Cigano sobre demissão do UFC: “Empolgado para nova fase”; Overeem também é dispensado pela organização

Veteranos passam a integrar time de atletas cortados pelo UFC em onda de demissões anunciada no final de 2020

Dois veteranos do mundo das lutam acabam de integrar a lista de lutadores cortados pelo UFC. Junior Cigano e Alistair Overeem são os mais novos nomes atingidos pela onda de demissões anunciada no final de 2020 por Dana White.

Em mensagem postada em suas redes sociais, o brasileiro se mostrou resignado com a decisão e empolgado com o futuro de sua carreira. “Quero agradecer o UFC pelos meus 12 anos junto a organização. Passei pelos lutadores mais cascudos para conquistar minha chance ao cinturão. Conquistar e defender o cinturão foi uma das grandes honras da minha vida. Obrigado a cada adversário, cada fã, e cada crítico. Vou traçar meu novo começo, e estou empolgado para iniciar uma nova fase”, escreveu.



Por sua vez, Overeem ainda não divulgou nota oficial sobre a demissão. A notícia sobre a dispensa do atleta holandês foi divulgada pelo site  ‘MMA Junkie’.



Categorias
Lutas
Sem Comentários

Responder

*

*

dezessete − oito =

RELACIONADO POR