Entrevista com “Alemão da Luta”, que explica como anda o wrestling no Brasil atualmente e muito mais

Professor Bacharel de educação física , Coach e atleta de Wrestling, “Alemão da Luta” atualmente treina atletas nacionais e internacionais inclusive do UFC. O Wrestling no Brasil ainda não...

Professor Bacharel de educação física , Coach e atleta de Wrestling, “Alemão da Luta”
atualmente treina atletas nacionais e internacionais inclusive do UFC. O Wrestling no Brasil ainda não é totalmente reconhecido como o Jiu Jitsu, Karatê, Judô entre outros, no entanto o Brasil vem crescendo neste esporte um grande exemplo são as atletas Joice Silva, Aline Silva, Renato Roma, Adrian Jaoude e Davi Albino.

jaoude



No MMA o Brasil também tem e teve grandes representantes como Gleison Tibau, Glover Teixeira, Rodrigo Damm, Antoine Jaoude (Aposentado), Rodrigo Artilheiro, Hacran Dias e Daniel Pirata (Treinador de Wrestling da Nova União).

Confira a entrevista que “Alemão da Luta” concedeu ao Nocaute na Rede:

 -O que falta para o Wrestling ganhar popularidade no Brasil?

“Divulgação da modalidade pela Tv aberta e no caso do MMA nas narrações citar nomes de golpes e explicar que são do Wrestling assim como acontece em outras modalidades . Ou convidar atletas da modalidade a fazerem parte do time de comentaristas . Muitos nem sabem que a maioria dos campeões do UFC tem sua base , vieram do Wrestling ! Muitas vezes quando conto isso a alguns alunos ficam surpresos e logo ficam mais entusiasmados a treinar . Também ha uma necessidade de um aumento no número de competições anuais , pra incentivar os atletas que muitas vezes ficam parados muito tempo isso desmotiva , com isso também ficaria mais fácil o conhecimento do grande público”

-Você acha que o Brasil tem chances de medalhas nos jogos olimpícos de 2016?

“Há alguns anos atrás o Wrestling aqui no Brasil estava engatinhando , hoje podemos dizer que ele já está de pé e andando com passos firmes . Ainda há muito trabalho há fazer e o presidente da cbla juntamente com sua equipe vem fazendo um trabalho árduo e a FEPALO tambem . E um trabalho em conjunto de professores , atletas , presidentes , treinadores todos tentando melhorar e evoluir e levar o Wrestling do Brasil há um patamar onde chegou o nosso judo por exemplo .Portanto eu acredito sim na possibilidade de medalhas principalmente nas categorias 97 kg e 130 kg no estilo greco romano e na categoria até 72 kg feminino”

– Há muitos professores de Wrestling aqui no Brasil?

“Isso é até engraçado , pois muitos atletas vão embora para o E.u.a para treinar Wrestling . Temos um vice campeão mundial aqui no Brasil e professores com mais de 20 anos de experiência pratica e teórica na modalidade . Temos Wrestling em Sorocaba , São Paulo , Osasco , Goiânia , Mato Grosso , Campinas , Rio de Janeiro , jundiai , Minas Gerais etc .. Só não treina quem não quer”

-Qual a principal barreira que o wrestling enfrenta aqui no brasil?

“A cultura , como se o Wrestling fosse coisa de russo , americano ou iraniano e nós só fazemos Jíu Jitsu e o nosso Jíu Jitsu contra o Wrestling que besteira ,ninguém é dono de modalidade nenhuma . O muay thai e tailandês e todo mundo faz ai quando fala em Wrestling e como se tivesse fazendo algo errado ou obrigação de vencer com a ” arte nacional ” , como se estivesse se rendendo its a bullshit . Os americanos não pensaram duas vezes em aprender o Jíu Jitsu mas o contrario sinto uma certa resistência e talvez o ego em alguns atletas fale mais alto . Lembrando que fui praticante de Jíu Jitsu por 10 anos então estou falando de dentro . Lógico que nem todos tem esse pensamento e hoje o atual campeão mundial de Jíu Jitsu é promessa do MMA buchecha treina e muito Wrestling , inclusive o mesmo já esteve por várias vezes treinando na AKA famosa academia de MMA , conhecida pelos excelentes treinos de Wrestling”

-Hoje no Brasil há alguma academia de ponta especializada somente em Wrestling?

“Temos o Sesi de Osasco onde está sendo realizado um trabalho legal , e que já levou e leva atletas para a seleção brasileira de luta olímpica”

-O governo não apoia financeiramente nenhum projeto?

“Muito pouco , sem novidades, mas isso não desencoraja alguns atletas , que mesmo assim aplicam e idealizam alguns”

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

 Escrito por Bruno Fioravanti



Categorias
Lutas

Criado em 14 de agosto de 2013, o Nocaute na Rede tem como principal objetivo FORTALECER o crescimento do esporte pelo Brasil e mundo a fora, é por isso que desde o início divulgamos os pequenos eventos e atletas que estão começando no cenário nacional.
Sem Comentários

Responder

*

*

oito − um =

RELACIONADO POR