Ex campeão do UFC é preso após ser confundido com criminoso

Após retornar da Ásia, o ex campeão peso médio Rich Franklin acabou sendo “preso” ainda no aeroporto. O lutador retornava de Singapura. “Aparentemente, há um criminoso que tem o...

Após retornar da Ásia, o ex campeão peso médio Rich Franklin acabou sendo “preso” ainda no aeroporto. O lutador retornava de Singapura.

(Foto: Reprodução)

(Foto: Reprodução)

“Aparentemente, há um criminoso que tem o mesmo nome e sobrenome que eu e, possivelmente, a mesma data de nascimento. Nunca tive problemas saindo do país, mas toda vez que volto, e isso começou há cerca de 10 anos, eles sempre me puxam de lado e fazem uma série de perguntas para verificar a minha identidade. Só que, geralmente, eles me liberam depois disso”, explicou Rich ao site da Fox Sports, nos EUA.



Nesta terça feira, a situação do ex campeão não foi tão tranquila como costumava ser. 

“Eles colocaram um ‘X’ nos meus recibos, o que já é normal para mim, então uma policial fez algumas perguntas sobre as minhas viagens para a Ásia, olhou para seu companheiro de trabalho e disse: “10:15″. Eu achei aquilo estranho, porque não eram 10h15 da manhã. Para resumir a história, ali mesmo na imigração, o policial saiu de sua cabine e me algemou com as mãos para trás”, revelou o ex lutador.

Franklin achava que sua explicação seria suficiente como sempre ocorria, no entanto um policial acabou algemando-o e o fez andar assim por todo o aeroporto, colocando-o em uma cela enquanto iria buscar pela suposta ficha criminal de Rich.

“Eu perguntei a ele se estava sendo preso e ele disse que ainda iria determinar isso. Então eles me fizeram descer as escadas, perto da área de pegar a bagagem e em frente a todas essas pessoas que estavam no mesmo voo que eu, e me colocaram em uma cela. A pior parte foi que, quando eu estava no avião, alguns fãs me reconheceram e pediram fotos. Depois, eles me viram passaram algemado. Todos os fãs que estavam no meu vôo me viram de algemas”, contou Franklin.

Durante 15 minutos, Rich Franklin ficou na cela aguardando o retorno do policial. Ao constatar que não se tratava da pessoa pela qual buscavam, acabaram liberando-o.

“Naquele momento eu já estava muito irritado. Eu queria todas as minhas coisas de volta. Voltei da Ásia porque estava dando uma palestra para os militares no fim de semana. É por isso que estou aqui. Isso é insano!”, concluiu Franklin, indignado.

Franklin está aposentado desde o ano passado, e atualmente faz constantes visitas a Ásia por conta de seu trabalho como vice presidente do One Championship.

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek
Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

Escrito por Kaio Teixeira Lima



Categorias
MMA Internacional

Pai, marido, neto, amante da família; filho de Deus; Graduando em Comunicação Social (Rádio e TV) na Universidade Federal do Maranhão; Editor chefe do Nocaute na Rede,; Redator nas seções de MMA nacional e internacional; Apaixonado por rádios, jornais, livros, podcasts, filmes, séries, comidas, esportes em geral; MMA é uma paixão absurda; Praticante de MMA e muay thai; Crítico Social
Sem Comentários

Responder

*

*

vinte + 20 =

RELACIONADO POR