Lutador amazonense Fabiano Rodrigues alimenta “sonho americano” no MMA

O lutador amazonense Fabiano Rodrigues, o “Rato”, entra na reta final de preparação visando seu segundo combate no evento South Texas Fighting Championship (STFC), marcado para o dia 9...
Foto: Emanuel Mendes Siqueira

Foto: Emanuel Mendes Siqueira

O lutador amazonense Fabiano Rodrigues, o “Rato”, entra na reta final de preparação visando seu segundo combate no evento South Texas Fighting Championship (STFC), marcado para o dia 9 de maio, nos Estados Unidos. Para realizar o que ele chama de “sonho americano” o primeiro desafio será arrecadar aproximadamente R$ 5 mil para custear a viagem internacional.

Competidor do peso pena (até 66kg), Fabiano já tem a papelada necessária para viajar para terra do presidente Barack Obama, mas esbarra num drama pessoal: está desempregado e a oportunidade de ouro pode acabar em frustração. Ele pede apoio do Governo, da Prefeitura e da iniciativa privada.



“Estou correndo atrás de patrocínio para representar o Amazonas lá fora, pois estou desempregado. Lutar nos Estados Unidos é o sonho de todo atleta e não posso perder essa chance”, diz o lutador de 31 anos, casado e pai de um filho.

Apesar da adversidade, “Rato” não joga a toalha e rala diariamente no tatame e no octógono. Nesta quinta-feira, ele fez mais uma sessão de treinos com o amigo e faixa preta Fábio Saci, no Clube Orley Lobato, no Japiim, Zona Sul de Manaus.

A técnica é apurada na raça. Fabiano é faixa preta de jiu-jítsu, mas se destaca nos octógonos pela combinação de socos, de chutes altos e de um perfeito jogo de solo. O amazonense tem um cartel com 12 lutas, sendo sete vitórias e cinco derrotas.

Foto: Emanuel Mendes Siqueira

Foto: Emanuel Mendes Siqueira

INSPIRAÇÃO EM CARLOS DIEGO

Ano passado, Fabiano fez sua primeira luta no STFC. “Perdi, mas agora vou mais preparado”, conta. Na primeira passagem pelos Estados Unidos, ele ficou durante dois meses na academia Team Ferreira, na cidade de McAllen, no Texas. É a equipe do amazonense Carlos Diego Ferreira, ex-Clube Pina do Japiim e atualmente lutador do UFC.

“Minha inspiração é o Carlos Diego, que começou no STFC e hoje é atleta do Ultimate Fighting. Espero arrecadar o dinheiro para alcançar esse objetivo que é viajar e lutar esse grande evento. Para um atleta de MMA, lutar nos Estados Unidos é estar na vitrine do mundo das lutas”, enfatiza Fabiano, crente que o apoio vai aparecer.

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH



Categorias
LutasMMA InternacionalMMA Nacional

Criado em 14 de agosto de 2013, o Nocaute na Rede tem como principal objetivo FORTALECER o crescimento do esporte pelo Brasil e mundo a fora, é por isso que desde o início divulgamos os pequenos eventos e atletas que estão começando no cenário nacional.
Sem Comentários

Responder

*

*

quatro × cinco =

RELACIONADO POR