Especial UFC On Fox 23: O que esperar do duelo Valentina Shevchenko vs. Julianna Peña?

Confira mais um especial do UFC on Fox 23, desta vez destrinchando o main event da noite.
(Foto: Super Lutas)

Neste sábado, o UFC on Fox 23 será realizado em Denver, Colorado e o main event promete movimentar a divisão dos galos femininos e quem sabe determinar a próxima adversária de Amanda Nunes. Duas atletas de altíssimo nível da divisão colidirão em um confronto que promete muita ação, do começo ao fim.

De um lado, a quirguiz-cazaque-russa radicada no Peru Valentina “The Bullet” Shevchenko e do outro, a venezuelana-americana Julianna “The Venezuelan Vixen” Peña. Shevchenko está no UFC desde 2015 e Peña foi vencedora do The Ultimate Fighter 18 em 2013, sendo contratada do Ultimate deste então.



Valentina começou sua carreira no MMA lutando no Quirguistão, seu país de origem, e já passou pela Rússia, pelo Casaquistão, pela Coréia do Sul e pelo Peru (onde reside e treina até hoje) até chegar no UFC. Além do MMA, Valentina tem uma vasta experiência no kickboxing, com 58 vitórias em 61 combates, e fez duas lutas profissionais de boxe, vencendo as duas. No MMA, a bela coleciona 13 trunfos e apenas 2 reveses, tendo, no UFC, derrotado a ex-campeã de sua categoria Holly Holm e perdendo apenas para a atual campeã Amanda Nunes.

Julianna é natural de Spokane, Washington, e entrou no MMA em 2009. Ostentou cartel de 4 vitórias e 2 derrotas até participar do The Ultimate Fighter 18: Team Rousey vs. Team Tate. Venceu as três adversárias que enfrentou (Gina Mazany, Shayna Baszler e Sarah Moras) e dentro do UFC, ainda não perdeu. Ficou o ano de 2014 afastada por lesões e retornou em grande estilo, batendo Milana Dudieva por nocaute técnico em Abril de 2015. Vem embalada por trunfos sobre Jessica Eye e Cat Zingano e já foi à mídia várias vezes pleitear uma disputa de cinturão.

(Foto: UFC.COM)

(Foto: UFC.COM)

O que esperar da luta?

Ambas vêm focadas e dispostas a entregarem tudo de si dentro do octógono. Tanto Shevchenko quanto Peña são oriundas do kickboxing e possuem trocação afiadíssima, mas o jogo de chão das atletas é igualmente perigoso, visto que tanto Peña quanto Shevchenko têm várias vitórias por finalização em seu cartel. Julianna tem o jiu-jítsu, o wrestling e o kickboxing ao seu lado enquanto Valentina além do kickboxing, tem o taekwondo, o boxe o muay thai e o judô como aliados.

Julianna é rápida, tem físico imponente e é bastante explosiva. Costuma encurtar a distância, usar o clinch e derrubar, mas quando é exigida na luta em pé não deixa a desejar. Com mão pesada, ground and pound feroz e um alto poder de derrubada, uma opção é usar estas armas para sufocar e pontuar sobre Shevchenko usando o ground and pound.

Valentina pode usar a vasta experiência para frustrar as tentativas de queda de Julianna, focar na luta em pé e usar seu boxe e muay thai para golpear a curta distância e pontuar. Com seu molejo, seu arsenal de chutes, cotoveladas, golpes rodados e socos no contragolpe, Shevchenko é uma adversária com a qual Julianna deve tomar muito cuidado. Se a luta for para o chão, a experiência no judô pode também ajudar a quirguiz a não fazer feio.

Valentina Shevchenko vs. Julianna Peña promete ser aquele combate digno de main event, com ação do começo ao fim, performances de gala das duas atletas, cujo desfecho dirá para nossa campeã Amanda Nunes o que a aguarda para o futuro…



Categorias
EspeciaisLutasMMAMMA InternacionalUFC

Paulistano, São Paulino, baterista, perito em TI, fanático por lutas e viciado em games. Colunista e redator Nocaute Na Rede.
    Sem Comentários

    Responder

    *

    *

    19 + 8 =

    RELACIONADO POR