeu foi Paul Felder, com um nocaute simplesmente espetacular aplicado em Danny Castillo.

Na luta principal da noite Jones e Cormier que trocaram tantas farpas e chegaram a trocar socos no primeiro media day de divulgação do evento entraram no cage para resolverem suas desavenças. Foi uma luta dura, mas não deu pra Cormier, e Jones carimbou nada menos que sua oitava defesa de cinturão em cima do até então invicto lutador ex-strikeforce, apontado por muitos como uma real ameaça para o reinado do campeão.



Jones golpes duramente Cormier (Foto: Jeff Bottari / Zuffa LLC / UFC / Via Getty Images)

Jones conecta duro golpe em Daniel Cormier (Foto: Jeff Bottari / Zuffa LLC / UFC / Via Getty Images)

Jones começou melhor a luta, controlando a distancia ao máximo que pode, abusou das joelhadas, e cotoveladas, mas Cormier não recuou e avançou pra cima de Jones durante todo o primeiro round. No segundo Cormier veio melhor, no clinch, conectou vários uppers, mas foi caindo de rendimento durante o duelo. O terceiro round sem dúvida foi o mais equilibrado, e apesar dos duros golpes aplicados por Jones, Cormier não se entregou, e ainda conseguiu derrubar o campeão no fim do round.

No quarto e quinto round, Jones não só mostrou o quanto é mortífero, também deu uma aula de tática e estratégia, o melhor lutador da atualidade pontua como ninguém, o que as vezes pode irritar alguns torcedores, mas é extremamente efetivo em seus combates.

Controlando a luta no clinch quando preciso, Jones ainda sofreu com alguns golpes, mas também não deixou barato. no último round, foi ainda mais “fácil”, Cormier foi se frustando, Jones conseguiu uma incrível queda, e quando estava no fim do round, ainda comemorou a vitória quando DC queria derruba-lo. Cormier o soltou, e como o round ainda não tinha acabado, Jones acertou Cormier, na troca de golpes, até sobrou um soco de raspão no rosto de Herb Dean.

No fim das contas deu Jon “Bones” Jones, com um triplo 49×26 na contagem dos árbitros laterais.  E agora o campeão assiste de camarote a luta entre Gustafsson e Anthony Johnson no UFC on FOX 13 que deve definir seu próximo adversário do Ultimate.

No co-evento principal da noite, Donald Cerrone carimbou nada menos que sua sexta vitória seguida no UFC, o “Cowboy” dominou praticamente toda a luta vencendo o jovem lutador Myles Jury por decisão unanime. Ainda no card principal Hector Lombard venceu Burkman em uma luta que pouco empolgou, Tavares venceu Marquadt e Kyoji Horiguchi mostrou que pode bagunçar a categoria dos moscas em 2015.

Já no card preliminar, Paul Felder enfrentando o até então favorito Danny Castillo venceu com categoria. Mais forte fisicamente e com um justo jogo em pé, acertou no segundo round um soco giratório incrível de direta, que levou Castillo completamente apagado ao solo. Destaque ainda para Shawn Jordan que atropelou Jared Cannonier, e Evan Dunham que derrotou o único brasileiro do card, Rodrigo Damm, por decisão unanime.

UFC 182: Jones vs Cormier

Resultados / Las Vegas, Nevada – 03/01/2015

Card principal
Jon Jones derrotou Daniel Cormier por decisão unanime.
Donald Cerrone derrotou Myles Jury por decisão unanime.
Brad Tavares derrotou Nate Marquadt por decisão unanime.
Kyoji Horiguchi derrotou Louis Gautinot por decisão unanime.
Hector Lombard derrotou Josh Burkman por decisão unanime.

Card preliminar
Paul Felder derrotou Danny Castillo por nocaute no segundo round.
Cody Garbrandt derrotou Marcus Brimage por nocaute técnico no terceiro round.
Shawn Jordan derrotou Jared Cannonier por nocaute no primeiro round.
Evan Dunham derrotou Rodrigo Damm por decisão unanime.
Omari Akhmedov derrotou Mats Nilsson por decisão unanime.
Marion Reneau derrotou Alexis Dufresne por decisão unanime.

Bônus

Luta da noite: Jon Jones vs Daniel Cormier
Performances da Noite: Paul Felder e Shawn Jordan

Fotos

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

Escrito por Victor Nunes



Categorias
LutasUFC

Criado em 14 de agosto de 2013, o Nocaute na Rede tem como principal objetivo FORTALECER o crescimento do esporte pelo Brasil e mundo a fora, é por isso que desde o início divulgamos os pequenos eventos e atletas que estão começando no cenário nacional.
Um Comentário
  • Calendário MMA | Nocaute na Rede
    13 janeiro 2015 at 13:38
    Responder

    […] – Resultados: UFC 182 –  ME – Jones vs Cormier && CME – Cerrone vs Jury 10/01 – Circuito Team Nogueira Porto Alegre (Tramandaí/RS) 16/01 – Bellator 132: […]

  • Responder

    *

    *

    2 + quatro =

    RELACIONADO POR