Maiquel Falcão busca se reerguer em grande evento Internacional

Maiquel Falcão é um veterano das artes marciais mistas, com um grande cartel, mas que passou por grandes problemas quando estava em grandes eventos internacionais. Maiquel sempre encarou grandes lutadores...

Maiquel Falcão é um veterano das artes marciais mistas, com um grande cartel, mas que passou por grandes problemas quando estava em grandes eventos internacionais. Maiquel sempre encarou grandes lutadores no cenário nacional, e conseguiu muitas vitórias, até ser contratado pelo UFC em 2010. O lutador estreou bem, derrotando Gerald Harris por decisão unanime, mas por problemas com a justiça, o lutador foi demitido da organização. Mas Maiquel não desistiu e tempo depois já estava no Bellator, até que no ano passado, outro problema, Maiquel se envolveu em uma briga em um posto de gasolina, e foi demitido da organização. Mas para deixar o passado para trás, o lutador se explica:

“Amigos que gostam do meu trabalho, aquele dia não foi culpa minha, muito menos do meu amigo Kauê Mena. Infelizmente estávamos no lugar errado, na hora errada, e todos os videos que foram postados, foram mais truques de câmera do que a verdade. Mas para mim isso foi um grande divisor de águas, hoje sei bem quem é quem.”



Maiquel Falcão na vitória contra Andreas Spang no Bellator 69 (Foto: Bellator)

Após o problema no posto que envolveu Maiquel Falcão e Kauê Mena, Maiquel não manteve contato com o amigo. Kauê que esta quase totalmente recuperado dos golpes que sofreu na cabeça na época, e em recente entrevista, prometeu ainda voltar a lutar. Maiquel fala sobre sobre a amizade com Kauê, e do que se arrependeu do episódio:

“Quem sabe da minha história, e do Kauê sabe que eu sempre fiz de tudo para ajudá-lo e ele também sempre me ajudou no que pode. Nunca fiz nada para prejudicar ele, mas infelizmente depois desse episodio nossas vidas deram uma guinada, um para cada lado, não tive oportunidade de estar do lado dele. Meu arrependimento foi por ser atleta e ser casado, andar bebendo aquela hora da noite na rua em um lugar que eu não conhecia comprometendo minha vida de meu amigo.”

Maiquel ainda saiu da academia onde treinava depois do ocorrido, mas isso não comprometeu tanto seus treinos, o lutador conta com os amigos para treinar e continuar lutando em alto nível, um deles, é Gilberto Galvão, lutador que participou das eliminatórias do TUF Brasil 1, mas foi derrotado por Delson Heleno:

“Tenho alguns amigos que são lutadores antigos, o Gilberto Galvão, Orestes Beltram, Kito do boxe da minha cidade, enfim, estamos nos virando da melhor maneira possível.”

O lutador atualmente possui um cartel com 31 vitórias em 37 lutas, e nocauteou 23 adversários, finalizou 3, e em apenas 5 de suas vitórias, deixou a luta ir para a decisão dos juízes. Entre o lutadores de maior nome que enfrentou, estão: Fabio Maldonado por duas vezes, Antonio Braga Neto, Alexander Shlemenko, Gerald Harris e Andreas Spang.

Maiquel Falcão tentando finalizar Gerald Harris no UFC 123 (Foto: Getty Images)

No Bellator, Maiquel ganhou o GP dos médios, e chegou a lutar pelo cinturão do evento. E após ser demitido pelo Bellator, não demorou muito para Maiquel Falcão assinar com um evento internacional. Logo assinou com o Oplot Challenge, da ucrânia, e lá venceu o russo Dibir Zagirov com um guilhotina aos 2:37 do segundo round no ultimo dia 15 de fevereiro. Já recentemente, Maiquel acertou com um evento ainda maior, o lutador acertou com o KSW, um dos maiores eventos da Europa. E logo na primeira luta no evento vai encarar Mamed Khalidov, a maior estrela do KSW, e um dos melhores lutadores pesos médios do mundo. Maiquel fala sobre o evento e a luta contra o polonês:

“Assinei com o KSW por 4 lutas e estou muito feliz em voltar ao cenário internacional. Sobre minha luta contra Mamed Khalidov no KSW, sei que ele é um grande atleta e vai ser uma pedreira, uma luta muito dura, mais nada. E por mais duro que le seja, o negocio é treinar, por o coração na ponta da luva, e ir fazer aquilo que Deus me deu o dom.”

Maiquel já teve oportunidade nos dois maiores eventos, do mundo, e mesmo que não volte a lutar por essas organizações, Maiquel quer apenas seguir em frente, e não se importa se não voltar ao Bellator ou UFC. O lutador de estilo agressivo que agrada os fãs, sabe que tem capacidade de voltar a trilhar uma grande carreira no cenário internacional:

“O futuro a Deus pertence, eu tenho família e filhos e vivo das lutas. Enquanto Deus me der a oportunidade de estar lutando, estarei feliz. Se for no UFC, KSW, Bellator, isso para mim pouco importa, pois já mostrei meu valor em todos eles. Estou muito focado para me reerguer e voltar a ser o Maiquel Falcão nocauteador, vou dar muita alegria aos que gostam do meu trabalho.”

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek

Siga o Nocaute na Rede no Instagram: https://bit.ly/19p66yi

Curta Nossa Página no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

Escrito por Victor Nunes / @vic_nr



Categorias
BellatorEntrevistasLutasMMA Internacional

Criado em 14 de agosto de 2013, o Nocaute na Rede tem como principal objetivo FORTALECER o crescimento do esporte pelo Brasil e mundo a fora, é por isso que desde o início divulgamos os pequenos eventos e atletas que estão começando no cenário nacional.
Sem Comentários
  • PAULO ROCHA
    10 abril 2014 at 16:18
    Responder

    fala pra ele cara a cara .seu brunosemnoçao.

  • PAULO ROCHA
    10 abril 2014 at 16:16
    Responder

    fico felis em ver que vc continua focado no seu obijetivo,assim como eu tem milhares de pessoas aqui da cidade que aguardam a sua volta .continue com sua garra vc chega la vc merece.

  • brunosam
    9 abril 2014 at 13:51
    Responder

    Esse verme mentiroso!! Tomara que continue na lona !!

  • Responder

    *

    *

    14 + 18 =

    RELACIONADO POR