ESPECIAL UFC 210: O QUE ESPERAR DE WILL BROOKS VS. CHARLES OLIVEIRA

Mais um especial do Nocaute Na Rede sobre o que esperar de um dos combates mais pedreira da noite: Charles "Do Bronx" Oliveira sobe aos pesos leves e encara o ex-campeão do Bellator "Ill" Will Brooks
(Foto: SuperLutas)

O UFC 210 está quase aí! Neste sábado, 08 de Abril, 0 Ultimate invade a cidade de Buffalo em Nova Iorque para mais um evento repleto de lutas excelentes. O evento é encabeçado pela revanche entre Daniel “DC” Cormier e Anthony “Rumble” Johnson pelo cinturão dos meio-pesados mas outro dos vários duelos do card pode movimentar a divisão dos pesos-leves consideravelmente e envolve um brasileiro.

Abrindo o card principal, o ex-campeão dos leves do Bellator “Ill” Will Brooks busca recuperação e ascenção no UFC e encara um brasileiro que fará sua estreia nos leves: Charles “Do Bronx” Oliveira. Ambos vêm de derrota em seus últimos confrontos e tentam superar o mau momento e ganhar ímpeto dentro da categoria, que vem ganhando cada vez mais potenciais ameaças ao reinado de Conor McGregor.



Brooks era o rei da sua divisão na organização concorrente do UFC e chegou cheio de pompa ao Ultimate. Venceu a estreia contra Ross Pearson mas foi nocauteado pelo brasileiro Alex “Cowboy” Oliveira. “Do Bronx” é outro que vem de derrota, embora sua situação seja um pouco pior: perdeu 3 das últimas 4. Fará sua estreia nos pesos leves após vários problemas em bater o peso aliados à má sequência de resultados nos últimos combates.

Quem leva a melhor? “Ill” Will Brooks ou Charles “Do Bronx” Oliveira?
(Foto: UFC.com.br)

O QUE ESPERAR DA LUTA?

Brooks é oriundo do wrestling e tem um background respeitável no boxe e kickboxing e é muito perigoso na luta em pé. Já deixou muitos adversários de face para o tablado no Bellator. “Do Bronx” tem sua experiência no jiu-jítsu a seu favor (venceu 13 dos 21 triunfos na carreira por finalização) e seu cartel de finalizações é bastante variado, com estrangulamentos de pé, chaves de perna, dentre outras.

Na luta em pé, o jogo é de Brooks. Joelhadas, cotoveladas, jogo de clinch são grandes assets em seu estilo. Will também é agressivo, impetuoso e pode buscar sufocar o brasileiro a luta inteira. Seu bom condicionamento físico e resistência também são pontos positivos e ele consegue muito bem levar o combate à distância sem perder o pique. Venceu 9 de seus 19 triunfos por decisões dos juízes.

“Do Bronx” é um lutador de chão nato, é muito perigoso e busca sempre a queda e o domínio no solo, por qualquer posição. Já foi provado que consegue tirar finalizações “da cartola” das mais variadas formas (como suas vitórias por chave de panturrilha, guilhotina ou mata-leão em pé e anaconda choke). Na trocação, Do Bronx busca sempre golpes a curta distância para logo em seguida derrubar e até hoje não venceu no UFC por nocaute.

Neste duelo, o que se pode esperar é um Brooks aguerrido, buscando sempre manter o adversário longe, evitar quedas e controlar o cage, confiando em seu potencial em pé. Oliveira tem a vantagem da envergadura maior (em 8cm) então pode tentar frustrar esta estratégia de Will, aproximar-se com golpes à curta distância e tentar a queda, usando seu jiu-jítsu afiado.



Categorias
LutasMMAMMA InternacionalUFC

Paulistano, São Paulino, baterista, perito em TI, fanático por lutas e viciado em games. Colunista e redator Nocaute Na Rede.
    Sem Comentários

    Responder

    *

    *

    3 × 4 =

    RELACIONADO POR