Na Rede da Nostalgia: Há 8 anos o Pride realizava seu último evento

Pride FC e saudade, duas palavras que sempre andarão juntas. O Pride foi o primeiro evento grandioso a reunir os maiores nomes do MMA mundial. Sua primeira edição foi em...

Pride FC e saudade, duas palavras que sempre andarão juntas.

O Pride foi o primeiro evento grandioso a reunir os maiores nomes do MMA mundial. Sua primeira edição foi em 11 de outubro de 1997. No Pride 1, tivemos lutadores já bem conhecidos nesse mundo do MMA, nomes como Gary Goodridge, Oleg Taktarov, Renzo Gracie, Kimo Leopoldo, Dan Severn e Rickson Gracie.



(Foto: Sherdog)

Fedor foi uma das maiores estrelas do extinto evento (Foto: Sherdog)

Daí em diante, o Pride só cresceu. Os eventos eram cada vez mais grandiosos, os lutadores tornavam-se cada vez mais famosos, e o número de fãs só aumentava. Na época do auge do Pride, o UFC era minúsculo, não tinha forças para concorrer com o evento japonês.

Depois de muito fazer sucesso, o Pride acabou envolvido num escândalo. Fora descoberto que o evento tinha ligações com a máfia japonesa, servindo para lavagem de dinheiro. Com as denúncias e provas, o Pride entrou em decadência, começou a perder seus principais lutadores, perdeu patrocinadores e o principal, perdeu o apoio da TV Fuji, o maior canal aberto japonês na época e que transmitia as lutas do Pride.

Após 67 eventos realizados, em 8 de abril de 2007, o Pride realizava o último deles, o de número 68. Nomeado de Pride 34: Kamikaze, o evento teve como principais nomes: Gilbert Yvel, Don Frye, Shinya Aoki e Ricardo Arona.

Por lá desfilaram alguns dos maiores lutadores da história, tais como: Wanderlei Silva, Fedor Emelianenko, Rodrigo Minotauro, Maurício Shogun, Dan Henderson, além de grandes nomes como Takanori GomiMark Coleman, Mirko Cro Cop, Josh Barnett, Ricardo Arona, Kazushi Sakuraba e por aí vai.

O Pride era tão grandioso que em 28 de agosto de 2002, numa parceria entre Pride e K1, o evento Pride Shockwave, mais conhecido como “Dynamite!”, foi realizado no estádio Olímpico de Tóquio, e teve um público de 91.797 pessoas, recorde que dura até hoje.

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

Escrito por Kaio Teixeira Lima



Categorias
EspeciaisLutasMMA Internacional

Pai, marido, neto, amante da família; filho de Deus; Graduando em Comunicação Social (Rádio e TV) na Universidade Federal do Maranhão; Editor chefe do Nocaute na Rede, sonha em seguir carreira na área esportiva; Redator nas seções de MMA nacional e internacional; Apaixonado por rádios, jornais, livros, podcasts, filmes, séries, comidas, esportes em geral (principalmente MMA, futebol e basquete); Praticante de MMA e muay thai;
Sem Comentários

Responder

*

*

um + dezesseis =

RELACIONADO POR