Especial UFC 249: O que esperar de Henry Cejudo vs Dominick Cruz?

O evento será realizado a partir das 19h30, no dia 09 de maio
UFC 249 Henry Cejudo vs Dominick Cruz
UFC 249 Henry Cejudo vs Dominick Cruz (Montagem: Nocaute na Rede)

O maior evento de MMA do mundo retorna neste sábado, dia 09 de maio, para satisfazer a saudade dos fãs. Na penúltima luta do card principal, valendo o cinturão do peso-galo, Henry “The Messenger” Cejudo enfrenta Dominick “The Dominator” Cruz. Alguns pontos serão abordados aqui para que você entenda quem são os dois lutadores e como essa luta pode se desenrolar.

A começar pelo desafiante, Dominick Cruz (22-2) é considerado por muitos o maior nome que a divisão peso-galo já presenciou. Ele fez história no extinto WEC e no UFC. Foi campeão nos dois eventos e enfileirou nomes como  Joseph Benavidez, Brian Bowles, Urijah Faber, Demetrious Johnson e TJ Dillashaw. Cruz, na realidade, é um daqueles casos de talento raro que as circunstâncias não permitem que ele seja maior do que já é. Infelizmente, perdeu muito tempo em sua carreira por conta de lesões, mas mesmo assim conseguiu fazer história. Imagina se não fosse tão inativo?



Por outro lado, apesar da inatividade recorrente e lesões constantes, Cruz nunca caiu de rendimento quando retornou ao octógono. Sempre conseguiu fazer 25 minutos em alto nível, sem “abrir o bico”. O seu jogo de footwork (técnica desenvolvida por ele mesmo), esquivas, movimentação  imprevisível, variação de golpes por diversos ângulos aliado à uma envergadura de 1,75m, cardio impecável e wrestling consistente compensam a falta de punch. Além disso, apresenta uma defesa sólida tanto na trocação quanto no grappling. A taxa de defesa de golpes em pé é de 74%, enquanto a de defesa de quedas é de 83%. Essas estatísticas são de suas últimas 14 lutas, desde o WEC, lutando contra os melhores do mundo. Totalmente fora da curva!

O campeão Henry Cejudo (15-2) chegou com moral ao mundo do MMA. Um wrestler altamente condecorado, Cejudo foi medalhista de ouro olímpico na modalidade aos 21 anos. Daí já era possível ver o quão vitorioso esse cara tinha tudo para ser. E foi! Lutando pelo cinturão pela primeira vez contra Demetrious Johnson, Henry, que era um tanto cru, foi nocauteado depois de receber várias joelhadas no clinch. Em sua próxima luta, foi derrotado em uma decisão dividida bastante contestada contra Joseph Benavidez. A partir daí, o baixinho não parou de vencer. Acabou com o reinado de Demetrious Johnson, nocauteou TJ Dillashaw e se tornou campeão da categoria peso-galo nocauteando ninguém menos que Marlon Moraes.

Treinando com Eric Albarracin e com os irmãos Pitbull, Cejudo obteve uma evolução significativa na trocação. Adotou a base de karateca e passou a desferir golpes em linha reta, sempre consciente de cada ato. Apesar da pouca variação em pé, o californiano soma isso com seu wrestling de alto calibre e uma pressão intensa sobre os adversários. Tanto é que não precisou recorrer ao wrestling para vencer Marlon Moraes. Já contra Demetrious Johnson, mesclou muito bem as ações trocando e derrubando, o que permite exaltar seu QI de luta.

Para a luta de sábado, Dominick Cruz é azarão, pagando quase o triplo para quem apostar nele. Então você se pergunta o porquê disso, certo? Cruz está inativo por conta de lesões desde dezembro de 2016, o que pode prejudicá-lo quanto ao ritmo de luta e um possível envelhecimento prejudicial. O que torna essa luta interessante é saber como Cruz voltará. Ele está com 34 anos, apenas um ano mais velho que o campeão, e se em outrora, depois de outros cancelamentos por lesão, ele voltou bem, dá para supor que isso se repetirá agora? Isso é uma incógnita e só saberemos na hora. Mas a Alliance MMA, academia onde Cruz treina, está funcionando durante a pandemia. Ele registrou treinos com Jeremy Stephens e Ângela Hill. O “Triple C”, pelo contrário, já estava treinando para uma luta contra José Aldo. O desafiante entra como substituto com algumas semanas de antecedência para se preparar.

Estilisticamente falando, como esses dois se encaixam em uma luta?

Na trocação, Cruz é absurdamente superior. Além de ser ambidestro, mais rápido, criativo, técnico e experiente, ele também terá uma vantagem de 12 centímetros de envergadura (!). Isso permite que Cruz leve vantagem tanto caçando quanto sendo caçado, já que Cejudo está em fase de desenvolvimento em pé e ainda é um tanto previsível. Por outro lado, o campeão é um wrestler de elite, que derrubou quem quis até hoje. Mas a questão é: Cejudo conseguirá achar a distância correta para desenvolver seu wrestling ao longo do combate? A resposta dependerá de qual Cruz aparecer no combate do dia 09 de maio. Se as palavras de Dominick Cruz, que em algumas entrevistas já disse que nunca fica fora de ritmo e sempre se mantém treinado, forem verdadeiras, ele deve se sobressair. Mas, se um Dominick Cruz enferrujado aparecer no octógono, Cejudo deve infernizar a sua vida impondo muita pressão e justificando seu amplo favoritismo na teoria.

E aí, em qual dos dois cenários você acredita?

Confira o card completo do UFC 249
9 de maio de 2020, em Jacksonville (EUA)
CARD PRINCIPAL (23h, horário de Brasília):
Peso-leve: Tony Ferguson x Justin Gaethje
Peso-galo: Henry Cejudo x Dominick Cruz
Peso-pesado: Francis Ngannou x Jairzinho Rozenstruik
Peso-pena: Jeremy Stephens x Calvin Kattar
Peso-pesado: Greg Hardy x Yorgan de Castro
CARD PRELIMINAR (19h30, horário de Brasília):
Peso-meio-médio: Donald Cerrone x Anthony Pettis
Peso-pesado: Alexey Oleinik x Fabricio Werdum
Peso-palha: Carla Esparza x Michelle Waterson
Peso-médio: Ronaldo Jacaré x Uriah Hall
Peso-meio-médio: Vicente Luque x Niko Price
Peso-pena: Charles Rosa x Bryce Mitchell
Peso-meio-pesado: Ryan Spann x Sam Alvey

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: http://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: http://on.fb.me/18HEkvH



Categorias
LutasMMAMMA InternacionalUFC
2 Comentários nesta publicação.
  • Ulises
    5 junho 2020 at 10:00
    Responder

    Amei seu análises! Vou continuar de olho em seus posts, gostei muito! Parabéns.

    Obs. O CAPTCHA do post do evento 250 não está funcionando corretamente.

    • Gabriel Campos
      11 junho 2020 at 02:38
      Responder

      Obrigado, meu amigo. Agradeço pela atenção!

    Responder

    *

    *

    5 × 3 =

    RELACIONADO POR