Ex presidente do Strikeforce assume o Bellator e torneios são extintos

Um grande mudança em um dos maiores eventos de MMA do mundo foi anunciada pela Viacom no dia de ontem, a grande emissora dos EUA que detém os direitos...

Um grande mudança em um dos maiores eventos de MMA do mundo foi anunciada pela Viacom no dia de ontem, a grande emissora dos EUA que detém os direitos de transmissão do Bellator anunciou a saída de dois diretores, Bjorn Rebney, fundador, CEO e rosto do Bellator, e Tim Danaher, presidente e chefe de operações. Dessa forma Scott Coker, ex-CEO do Strikeforce, foi anunciado como substituto de Rebney. Outra grande mudança será o fim dos GP’s que deve ser extinto, assim o evento deva assumir uma fórmula similar a do UFC.

combate.com

Bjorn Rebney e Scott Coker (Foto: Combate.com)

Bjorn Rebney foi o fundador e grande nome que fez do Bellator o que é hoje, considerado o segundo maior evento de MMA do mundo, só atras do UFC, e sua saída se deve a mal entendimento com a Viacom. Rebney falou sobre a sua saída da organização:



“É com emoções amargas que eu anuncio que estou deixando a companhia que fundei. Tenho grande orgulho em ter tornado minha visão em realidade, um negócio bem sucedido com distribuição televisiva em mais de 140 países, uma parceria com um dos maiores gigantes de entretenimento do mundo e um amplo grupo de patrocinadores, parceiros e aliados estratégicos por todo o globo. Foram mais de oito anos maravilhosos de criação, desenvolvimento e sucesso. Vou sentir falta dos lutadores dedicados, corajosos e fortes que tive o prazer de promover, e igualmente, vou sentir falta do time incrivelmente batalhador que se tornou uma família para mim através dos anos. Viacom e Tim e eu tivemos diferenças nas nossas visões para a direção estratégica certa para o Bellator, mas Tim e eu ambos desejamos o bem a eles.”

Seu substituto, Coker fundou o Strikeforce em 1985, e quando o evento que começou com o kickboxing, investiu no MMA, em três anos ganhou o mundo, e foi comprado pela Zuffa, grupo proprietário do UFC. Já sobre a outra grande mudança que deve acabar com os torneios, Kevin Kay, presidente da Spike TV falou sobre:

“Estamos empolgados em ter para nos liderar numa nova direção, conforme nós desenvolvemos o formato da liga de uma organização baseada em torneios para um modelo mais tradicional com grandes lutas.”

Agora como fim dos torneios, mais grandes lutas casadas devem ser feitas, mas essa mudança pode prejudicar as grandes promessas que surgiam a cada ano nos torneios. 

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

Sem título

Escrito por Victor Nunes



Categorias
BellatorLutas

Criado em 14 de agosto de 2013, o Nocaute na Rede tem como principal objetivo FORTALECER o crescimento do esporte pelo Brasil e mundo a fora, é por isso que desde o início divulgamos os pequenos eventos e atletas que estão começando no cenário nacional.
Sem Comentários

Responder

*

*

17 − 7 =

RELACIONADO POR