Motivos para você assistir ao Bellator 138 nesta sexta-feira

Com a previsão – segundo Scott Coker, presidente do Bellator – de conseguir maior audiência que a sua edição de número 131 que aconteceu no dia 15 de novembro...

Com a previsão – segundo Scott Coker, presidente do Bellator – de conseguir maior audiência que a sua edição de número 131 que aconteceu no dia 15 de novembro de 2014 com o duelo entre Tito Ortiz e Stephan Bonnar, o Bellator 138 tem tudo para se concretizar neste quesito.

O Bellator 138: Unfinished Business (negócios inacabados) acontece nesta sexta-feira, 19 de junho de 2015, no Scottrade Center em St. Louis, Missouri. O evento será transmitido ao vivo na Spike TV e na Fox Sport (a partir das 22 horas), além da reprise no canal do Esporte Interativo, esta bom ou querem mais?

Vamos aos motivos para você assistir a este evento.

1º – Ex-campeão dos leves em ação

Na primeira luta do card principal temos nada menos que o atleta de 29 anos, da renomada equipe The Aliance, Michael Chandler, considerado até o 2013/2014 – quando perdeu o cinturão e a invencibilidade para Eddie Alvarez – um dos 5 melhores lutadores da categoria peso leve do mundo, porém, em suas últimas duas lutas – contra Will Brooks (2x), não apresentou a mesma performance, tanto é que perdeu ambas por decisão dividida e TKO. Mas não podemos duvidar do americano que já foi campeão do Torneio de Leves da Quarta Temporada.

Foto: Em luta épica pelo Bellator 58, Michael Chandler finaliza Eddie Alvarez e toma seu cinturão

Em luta épica pelo Bellator 58, Michael Chandler finaliza Eddie Alvarez e toma seu cinturão (Foto: Divulgação Bellator)

Seu adversário será Derek Campos, ou “The Stallion” como é chamado, atleta de 27 anos e representante da equipe Mohler MMA vem de vitória sobre Estevan Payan por TKO no primeiro round, no cartel soma 15 triunfos (6 decisões, 5 finalizações e 4 nocautes) e 4 reveses.

2º – Ex-campeão dos penas vs Invicto

Daniel Mason Straus, 30 anos, finalista do Torneio de Penas da Quarta Temporada e campeão do Torneio de Penas da Sexta Temporada tem tudo para chegar ao topo novamente, mesmo vindo de derrota para o brasileiro Patricio Freire – valendo o cinturão – por finalização no Bellator 132, o americano tem tudo para realizar um grande duelo contra o compatriota e invicto, Henry Corrales.

Foto: Daniel Straus (esq) vs Henry Corrales (dir) / Montagem: Nocaute na Rede

Foto: Daniel Straus (esq) vs Henry Corrales (dir) / Montagem: Nocaute na Rede

O atleta de Whittier/Califórnia, Henry, segue com um cartel invicto no MMA e com seus 28 anos já soma 6 finalizações, 4 nocautes, duas decisões e nenhum revés, Henry Corrales que faz sua estreia no Bellator.

3º – Atleta do WWE finalizador

Mais conhecido por sua passagem na World Wrestling Entertainment (WWE), onde foi por uma vez campeão dos Estados Unidos e duas vezes campeão mundial da ECW, o americano Franklin Roberto “Bobby” Lashley, atleta de 38 anos, é também o atual campeão dos pesos-pesados do Total Nonstop Action Wrestling (TNA), promoção de wrestling profissional estadunidense.

No cartel do MMA Lashley tem 12 vitórias e 2 derrotas, sua última luta foi em outubro do ano passado contra o inglês, Karl Etherington, onde venceu por TKO no primeiro round, além disto Bobby vem de 5 triunfos seguidos, dois pelo Bellator.

Para um peso pesado e ainda ex-atleta do WWE a maioria já vai pensar: “Vai ter nocaute”, errados, o americano é um finalizador, isto mesmo, em seu cartel já soma 7 finalizações, terminando em 5 oportunidades no primeiro round.

Lashley durante seu primeiro reinado como campeão mundial da ECW

Lashley durante seu primeiro reinado como campeão mundial da ECW

Seu adversário é Dan Charles, atleta de 29 anos que teve sua primeira luta de MMA amador em 2011 e foi nocauteado com apenas 15 segundo do primeiro round, mas iria se recuperar, ganhando sua estréia profissional, três meses depois e compilando de um registro profissional de 7-0 antes de ter assinado pelo Bellator MMA.

O americano de Phoenix, Arizona, vem de duas vitórias seguidas, sobre Stuart Austin e James Wilson, por KO e decisão unânime.

4º – Brasileiro defendendo cinturão Peso Pena

A luta co-principal seria entre o campeão Patrício Freire e o desafiante e ex-Campeão Peso Pena do WSOF, Georgi Karakhanyan, no entanto, Karakhanyan se retirou da luta devido a uma lesão e foi substituído por Daniel Weichel.

Patrício Freire atual campeão Peso Pena (Foto: Bellator/Divulgação)

(Foto: Bellator/Divulgação)

O atual campeão Patrício Freire é o número #2 no Ranking Brasileiro de MMA na categoria dos penas e #4 no Peso por Peso, considerado por muitos entre os melhores peso pena do mundo Patrício nasceu em Mossoró, Rio Grande do Norte, e vem de seis triunfos seguidos sobre Jared Downing, Diego Nunes, Fabricio de Assis, Justin Wilcox, Pat Curran e Daniel Straus. No confronto contra o americano Pat Curran ganhou por decisão unânime o cinturão Peso Pena do Bellator e a Luta do Ano, já no dia 16 de janeiro de 2015 venceu Daniel Straus em Temecula na Califórnia com um mata-leão no 4º round, em sua primeira defesa de cinturão.

O Pitbull como é chamado contabiliza um cartel invejável com 23 triunfos (9 finalizações, 8 nocautes e 6 decisões) e apenas 2 reveses.

O desafiante, Daniel Weichel, o “The Weasel” é um lutador de 30 anos que compete pela famosa Team MMA Spirit onde soma no cartel, de respeito, 35 vitórias e 8 reveses, sendo 21 finalizações a seu favor. Daniel nasceu em Michelstadt, Alemanha, e vem de 7 vitórias consecutivas, sendo 4 pelo Bellator, as vítimas foram Semen Tyrlya, Georgi Stoyanov, Artiom Damkovsky, Scott Cleve, Matt Bessette, Desmond Green e Pat Curran.

Peleia braba, em quem apostam?

5º – Duelo de veteranos com ex-campeão do Superfight do UFC

De um lado Kevin Ferguson, você provavelmente já deve ter visto algum vídeo dele, ou melhor de Kimbo Slice, como é mais conhecido por onde fez suas lutas de rua (street fighter). O Norte-Americano treina na American Top Team, e já participou do Reality Show TUF 10, onde foi derrotado por Roy “Big Country” Nelson, que posteriormente venceu o Reality Show, além da participação no UFC 113: Machida vs. Shogun 2, onde perdeu para Matt Mitrione por TKO no 2º round.

Com 106 quilos e 1,88 m, Kimbo possuí em seu cartel do MMA 4 triunfos e 2 reveses, somando a seu favor, 2 nocautes, uma finalização e uma decisão.

Foto: Ken Shamrock (esq) vs Kimbo Slice (dir) / Montagem: Nocaute na Rede

Foto: Ken Shamrock (esq) vs Kimbo Slice (dir) / Montagem: Nocaute na Rede

Seu adversário é ninguém mais ninguem menos que Kenneth Wayne Kilpatrick, mais conhecido como Ken Shamrock, atleta de 51 anos, isso mesmo 51 anos. Para vocês terem uma ideia, Ken é mais antigo que o UFC, onde participou da primeira edição e foi eliminado por Royce Gracie. Antes de sua estreia no UFC, Ken já tinha contabilizado 3 combates, 3 vitórias e 3 finalizações contra japoneses pelo evento “Pancrase”, onde no dia 17 de dezembro de 1994 ganhou o Título Absoluto Inaugural do Rei do Pancrase.

No ano seguinte (14 de julho de 1995), Ken Shamrock ganhou o Cinturão Superfight do UFC (Torneio de lutas com Peso Aberto) sobre Dan Severn com uma guilhotina no primeiro round, na edição de número 6 do Ultimate. Para quem não sabe o campeonato Superfight foi unificado por Mark Coleman com o cinturão dos Pesos Pesados em 7 de fevereiro de 1997 no UFC 12, quando Coleman derrotou Severn.

Após 5 anos sem lutar, quando foi derrotado para Mike Bourke por TKO no primeiro round no evento “KOTC – Platinum”, Ken esta de volta, com um cartel de 28 vitórias (23 finalizações, 3 decisões e 2 nocautes) e 15 derrotas, o lutador de 51 anos que mostra um físico “trincado”, aliás, passou no exame antidoping, pisa novamente em um cage nesta sexta-feira.

Palpites para este duelo de pesados?

Então caros leitores e leitoras, convencemos vocês de assistirem a este evento? Motivos não faltam.

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

Escrito por Renan Assunção



Categorias
BellatorLutasMMA Internacional

Criado em 14 de agosto de 2013, o Nocaute na Rede tem como principal objetivo FORTALECER o crescimento do esporte pelo Brasil e mundo a fora, é por isso que desde o início divulgamos os pequenos eventos e atletas que estão começando no cenário nacional.
Sem Comentários

Responder

*

*

um × três =

RELACIONADO POR