Gleison Tibau comenta acusação de Andrew Mclnnes, sobre usar doping

Na tarde desta quarta-feira, dia 11 de fevereiro, quando saia de mais um treino na American Top Team, fui surpreendido pela informação que o lutador Andrew Mclnnes concedeu entrevista...

Na tarde desta quarta-feira, dia 11 de fevereiro, quando saia de mais um treino na American Top Team, fui surpreendido pela informação que o lutador Andrew Mclnnes concedeu entrevista e direcionou para mim seu ponto de vista negativo sobre doping, me chamando de ‘bombado’ e garantindo que eu uso substâncias proibidas para melhorar minha performance dentro do octógono do UFC. Sou totalmente contra qualquer fator que beneficie atletas em seu rendimento. Para mim, apenas treino e habilidades devem ter influência no resultado final de uma luta.

(Foto: UFC)

(Foto: UFC)

Nota Oficial:



“Sinceramente, não o conheço. Meu desconhecimento sobre ele é de cunho pessoal e profissional, pois nunca assisti ou ouvi falar de suas lutas. Assim, fui checar na internet sobre ele, e vi que tem pouco tempo de carreira no MMA. Em toda minha vida como lutador, eu fiz mais exames anti-doping pelo UFC do que ele tem de lutas profissionais. Tenho 15 anos de carreira, estou presente na história da maior organização de MMA do mundo como um dos lutadores que mais pisou no octógono, com 24 lutas só pelo evento. No total, são 43 lutas profissionais, e em nenhuma delas fui flagrado por doping ou fiquei acima do limite de peso da minha categoria, atualmente o peso-leve (70,3kg)”.

“Por tudo isso, lamento profundamente a declaração do Mclnnes e/ou de qualquer outra pessoa que insinue que pratico algo ilegal no esporte ou na vida. No mais, desejo ao atleta sucesso na carreira e na vida”.

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

 



Categorias
LutasUFC

27 anos, gaúcho, bacharel em administração.
Sem Comentários

Responder

*

*

cinco × um =

RELACIONADO POR