Fotos, resultados completos e destaques da noite do JVT Championship 12

Zebroski e Edison Lopes defendem cinturão com sucesso; Claudir Dutkevis supera Adilson Ramos na revanche dos pesos penas;
silas-robson-vs-dimitry-zebroski
Dimitry Zebroski venceu a revanche sobre Silas Robson e permaneceu como o campeão peso médio do JVT Championship (Foto: Renan Assunção/Nocaute na Rede)

Na noite do último sábado (20), o maior banner de MMA do estado gaúcho retornou a ação, o JVT Championship. Regido por Jorge Velho, o evento chegou a sua décima segunda edição, no Ginásio Vascão, em Caxias do Sul/RS, com 8 combates pelas regras do MMA Profissional e 1 nas regras do K-1 Profissional.

A luta principal do evento, composta pela esperançosa disputa de cinturão e revanche entre os pesos médios, Dimitry Zebroski e Silas Robson, não passou do primeiro round. Após muita polêmica envolvendo o primeiro duelo entre os atletas – onde Dimitry saiu vitorioso – não deixou dúvidas para o segundo confronto. Com mais “sangue no olho”, o atleta da Sombra Team e até então campeão da categoria, Zebroski comandou o confronto, andando para frente e ditando o ritmo da luta. Há 30 segundos do primeiro assalto, Dimitry Zebroski acertou uma sequência de joelhada seguida de socos, obrigando o árbitro central, Paulo Nichele, a interromper o combate e nomear Dimitry como o ainda campeão peso médio do JVT Championship. Com o triunfo, Dimitry emplacou sua décima quinta vitória no cartel de MMA profissional.



dimitry-zebroski

Dimitry Zebroski venceu a revanche sobre Silas Robson e permaneceu como o campeão peso médio do JVT Championship (Foto: Renan Assunção/Nocaute na Rede)

No co-main event da noite, na disputa do cinturão dos pesos penas, o atleta da casa Claudir Dutkevis conseguiu superar Adilson “Pica-Pau” Ramos em uma verdadeira guerra. Após perder seu reinado, na edição passada, Claudir conseguiu mostrar porque é um dos melhores trocadores do estado gaúcho. Com um estilo Carateca, sempre jogando no contra ataque, o gaúcho de 33 anos superou seu rival na decisão unânime dos árbitros laterais e vencer assim a revanche contra o forte atleta da X-Gym que tinha em seu córner Josuel Distak, um dos maiores treinadores de MMA e responsável pela preparação de grandes campeões brasileiros. Com a conquista, Claudir alcançou a marca de 18 vitórias e apenas 6 derrotas no cartel profissional.

claudir-dutkevis

Claudir Dutkevis venceu Adilson Ramos por decisão unânime e se tornou novamente o campeão peso pena do JVT (Foto: Renan Assunção/Nocaute na Rede)

Em combate válido pela disputa de cinturão dos pesos pesados, o veterano e incansável campeão Edison Lopes defendeu o cinturão com autoridade e predominância diante do jovem gaúcho de 25 anos, Leandro Xavier. Pressionando desde o primeiro segundo, Edison usou seu bom jogo de wrestling e trocação para derrotar Leandro aos 3 minutos e 19 segundos do primeiro round por nocaute técnico. Com a vitória, o experiente gaúcho de 38 anos soma agora 8 triunfos em sua carreira profissional de MMA.

edison-lopes

Edison Lopes venceu Leandro Xavier por TKO no primeiro round e permaneceu com o campeão peso pesado do JVT (Foto: Renan Assunção/Nocaute na Rede)

DESTAQUES DA NOITE (por Nocaute na Rede)

Nocaute da noite: Vinicius “Prego” sobre Tiago dos Santos Ebertz
Luta da noite: Claudir Dutkevis vs Adilson Ramos “Pica-Pau”

Para ver a galeria completa de fotos do evento, clique aqui.

Resultados completos:

MMA PROFISSIONAL

até 77kg: Dimitry Zebroski (Sombra Team) venceu Silas Robson (Training/Art Of Fighting) por Nocaute Técnico aos 04:31 do 1º Round;

até 66kg: Claudir Dutkevis (Training) venceu Adilson Ramos “Pica-Pau” (X-Gym) por Decisão Unânime;

até 120kg: Edison Lopes (Lion Team/Mohamed Jehad) venceu Leandro Xavier (Spartacus) por Nocaute Técnico aos 03:19 do 1º Round;

até 66kg: Leandro Barbosa (Jorge Velho Team) venceu Gean Lobor (Gean Thai/Elite Thai MMA) por Decisão Dividida;

até 70kg: Fernando Colman (Training) venceu Igor Mieres (Garra Team Caldeira) por Decisão Unânime;

até 61kg: Vinicius “Prego” (Sombra Team) venceu Tiago dos Santos Ebertz (Garra Team Caldeira) por Nocaute Técnico aos 02:39 do 1º Round;

até 67kg (peso combinado): José Santos (Lion Team/Mohamed Jehad) venceu Lucas Marcon (Training/Art Of Fighting) por Desistência;

até 86kg (peso combinado): Felipe Boaventura (Sombra Team) venceu Rafael “Ogro” Xavier (Nova União/Marcos Cunha) por Nocaute Técnico aos 00:40 do 1º Round;

K-1 PROFISSIONAL

Maicon Tedesco (Naja Torres Team) venceu Gabriel Velho (Training) por pontos



Categorias
JVT ChampionshipLutasMMA Nacional

Louco por MMA Internacional e Nacional - Owner do Nocaute na Rede"1% de chances SEMPRE confiante"
    Sem Comentários

    Responder

    *

    *

    4 × 3 =

    RELACIONADO POR