#FalaCarlão: Futuro dos médios no UFC

No último final de semana, o mundo do MMA ficou chocado com a performance do norte- americano Luke Rockhold, que venceu o ex-campeão dos meio pesados Lyoto Machida com...

Carlao-Barreto

No último final de semana, o mundo do MMA ficou chocado com a performance do norte- americano Luke Rockhold, que venceu o ex-campeão dos meio pesados Lyoto Machida com muita facilidade, dominando o brasileiro de uma forma impressionante!



Confesso que já vi a luta cinco ou seis vezes para entender a diferença de nível dos atletas nesse combate. Não posso afirmar que Lyoto tinha algum problema, ou que não fez o treinamento da forma adequada. A única coisa que afirmo, é que não era o mesmo lutador que outrora fez lutas de muita qualidade técnica contra grandes oponentes.

Digo isso, incluindo as derrotas e não apenas as vitórias conquistadas pelo atleta brasileiro. Você até pode não curtir o estilo do Lyoto, mas jamais poderá dizer que ele não é um bom lutador. Neste combate, porém, ele estava mais lento que o habitual, apático em alguns momentos, parecia procurar entender o que estava acontecendo. Só que do outro lado, Rockhold parecia um tubarão sentido o cheiro de sangue, caçando seu adversário no cage.

O californiano se apresentou de forma perfeita, soube aproveitar o vacilo de seu adversário, com um bom tempo de golpes e transições no solo e trabalhou com pressão e eficiência, finalizando Lyoto sem deixar espaço para dúvidas.

Não estou querendo achar uma desculpa para a derrota do Lyoto, nem tenho por que fazê-lo, mas enquanto Luke estava em um dia inspirado, o brasileiro estava em um daqueles dias em que é melhor nem sair de casa.

Luke Rockhold finaliza Lyoto

(Foto: Getty Images)

 

Diante da apresentação de Rockhold, a disputa para ver quem será o próximo desafiante ao cinturão ficou mais acirrada. Se Jacaré era apontado como o próximo desafiante, isso agora é questionado. Muitos falam que Jacaré merece ser o desafiante( me incluo nesse grupo), pois venceu todos que foram colocados à sua frente; outros questionam isso ao afirmarem que Jacaré não venceu nenhum top 5.

Na outra ponta, Luke Rockhold grita aos quatro cantos que ele é merecedor do título de “melhor desafiante”, conseguindo com isso a atenção da mídia e muitos seguidores à sua opinião.

Na verdade, sejamos práticos: seja Chris Weidman ou Vitor Belfort o campeão, eles não deverão colocar sua “cinta” em jogo este ano, é uma possibilidade muito pouco provável. Então, uma luta entre Jacaré e Rockhold segue como uma boa opção. Eles já têm, inclusive, um histórico, quando o norte-americano destronou o brasileiro no extinto Strikeforce (mesmo Jacaré não admitindo isso, e afirmando que foi “roubado” pelos juízes), esse fato já venderia um rematch. Porém, para adicionar gasolina a essa fogueira de vaidades, tem a briga pela disputa do cinturão.

As apostas estão lançadas, mas a definição mesmo só vai acontecer após o encontro entre Chris Weidman x Vitor Belfort. Dependendo do resultado e da forma como essa luta irá se desenrolar, saberemos o futuro da divisão dos médios.

Enquanto isso, nós, pobres mortais, nos divertimos com as farpas entre os candidatos, as opiniões dos fãs defendendo seus ídolos e a espera da disputa pelo cinturão dos médios.

E pensar que há dois anos isso era pouco provável devido ao total domínio de Anderson Silva… C’est la vie.

Vamos à luta!

Para me seguir nas redes sociais:

https://twitter.com/Carlao_Barreto
https://www.facebook.com/carlaobarretoMMA

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH



Categorias
Carlão BarretoLutasOpiniãoUFC

Criado em 14 de agosto de 2013, o Nocaute na Rede tem como principal objetivo FORTALECER o crescimento do esporte pelo Brasil e mundo a fora, é por isso que desde o início divulgamos os pequenos eventos e atletas que estão começando no cenário nacional.
Sem Comentários

Responder

*

*

quinze + catorze =

RELACIONADO POR