Após nocautear Napão, Mirko Cro Cop quer revanche contra outros 4 lutadores

  Quando Mirko Cro Cop fora anunciado como a nova contratação do UFC, o próprio lutador disse que não estava retornando por dinheiro, mas sim porque queria revanche contra...

 

Quando Mirko Cro Cop fora anunciado como a nova contratação do UFC, o próprio lutador disse que não estava retornando por dinheiro, mas sim porque queria revanche contra lutadores que o venceram em sua primeira passagem pela organização.



A primeira revanche foi contra Gabriel Napão – que já vencera o croata com um chute na cabeça no primeiro confronto entre ambos – em 11 de abril de 2015, na Polônia. A luta fora para o chão, Filipovic caiu por cima e aplicou várias cotoveladas e socos, que cortaram bastante o rosto do ex campeão mundial de jiu jitsu, fazendo com que o juiz interrompesse a luta e assim o ex campeão do K1 fora declarado como vencedor por nocaute técnico.

Após um retorno avassalador, digno de cinema, Mirko Cro Cop deu uma entrevista para o “Fighters Only” e falou sobre quem são os lutadores que gostaria de enfrentar.

“Com Josh Barnett não lutarei mais. Já lutamos 3 vezes e eu venci duas. Gosto muito do Barnett e não há motivos para lutar com ele. Mas com Nogueira, sim. Com Roy Nelson também. Há alguns lutadores como Júnior dos Santos e Overeem que também gostaria de enfrentar”.

Cro Cop castigando Gabriel Napão na revanche (Foto: Reprodução)

Cro Cop castigando Gabriel Napão na revanche (Foto: Reprodução)

O ex campeão do Pride falou ainda sobre o motivo de ter retornado ao UFC.

“Meus fãs um dia vão dizer: ‘Isso é um homem, que teve uma grande carreira no Pride, uma grande carreira no K1. Falho no UFC, mas ele tentou’. Essa é a coisa mais importante. Isto é algo que eu quero fazer, é algo que eu devo ao esporte, devo a mim mesmo bater alguns desses caras”, concluiu Cro Cop.

Mirko ‘Cro Cop’ Filipovic tem no MMA profissional um cartel de 45 lutas, 32 vitórias (23 nocautes, 5 finalizações, 4 por decisão), 10 derrotas (5 nocautes, 3 finalizações, 2 por decisão), 2 empates e 1 sem resultado. Já foi campeão do GP dos pesos pesados do Pride (2006), campeão do K1 (2013), campeão dos pesos pesados do IGF (Inoke Genome Federation). É considerado uma das maiores lendas do MMA em todos os tempos, tendo uma grande legião de fãs espalhados por todos os cantos do planeta.

 

 Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek
Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

 

Escrito por Kaio Teixeira Lima



IBlackbelt
Categorias
LutasMMA InternacionalUFC

Pai, marido, neto, amante da família; filho de Deus; Graduando em Comunicação Social (Rádio e TV) na Universidade Federal do Maranhão; Editor chefe do Nocaute na Rede,; Redator nas seções de MMA nacional e internacional; Apaixonado por rádios, jornais, livros, podcasts, filmes, séries, comidas, esportes em geral; MMA é uma paixão absurda; Praticante de MMA e muay thai; Crítico Social
Sem Comentários

Responder

*

*

7 + 6 =

RELACIONADO POR