Bellator 146: Manhoef nocauteia Kato na luta principal; brasileiros tem saldo positivo no evento

O Bellator realizou sua edição 146 em Oklahoma, nos Estados Unidos. Teve nocaute, luta movimentada, resultado contestado e brasileiros vencendo na noite de ontem, 20/11. E o Nocaute na...

O Bellator realizou sua edição 146 em Oklahoma, nos Estados Unidos. Teve nocaute, luta movimentada, resultado contestado e brasileiros vencendo na noite de ontem, 20/11. E o Nocaute na Rede te conta como foi esse bom evento:

Luta principal: Hisaki Kato x Melvin Manhoef

Melvin Manhoef derrotou Hisaki Kato (Foto: Sherdog)

Melvin Manhoef derrotou Hisaki Kato (Foto: Sherdog)

Em um duelo entre dois lutadores com poder de nocaute nas mãos, seria estranho se não houvesse alguém apagado ao fim do duelo. Um round foi o suficiente pra que Melvin Manhoef e Hisaki Kato fizessem a luta mais divertida da noite. A luta alternou momentos de trocação franca e intensa e também momentos de estudos e análises de ambos os lutadores. Enquanto Kato vinha de um nocaute incrível sobre Joe Schilling, Manhoef havia sido nocauteado por Alexander Shlemenko em seu último combate – luta essa que virou No Contest depois que o russo caiu no exame anti-doping. Depois de uma sequência de golpes dos dois lutadores, Manhoef mandou um cruzado de esquerda que apagou Kato na hora, fazendo com que John McCarthy encerrasse a luta imediatamente. Manhoef se recupera das derrotas para Shlemenko e também para Joe Schilling, quando também foi nocauteado. Já Kato sofre a segunda derrota da sua carreira.



Assista ao nocaute de Manhoef em cima de Kato (Créditos: Esporte Interativo):

Co-evento principal: Brandon Girtz x Derek Campos

Brandon Girtz nocauteou Derek Campos (Foto: Sherdog)

Brandon Girtz nocauteou Derek Campos (Foto: Sherdog)

Um recado pra divisão. Foi isso o que Brandon Girtz mandou com sua performance incrível. Ele precisou de míseros 37 segundos para colocar Derek Campos para dormir. Durante a (rápida), luta, Girtz não deu uma chance para que campos pudesse aplicar qualquer golpe ou fazer qualquer coisa. Quando pressionou, conseguiu o nocaute.  Ele vingou a derrota que sofreu para o próprio Campos no Bellator 96 e chegou à terceira vitória consecutiva. Antes disso, ele tinha derrotado o veterano ex-UFC Melvin Guillard.

Outros destaques do card:

Guilherme Viana derrotou Houston Alexander (Foto: Sherdog)

Guilherme Viana derrotou Houston Alexander (Foto: Sherdog)

Tivemos três brasileiros ontem lutando no cage circular do Bellator. O gaúcho Guilherme Viana conseguiu uma importante vitória sobre o veterano Houston Alexander, que teve passagem pelo UFC. Guilherme dominou os dois rounds da luta, aplicou os melhores e mais contundentes golpes e não deu chances para Houston. A luta foi interrompida pelo médico, que não deu condições para que Alexander voltasse a luta e, assim, Viana foi declarado o vencedor. Além dele, André Chatuba conseguiu uma grande vitória ao derrotar Josh Neer, que também já lutou no UFC. Ele venceu por decisão unânime dos jurados. A única derrota brasileira da noite foi a de Roberta Paim. Ela perdeu para a veterana Julia Budd por decisão unânime em uma luta que, possivelmente, definiria uma das lutadoras que iriam para a disputa do cinturão peso-pena feminino do Bellator, que está vago. A expectativa é de que Budd duele contra Marloes Coenen pelo título.

O combate entre Bubba Jenkins e Jordan Parsons merece destaque pelo clima hostil entre os lutadores e pela boa luta que fizeram. Movimentada e com bons momentos para os dois atletas. Jenkins venceu por decisão dividida. Já Chedi Njokuani e Ricky Rainey fizeram o confronto mais controverso. Rainey dominou as ações nos três rounds, mas os jurados viram diferente e deram vitória para Njokuani. Inclusive outros sites especializados  deram vitória para Rainey. O fato é que o público não gostou e vaiou muito a decisão unânime dos jurados.

Confira todos os resultados da noite:

Bellator 146
Thackerville, Oklahoma, Estados Unidos

CARD PRINCIPAL:
Peso-médio: Melvin Manhoef derrotou Hisaki Kato por nocaute no R1;
Peso-leve: Brandon Girtz derrotou Derek Campos por nocaute no R1
Peso-pena: Bubba Jenkins derrotou Jordan Parsons por decisão dividida;
Peso meio-médio: Chedi Njokuani derrotou Ricky Rainey por decisão unânime;
Peso meio-pesado: Guilherme Viana derrotou Houston Alexander por TKO (paralização dos médicos) no R2;

CARD PRELIMINAR:
Peso-casado:Bubba McDaniel derrotou Ken Jackson por TKO no R2;
Peso meio-médio: Codale Ford derrotou Justin Patterson por finalização (mata-leão) no R1;
Peso-galo: Klayton Mai derrotou Roshaun Jones por finalização (guilhotina) no R1;
Peso-pena: Chris Jones derrotou Treston  Thomiston por decisão unânime;
Peso-casado: Stephen Banaszak derrotou George Pacurariu por finalização (guilhotina) no R1;
Peso-médio: Francisco France derrotou Ben Reiter por finalização (mata-leão) no R2;
Peso-pena feminino: Julia Budd derrotou Roberta Paim por decisão unânime;
Peso meio-médio: Andre Santos derrotou Josh Neer por decisão unânime;
Peso-pena feminino: Arlene Blencowe derrotou Gabrielle Holloway por decisão dividida;
Peso-pesado: Alonzo Menifield derrotou Zach Rosol por TKO no R1.

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek
Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH
Escrito por: Lucas Costa


Categorias
BellatorLutasMMA Internacional

Criado em 14 de agosto de 2013, o Nocaute na Rede tem como principal objetivo FORTALECER o crescimento do esporte pelo Brasil e mundo a fora, é por isso que desde o início divulgamos os pequenos eventos e atletas que estão começando no cenário nacional.
Sem Comentários

Responder

*

*

11 + onze =

RELACIONADO POR