Cristiane “Cyborg” quer a sua categoria de peso no UFC!

A lutadora Cristiane “Cyborg” Justino tomou as redes sociais para pleitear a criação de sua categoria de peso dentro do UFC. A campeã do Invicta FC luta nos pesos-penas...
Cris "Cyborg" Justino quer sua categoria de peso no UFC (Foto: UFC / Zuffa LLC)

A lutadora Cristiane “Cyborg” Justino tomou as redes sociais para pleitear a criação de sua categoria de peso dentro do UFC. A campeã do Invicta FC luta nos pesos-penas femininos, categoria ainda inexistente no UFC.

Cris "Cyborg" Justino quer sua categoria de peso no UFC (Foto: UFC / Zuffa LLC)

Cris “Cyborg” Justino quer sua categoria de peso no UFC (Foto: UFC / Zuffa LLC)

A atleta usou sua página no Facebook e seu Twitter para pleitear ao UFC pela criação da divisão dos penas femininos na organização:



Todo peso-galo feminino na história do UFC já lutou nos pesos-penas: Miesha Tate, Ronda Rousey, Holly Holm, até Amanda Nunes. Nenhuma destas meninas lutou mais leve do que 135lbs (61,2kg).

Atualmente não há nenhuma garota no top 10 dos pesos-galos femininos que lutou sempre na categoria dos galos e metade delas vem de sequência de derrotas.

Eu sou a única campeã mundial de MMA que desceu de categoria com sucesso para competir em uma superluta ainda mantendo meu título. Eu mereço minha própria categoria.

Estas meninas não querem subir de categoria para lutar comigo e agora os fãs querem que eu lute com elas sem valer título ou que arrisque minha saúde, desça de peso para lutar pela categoria delas. Isto não é justo.

Conquistei meu direito de lutar na minha categoria de peso e todas as lutadoras merecem oportunidades iguais para competirem. Sou a lutadora #1 pound-for-pound de acordo com a ESPN.

O que quer que tenham para fazer, não percam minha próxima luta. Provarei a todos por que essas meninas não lutam mais nesta categoria. Galera da mídia, aí está sua história para esta semana fraca de notícias…

(Trecho traduzido de sua página no Facebook: Cristiane “Cyborg” Santos)

A brasileira estreou no Ultimate no UFC 198, em Curitiba, lutando em um peso casado (140 libras ou 63,5kg) contra Leslie Smith, vencendo por nocaute técnico no primeiro round.

Cyborg estaria envolvida em mais uma luta pelo UFC contra Germaine De Randamie, cogitada para o UFC 201 em um peso casado (140lbs – 63,5kg) mas a brasileira desmentiu, dizendo que sua próxima luta seria pelo Invicta FC, defendendo seu cinturão, sem evento ou data específica.

Você concorda com a brasileira? Gostaria de ver a categoria dos penas femininos no UFC? Comente!

 

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek
Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH



Categorias
Invicta FCLutasMMAMMA femininoMMA InternacionalUFCWMMA

Paulistano, São Paulino, baterista, perito em TI, fanático por lutas e viciado em games. Colunista e redator Nocaute Na Rede.
    Sem Comentários

    Responder

    *

    *

    quinze − 9 =

    RELACIONADO POR