ESPECIAL UFC 211: O que esperar de Demian Maia vs. Jorge Masvidal

O UFC 211 acontece neste sábado 13 de Maio em Dallas, no Texas e seu main event terá disputa de cinturão dos pesos-pesados com Júnior “Cigano” Dos Santos fazendo sua...
(Foto: UFC.COM)

O UFC 211 acontece neste sábado 13 de Maio em Dallas, no Texas e seu main event terá disputa de cinturão dos pesos-pesados com Júnior “Cigano” Dos Santos fazendo sua revanche contra o campeão Stipe Miocic, oponente que o brasileiro já derrotou no UFC. O co-main event terá disputa de cinturão dos palhas femininos, com a polonesa Joanna Jedrzejczyk enfrentando a brasileira Jéssica “Bate Estaca” Andrade.

Entretanto, outro duelo é o tópico central deste artigo. Dois meio-médios se enfrentam em busca de uma posição na disputa pelo cinturão atualmente de Tyron Woodley. O brasileiro Demian Maia enfrenta o “Gamebred” Jorge Masvidal pelo card principal e este duelo promete agitar a categoria e propor um grande desafio a ambos os atletas, com certeza colocando o vencedor no caminho do title-shot.



Maia vem em excelente fase, compilando seis vitórias consecutivas, algumas delas em cima de nomes como Carlos Condit, Matt Brown, Gunnar Nelson e Neil Magny e desde sua descida dos médios para os meio-médios, venceu 9 das últimas 11 lutas. Masvidal vem de três vitórias (contra Ross Pearson, Jake Ellenberger e mais recentemente Donald Cerrone) e vem crescendo na categoria, vencendo 4 de suas últimas 6 lutas.

Os meio-médios Demian Maia e Jorge Masvidal enfrentam-se no UFC 211. O Nocaute Na Rede traz para você o que esperar deste combate, cujo vencedor pode se aproximar do title-shot. (Foto: MMA Imports)

O QUE ESPERAR DO COMBATE?

Masvidal recentemente disse em entrevista que “Maia é um lutador unidimensional”, mas que a “única dimensão do jogo de Maia era impecável”, o que é verdade. Maia é um dos melhores, se não o melhor, grappler de todo o UFC. Seu jiu-jítsu é irretocável e parece não haver oponente que ele não consiga dominar na luta de solo. Surpreendeu atletas perigosíssimos na luta em pé como Carlos Condit e Matt Brown, completamente neutralizando os oponentes.

“Gamebred” é um oponente perigoso e sua trocação vem se mostrando cada vez mais afiada, tendo despachado com facilidade o “caubói” Donald Cerrone por nocaute, superando a trocação afiada e precisa do oponente. Masvidal também tem um bom gás, boa resistência a golpes e sempre busca o combate de forma agressiva e impetuosa. Seu jogo de chão é inferior comparado ao do oponente, mas compensa isto com sua resistência e bom condicionamento.

O combate penderá para quem conseguir impor seu jogo primeiro. Maia já provou conseguir anular strikers com seu jogo de chão, mas já balançou para golpes fortes e acabou perdendo o ímpeto, o que poderá ajudar Masvidal. “Gamebred” tem o bom striking ao seu favor e se for preciso logo no início da luta e evitar quedas a todo custo, terá vantagem sobre Demian, mas à primeira derrubada, todos nós já sabemos o que o ás do jiu-jítsu é capaz de fazer.



Categorias
EspeciaisLutasMMAMMA InternacionalUFC

Paulistano, São Paulino, baterista, perito em TI, fanático por lutas e viciado em games. Colunista e redator Nocaute Na Rede.
    Sem Comentários

    Responder

    *

    *

    19 − 5 =

    RELACIONADO POR