Deivison Dragon fala sobre a carreira, sonho de lutar no UFC, e preparação para o combate de hoje a noite

Hoje é dia de Deivison Francisco Ribeiro, mais conhecido no mundo do MMA como “Deivison Dragon”. defender seu título no XFC International 6. O lutador brasileiro vai encarar o norte-americano...

Hoje é dia de Deivison Francisco Ribeiro, mais conhecido no mundo do MMA como “Deivison Dragon”. defender seu título no XFC International 6. O lutador brasileiro vai encarar o norte-americano Waylon Lowe na luta principal do evento que acontece pela primeira vez no Brasil fora das instalações da RedeTV!. O XFC International 6 irá ocorrer no interior de São Paulo, na cidade de Araraquara, e será o evento de abertura da segunda temporada do XFC no Brasil. Confira a entrevista exclusiva com essa fera que nos fala se tem o sonho de ir para o UFC um dia:

“Sim, o Ultimate é sem dúvidas o maior evento de MMA do mundo, e acho que é o sonho de todo atleta é ser campeão do UFC. Mas agradeço ao XFC que também é uma grande organização pela promoção que me deu no MMA, e que ainda há de crescer muito mais.”



15082954742_8cdbb27587_b

Deivison Dragon (Foto: Divulgação / XFC)

Deivison Dragon conquistou o cinturão peso pena do XFC na décima sétima edição do evento, quando derrotou Farkhad Sharipov por decisão unanime. Essa foi a última atuação de Deivison Dragon que fez sua última luta no Brasil pelo Jungle Fight. Dragon possuí um cartel com 26 vitórias, 9 derrotas,e já nocauteou 10 oponentes na carreira. O lutador treina com a fera Luis Sapo, um dos melhores pesos meio médios brasileiros da atualidade, e fala sobre esse crescimento do XFC no Brasil, e o que chamou mais a sua atenção na primeira temporada:

“Digo que eu e meu mestre Luis Sapo fomos os primeiros a divulgar o XFC no Brasil, e fico em feliz e ver o evento crescendo nessa velocidade. Na primeira temporada o que me chamou atenção mesmo foi o torneio feminino que lutaram muito e deram tudo de si, e fiquei feliz em ver tudo isso.”

Deivison já lutou em diversos eventos do Brasil, além do Jungle Fight, passou pelo Dragon Fight, Amazon Fight, Super Grand Prix Combat, entre outros. Somando mais de 30 lutas na carreira, Deivison passou ainda pelo RFA, antes de acertar com o XFC, onde perdeu em sua estréia, mas embalou com uma série de 3 vitórias, que lhe deram o título do evento. Com essa bagagem, Deivison nos responde se é diferente lutar no Brasil: 

“Lutar em casa sempre tem um sabor especial, mas a vontade de vencer é a mesma em qualquer lugar do mundo.”

232837_433079_deivison_dragon___baixa_cred_div_xfc

Deivison Dragon em combate no XFC (Foto: Divulgação / XFC)

Deivison é atualmente o único campeão brasileiro do XFC, e sendo um lutador completo, nocauteou 10 oponentes, e finalizou 4 adversários na carreira. Com 9 derrotas, Deivison também já teve que se superar para ser hoje o lutador que é. O lutador nos conta sobre o quando essas derrotas o serviram de aprendizado, e se isso é um mal necessário para um atleta:

“Existem vários atletas que nunca provaram o amargo da derrota, e mesmo assim são ótimos lutadores. Mas graças a Deus agradeço por minhas derrotas, muitas delas até que injustas, mas me fez crescer e criar um estilo para entrar no cage e definir a lutar, e impor autoridade encima de meus adversários!”

No próximo dia 25 de outubro, acontece no Rio de Janeiro, o UFC 179, que terá o brasileiro José Aldo medindo forças com Chad Mendes em uma aguardada revanche. Melhor peso pena do XFC atualmente, Deivison Dragon deixa seu palpite para o combate entre dois dos melhores lutadores mundo de sua categoria:

“No meu ponto de vista, José Aldo já está bem acostumado a lutar com esses wrestlers, e acredito que vai vencer de novo.”

Deivison altera seus treinos entre a Sapo Fight Team, da fera Luis sapo, e a renomada academia American Top Team nos Estados Unidos. Feras com o Glover Teixeira, Robbie Lawler e Tyron Woodley treinam na academia. Deivison nos fala sobre os seus treinamentos para o combate de logo mais a noite:

“Treinei especialmente com o mestre Katel Kubis, mas conto também com ajuda de toda a equipe de treinadores da American Top Team nos Estados Unidos.

Finalizando a entrevista, o campeão do XFC Deivison Dragon, deixa uma frase para quem nos acompanha e seus agradecimentos:

“Mantenha-se sempre em desenvolvimento, porque tudo que para de crescer está “morto”. 

“Gostaria de agradecer minha família e todos os meu patrocinadores e meus treinadores por nunca desistir de mim e acreditar sempre no meu trabalho. Obrigado e que o Senhor Jesus esteja com todos vocês.”

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqk

Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

Sem título

Escrito por Victor Nunes



Categorias
EntrevistasLutasMMA Internacional

Criado em 14 de agosto de 2013, o Nocaute na Rede tem como principal objetivo FORTALECER o crescimento do esporte pelo Brasil e mundo a fora, é por isso que desde o início divulgamos os pequenos eventos e atletas que estão começando no cenário nacional.
Sem Comentários

Responder

*

*

três + 6 =

RELACIONADO POR