Ex-lutador do UFC é preso nos EUA e irá responder acusações de porte ilegal de arma de fogo e violência doméstica.

Depois de um hiato de aproximadamente dois anos, o ex-lutador americano Chris Leben volta a aparecer na mídia. Infelizmente, sua aparição não está relacionada ao MMA. O lutador ianque...

Depois de um hiato de aproximadamente dois anos, o ex-lutador americano Chris Leben volta a aparecer na mídia. Infelizmente, sua aparição não está relacionada ao MMA. O lutador ianque voltou a figurar nas páginas policiais após ter sido preso na última quarta feira (22) na cidade de San Diego, na Califórnia (EUA). Os crimes imputados ao ex UFC são de violência doméstica, porte ilegal de arma de fogo e vandalismo. Chris Leben deverá comparecer em audiência a ser realizada no dia 08 agosto, oportunidade na qual poderá pagar a fiança, arbitrada no valor aproximado de R$ 334 mil.



Chris Leben encara Wanderlei Silva após a pesagem da luta ocorrida no UFC 132.

Chris Leben encara Wanderlei Silva após a pesagem do UFC 132 (mmaweekly.com).

Leben já teve problemas com a lei no passado: ele já foi preso dirigindo sob efeito de álcool em duas oportunidades. “The Crippler” participou da 1ª edição do reality show “The Ultimate Fighter” e já demonstrava nessa época enfrentar problemas relacionados ao uso abusivo de álcool. O atleta anunciou a sua aposentadoria no ano de 2013, após ser derrotado e amplamente dominado pelo lutador jamaicano Uriah Hall, no UFC 168, evento ocorrido no final de 2013. Leben já enfrentou grandes nomes do esporte em sua trajetória de pouco mais de 10 anos no MMA. Podemos citar como adversários de renome: Anderson Silva, Michael Bisping, Yoshihiro Akiyama, Wanderlei Silva entre outros.

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek
Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

Escrito por Luiz Fernando Knoll Junior



Categorias
LutasMMA InternacionalUFC

Entusiasta da Nobre Arte e do MMA desde tenra idade. Posso me gabar de ter nascido em uma geração que acompanhou as lutas de Mike Tyson, Maguila, Holyfield, Foreman, Roy Jones Jr, Popó, entre outros e de ter acompanhado os primórdios do MMA (antigo Vale Tudo), desde o chute de Gerard Gordeau em Teila Tuli, o massacre que Rickson Gracie promoveu no Japão, até os dias de hoje, com atletas marciais completos como Jon Jones. Nasci em Curitiba, terra da Chute Boxe e de valorosos guerreiros e espero trazer um pouco dessa experiência para os leitores do Nocaute na Rede.
    Sem Comentários

    Responder

    *

    *

    1 × 5 =

    RELACIONADO POR