Melissa Gatto testa positivo em novo exame antidoping

A brasileira Melissa Gatto testou positivo, mais uma vez, no exame antidoping. Ela estava com luta marcada contra Julia Avila no UFC 239, mas teve que deixar o card...
Melissa Gatto (Foto: Reprodução/ Instagram)

A brasileira Melissa Gatto testou positivo, mais uma vez, no exame antidoping. Ela estava com luta marcada contra Julia Avila no UFC 239, mas teve que deixar o card depois que a substância “furosemida”, um diurético, foi encontrado em seu organismo no período fora de competição. A contraprova que saiu nesta semana apresentou a mesma substância proibida.

De acordo com o “MMA Fighting”, portal que revelou às informações, Melissa espera receber suspensão de um ano. A lutadora acredita que foi vítima de suplementos contaminados, porém não tem condições financeiras para pagar os testes que custam cerca de US$ 500 (R$ 1.900). A USADA ainda não se pronunciou oficialmente sobre a punição a atleta.



Melissa Gatto tem 23 anos e um cartel invicto, com 8 lutas, 6 vitórias (4 finalizações e 2 por decisão) e 2 empates. A atleta peso-mosca do Ultimate, em sua última apresentação, venceu Karolline Rosa, no Nação Cyborg 3, por finalização aos 4:19 do 1º round. Foi contratada pelo Ultimate no início do ano e já teve duas lutas marcadas, mas ainda não conseguiu estrear.  Ela também havia sido escalada para lutar no UFC 237, em maio, mas foi retirada por causa de uma infecção na perna.

 

Redator, editor e revisor: Kaio Lima



Categorias
LutasMMA InternacionalUFC

Pai, marido, neto, amante da família; filho de Deus; Graduando em Comunicação Social (Rádio e TV) na Universidade Federal do Maranhão; Editor chefe do Nocaute na Rede,; Redator nas seções de MMA nacional e internacional; Apaixonado por rádios, jornais, livros, podcasts, filmes, séries, comidas, esportes em geral; MMA é uma paixão absurda; Praticante de MMA e muay thai; Crítico Social
Sem Comentários

Responder

*

*

6 + 7 =

RELACIONADO POR