Cigano revela mágoa com declarações de Dana White: “São coisas que abalam bastante o atleta”

Em dezembro, presidente do UFC disse que brasileiro pode ter feito sua última luta na organização.
Cigano rebateu críticas de Dana White. (Foto: Reprodução Facebook Júnior dos Santos Cigano)

Junior ‘Cigano’ vive uma fase ruim de sua carreira no MMA. O veterano vem de quatro derrotas consecutivas e agora corre o risco de fazer parte do grupo de lutadores que Dana White está mandando embora do UFC na onda de demissões que promovida pela organização nos últimos meses.

Em coletiva de imprensa realizada em dezembro, o presidente do Ultimate deu a entender que Cigano pode ter feito sua última luta na organização, declaração ao qual o brasileiro respondeu em entrevista ao site Ag. Fight.“Vejo com maus olhos (essa postura do Dana) e fico bastante triste. Alguém que se doou tanto ao esporte como eu escutar isso e principalmente vindo da situação que eu vim, ele falando que a culpa foi minha de como aconteceu o golpe. Um absurdo tremendo. Ele coloca mais essa pressão. Quero esquecer 2020, não só pela pandemia, mas profissionalmente também. Não sei qual é a vontade do UFC e do Dana, mas fico triste. São coisas que abalam bastante o atleta, o tira do lugar, mas aconteceu e temos que lidar”, afirmou.



Todavia, Cigano também disse acreditar que uma reviravolta pode acontecer em sua carreira no UFC.  “Vamos seguir em frente. Vamos esperar os próximos acontecimentos junto ao UFC (sobre uma possível demissão). Ainda sou um dos melhores, continuo em ótima forma e tenho muito o que fazer. Foi um acontecimento atípico, mas agora é corrigir e também deixar para trás”, completou.



Categorias
Lutas
Sem Comentários

Responder

*

*

cinco × cinco =

RELACIONADO POR