Na Rede Da Nostalgia: Há quatro anos, Ronda Rousey mantinha-se como campeã do Strikeforce!

"Rowdy" defendia seu cinturão pela primeira vez pelo banner do extinto Strikeforce antes de fazer a transição para o UFC e tornar-se a primeira campeã da HISTÓRIA do Ultimate.
(Foto: MMAFighting.Com)

O dia: 18 de Agosto de 2012. O evento: Strikeforce: Rousey vs. Kaufman. O local: Valley View Casino em San Diego.

Cartaz do Strikeforce: Rousey vs. Kaufman (Foto: Wikipedia)

Cartaz do Strikeforce: Rousey vs. Kaufman (Foto: Wikipedia)

Uma lutadora começava a chamar a atenção. Uma loirinha “enferruscada”, perito no judô e na chave de braço, que havia recentemente tornado-se campeã dos pesos-galos femininos do Strikeforce. Seu nome era Ronda “Rowdy” Rousey.



A adversária: a veterana Sarah Kaufman. Sarah já havia sido campeã do Strikeforce na mesma categoria e buscava retomar o cinturão. A americana havia se tornado a primeira campeã dos pesos-galos femininos da história do Strikeforce após derrotar Takayo Hashi em Fevereiro de 2010 e defendeu o cinturão uma vez, vencendo Roxanne Modafferi em Julho do mesmo ano. Manteve-se como campeã até Outubro de 2010, quando foi derrotada por Marloes Coenen. Desde então, Sarah buscava retomar seu título enquanto sua adversária despontava no cenário mundial e conseguiu sua segunda chance ao cinturão vencendo Liz Carmouche e Alexis Davis em 2011 e 2012 respectivamente.

Sarah Kaufman enquanto campeã do Strikeforce (Foto: Cage Potato)

Sarah Kaufman enquanto campeã do Strikeforce (Foto: Cage Potato)

Ronda havia entrado no Strikeforce em 2011 e até então era invicta, vencendo TODAS as suas lutas por chave de braço. Após vencer Sarah D’Alelio e Julia Budd em Agosto e Novembro de 2011, Rousey conseguiu sua chance pelo título contra Miesha “Cupcake” Tate, que havia destronado a campeã Marloes Coenen em Julho de 2011. As duas se enfrentaram no dia 03 de Março de 2012 e Tate foi derrotada pela mesma chave de braço que Ronda usou para derrotar TODAS as suas oponentes.

Sarah Kaufman estava pronta para retomar o que já havia sido dela. Ronda tinha o que ela queria… E dia 18 de Agosto, o encontro aconteceu. Ronda defenderia seu cinturão pela primeira vez enquanto Kaufman tentaria acabar com a sequência invicta da adversária…

O juiz Herb Dean autoriza o combate. Em menos de um minuto, Rousey mostra sua superioridade no jogo de chão e faz de Sarah Kaufman MAIS UMA vítima de suas chaves de braço. 54 segundos. Foi o tempo que ela precisou. Vitória impressionante da campeã e MUITO MAIS atenção era voltada à ela. Era sua última luta pelo Strikeforce, que logo anunciou sua fusão com o UFC, fazendo todo o plantel de lutadores se transferir automaticamente ao Ultimate.

Ronda Rousey manteve seu cinturão vencendo Sarah Kaufman (Foto: Showtime)

Ronda Rousey manteve seu cinturão vencendo Sarah Kaufman (Foto: Showtime)

Com esta vitória, Ronda entrou no UFC em Fevereiro de 2013 e logo de cara sendo coroada a primeira campeã peso-galo feminino da HISTÓRIA do UFC.

Vamos relembrar este momento?



IBlackbelt
Categorias
EspeciaisMMAMMA femininoMMA InternacionalNa Rede da NostalgiaUFCWMMA

Paulistano, São Paulino, baterista, perito em TI, fanático por lutas e viciado em games. Colunista e redator Nocaute Na Rede.
    Sem Comentários

    Responder

    *

    *

    18 + dezoito =

    RELACIONADO POR