O M-1 Global revela seus planos de expansão mundial!

Organização de origem russa visa ampliar sua abrangência e faz planos ambiciosos para os próximos anos.
(Foto: M1 Global Oficial)

Em comunicado oficial emitido em 11 de Agosto pelo M-1 Global, organização russa de MMA, o M-1 revela seus planos de expansão mundial e visa fazer eventos em mais países do mundo.

O M-1 Global já realizou eventos em 17 países (incluindo um evento no Brasil) e revelou feras como Fedor Emelianenko, Andrei Arlovski, Gegard Mousasi, Alistair Overeem, Keith Jardine, Ben Rothwell, Melvin Manhoef, Sergei Kharitonov, Aleksander Emelianenko, Roman Zentsov, Yushin Okami, Mike Pyle, Denis Kang, Martin Kampmann, Amar Suloev, Chalid Arrab e o “arranha-céu” Stefan Struve.



Confira abaixo, traduzido do inglês, o comunicado oficial do evento:

(Foto: M-1 Global Official)

(Foto: M-1 Global Official)

 

O M-1 Global continua sua expansão pelo mundo!

São Petersburgo, Rússia – Em quase 20 anos após sua fundação, o M-1 Global já promoveu 215 eventos e mais de 2000 lutas em 17 países, em três continentes.

A pátria sediadora do M-1 Global, Rússia, já foi anfitriã da grande maioria destes eventos (128) enquanto a Bielorrúsia, comandada por Yuri Fuuta em apenas cinco anos (2010, 2011, 2012, 2013 e 2014) apresentou 20 eventos e em terceiro lugar, a Ucrânia que comandada por Dmitry Khristyuk sediou 20.

Enquanto os três países líderes em sediar eventos pelo M-1 são países que compunham o bloco da União Soviética, o quarto lugar fica com os EUA com 10 (eventos do M-1 Selection, M-1 Breakthrough e M-1 Challenge além de outros eventos a parte). O M-1 Breakthrough revelou uma estrela hoje em ascensão em Muhammed “King Mo” Lawal que encarou outra lenda, Mark Kerr, no main event. Além deste, em parceria com a Affliction, fizemos dois shows onde a lenda Fedor Emelianenko destruiu dois veteranos campeões do UFC: Tim Sylvia e Andrei Arlovski.

Nos anos de 2009 e 2010, na era dos Torneios de Equipes do M-1 Challenge, fizemos eventos na Holanda (5), Japão (4), Finlândia (2) e conseguimos sediar um evento nos países Brasil, Inglaterra, Bulgária, Espanha e Alemanha. Representando seus países nestas competições, tivemos lutadores hoje condecorados no UFC e Bellator MMA como Gegard Mousasi, Stefan Struve, Jake Ellenberger, Karl Amoussou, Hyun Gyu Lim, Christian M’Pumbu, Mikhail Zayats, Dave Jansen, Hacran Dias, Daniel Weichel and Niko Puhakka, futuro campeão do Grand Prix do KSW.

O M-1 Global fez história sediando eventos na Geórgia, no Casaquistão e no Azerbaijão além de um não esperado evento na China, inédito para qualquer organização de MMA (o evento “Battle In Heaven” sediado em Pequim) incluindo o estágio Chhendu do torneio: “Road To M-1” (que também foi um projeto para levar o M-1 Global à Alemanha).

Dezessete países já sediaram eventos do M-1 Global e a organização russa já pretende expandir sua abrangência. Planos do M-1 envolvem eventos nos Emirados Árabes Unidos, na Indonésia e em Mônaco.

Para saber mais:

www.M1Global.tv
www.mixfight.ru
www.wmmaa.org

Twitter & Instagram:

@M1GlobalNews
@VFinkelchtein
@M1Global

Facebook:

www.facebook.com/M-1-GlobalNews

Notícias de próximos eventos do M-1 Global serão devidamente publicadas aqui, no Nocaute na Rede. Fiquem ligados! Boa sorte ao M-1 e aos organizadores e que todos os planos de expansão sejam realizados.



Categorias
LutasMMAMMA Internacional

Paulistano, São Paulino, baterista, perito em TI, fanático por lutas e viciado em games. Colunista e redator Nocaute Na Rede.
    Sem Comentários

    Responder

    *

    *

    6 + 13 =

    RELACIONADO POR