Luana Pinheiro faz a primeira luta feminina da história do Bahrein

Luana Pinheiro vai entrar na história do MMA feminino no Bahrein no próximo dia 15 de novembro. Em uma das datas mais importantes do calendário do Brave Combat Federation,...
Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Luana Pinheiro vai entrar na história do MMA feminino no Bahrein no próximo dia 15 de novembro. Em uma das datas mais importantes do calendário do Brave Combat Federation, na semana internacional de artes marciais no país do Oriente Médio – o maior festival de lutas da Ásia -, a paraibana vai encarar a inglesa Helen Harper na primeira luta feminina do esporte no Bahrein, em combate válido pelo peso palha (até 52 quilos).

“É gratificante fazer parte de algo tão grandioso. O MMA feminino ainda é algo muito recente e fazer parte da história dele e, principalmente, da história de um país me deixa muito honrada. Mas não posso me satisfazer apenas com essas conquistas. Primeiro objetivo é sair também como a primeira vencedora de uma luta feminina no Bahrein. E continuo trabalhando de forma consistente para conquistar coisas muito maiores para minha carreira”, comentou a atleta que possui um cartel de sete lutas, com seis vitórias e apenas uma derrota.

Além do pioneirismo da luta, que por si só já traz maior responsabilidade para Luana, Helen Harper também será o maior desafio até então da jovem carreira da ex-judoca. A inglesa tem um cartel com quatro vitórias e duas derrotas, tendo já participado do programa The Ultimate Fighter, que busca revelações para o elenco de lutadores do UFC e também lutou em eventos do Bellator, uma das maiores organizações de MMA do mundo.



Luana refletiu sobre a responsabilidade de encarar alguém com tamanha experiência e o quanto isso é importante para seu crescimento profissional no Brave CF 29.

“É o maior desafio que vou enfrentar até então na minha carreira no MMA, sem sombra de dúvidas. Além das qualidades dela como lutadores, que são muitas, ela tem uma experiência enorme, com participação em grandes eventos ou shows, como o Bellator e TUF. Mas é por isso que optei por essa carreira. Para encarar grandes lutas, grandes desafios e sair deles como vencedora. É um passo adiante na minha trajetória no esporte e estou preparada para ele”, disse.

Aos 26 anos e após sete lutas, Luana Pinheiro está tendo maior visibilidade fora do país. Em 7 de setembro, fez sua estreia internacional na Colômbia, no Brave, vencendo sua luta no primeiro round, através de um mata-leão. Agora, será uma das estrelas no evento que coroa a semana internacional das artes marciais no Bahrein.

“No judô, já tinha tido várias experiências em outros países, outras culturas. Mas no MMA minha carreira estava restrita ao Brasil, às lutas por aqui e aos eventos nacionais. Claro que fico muito feliz lutando no Brasil, tendo meus amigos e família por perto torcendo por mim. É uma energia surreal que é difícil replicar em qualquer lugar. Mas é gratificante também lutar fora do país para uma nova audiência. É sinal que meu trabalho está sendo reconhecido, e chamando a atenção de mais pessoas”.

Brave CF 29

15 de novembro, sexta-feira, 10h30

Card principal

José Torres x Marcel Adur (disputa de cinturão do peso mosca)

Hamza Kooheji x Nahuel Gandolfi (peso galo)

Felipe Silva x Guram Kutateladze (peso leve)
Luan Santiago x Gadzimusa Gadzhiev (peso superleve)

Abdul Al-Selwady x Dumar Roa (peso pena)

Luana Pinheiro x Helen Harper (peso palha)

 

Campeonato Mundial KHK peso livre

Guto Inocente x Azamat Murzakanov (peso livre)

Kleber Orgulho x Mohammad Fakhreddine (peso livre)

Card preliminar

Amir Albazi x Ryan Curtis (peso mosca)

Hussain Maki x Matiss Zaharovs (peso mosca)

Ilia Topuria x Steven Gonçalves (peso pena)

Ali Al Qaisi x Jeremy Pacatiw (peso galo)

Dean Garnett x Rany Saadeh (peso galo)
Tae Kyun Kim x Erick da Silva (peso pena)


Categorias
Brave CFEntrevistasLutasMMAMMA femininoMMA Internacional

Bacharelando em Jornalismo, Analista de MMA e boxe no PitacoEsportivo.com e Nocaute na Rede. Contatos: [email protected] (via e-mail) e @kauemcd (via Twitter)
    Sem Comentários

    Responder

    *

    *

    um × 1 =

    RELACIONADO POR