Daniel Cormier pede ao UFC que tirem o cinturão interino dos meio-pesados de Jon Jones.

O campeão se mostra indignado com o fato de Jones ainda ter o cinturão e faz apelo para que o Ultimate o retire de seu desafeto.
(Foto: Josh Hedges / Zuffa LLC)





A rivalidade parece estar longe de terminar. Daniel Cormier se mostra cada vez mais ácido e cáustico quando fala de seu desafeto Jon Jones e não perde nenhuma oportunidade de alfinetar o rival. Em entrevista ao podcast Toe-2-Toe do Sky Sports, Cormier foi claro quanto a manutenção do cinturão interino da categoria pelo rival e pela intenção do UFC em promover uma defesa de cinturão interino entre Jones e Anthony “Rumble” Johnson.

Segundo o campeão, Jones é indigno de ostentar o cinturão e considera ilógico defendê-lo. Aproveitou também para fazer um apelo para que o UFC retire o cinturão interino de Jones. Cormier considera que Jon Jones, por conta de recentes eventos em sua carreira, se desqualificou totalmente de tanto ter o cinturão interino quanto disputar o real.



(Foto: Tatame Online)

(Foto: Tatame Online)





“Uma coisa que eu discordo completamente, e não me importo com quem ouça o que vou dizer, é Jon Jones ainda ser o campeão interino dos pesos meio-pesados do UFC. Não faz o menor sentido. Não deveria nem ser cogitado que ele defendesse o cinturão interino contra Anthony Johnson. Ele se desqualificou totalmente. Tirem logo esse cinturão dele. Espero que o ‘deus Dana’ tenha se enganado quando falou sobre isso. Eles não devem lutar por cinturão interino algum. Poderiam fazer a luta principal de algum grande evento, porque é uma grande luta, com muito apelo. Se eles lutarem, que seja para determinar quem será o desafiante número um, e não o campeão interino. Como alguém pode defender um cinturão interino enquanto o campeão linear assiste?”

(Daniel Cormier ao Podcast Toe-2-Toe sobre Jon Jones)

Cormier também foi indagado quanto à uma possível participação no card do UFC 205 de Nova Iorque mas rechaçou a possibilidade. Cormier comentou que não estará preparado completamente para competir, não tem interesse no momento e que quando está de férias com a família costuma “comer demais”. Entretanto, se mostrou interessado em uma revanche contra Anthony Johnson no final do ano, valendo cinturão, mas que o UFC não havia se manifestado positivamente sobre isso até então.






Categorias
LutasMMAMMA InternacionalUFC

Paulistano, São Paulino, baterista, perito em TI, fanático por lutas e viciado em games. Colunista e redator Nocaute Na Rede.
    Sem Comentários

    Responder

    *

    *

    4 + 15 =

    RELACIONADO POR