Nate Diaz e Conor afirmam que demais lutadores do UFC são burros

Os dois lutadores concordam que lutar é um negócio, e esse negócio deve ser bem promovido por eles para a conquista de melhores salários
(Foto: Montagem feita à partir de reproduções das imagens)

Desde que o primeiro confronto entre Nate Diaz e Conor McGregor foi marcada, os dois lutadores vivem a se provocar. No entanto, pelo menos em uma coisa os dois lutadores parecem concordar, no fato de que os lutadores do UFC são burros.

“Esse cara fala de todos esses lutadores como se eles fossem burros, e ele está certo, eles são todos burros para caralho”, afirmou Nate em uma conferência feita por telefone. 

Diaz declarou ainda que não é daqueles lutadores que apenas senta e aceita os contratos, que reclama há 6 anos, e que sabia que uma hora receberia o seu independente de qualquer coisa.

“Eu não sou um daqueles lutadores que senta por aqui e aceita contratos. Estou reclamando do meu contrato há seis anos. Passei pelo inferno, então sabia que teria o que merecia. Quando fosse a hora de receber o que é meu, eu receberia independentemente de qualquer coisa. E eu tinha um plano para isso. Não é graças ao Conor que eu ganhei isso tudo, mas posso dizer que foi um atalho”, declarou.

Para Nate, as coisas começaram a mudar quando ele aceitou e venceu a luta contra o favorito Michael Johnson, e depois da vitória desafiou ‘the notorious’ em uma rede de televisão.

“Se eu fosse burro, não teria chegado onde cheguei. Fiz o que tinha que fazer. Peguei a luta com o Michael Johnson, venci e resolvi meus problemas. Então voltei e peguei essa luta com 10 dias de antecedência e mesmo assim resolvi tudo. Eu pedi a luta, eu disse que queria, e eu consegui”, concluiu.

Nate Diaz tem luta marcada contra Conor McGregor para o UFC 202, que será realizado no próximo dia 20 de agosto, em Las Vegas. Para Conor vale devolver a derrota sofrida por finalização no primeiro combate, no UFC 196. Para Nate, vale a confirmação de quem manda na “bagaça” toda.



Categorias
LutasMMA InternacionalUFC

Pai, marido, neto, amante da família; filho de Deus; Graduando em Comunicação Social (Rádio e TV) na Universidade Federal do Maranhão; Editor chefe do Nocaute na Rede,; Redator nas seções de MMA nacional e internacional; Apaixonado por rádios, jornais, livros, podcasts, filmes, séries, comidas, esportes em geral; MMA é uma paixão absurda; Praticante de MMA e muay thai; Crítico Social
Sem Comentários

Responder

*

*

seis + 2 =

RELACIONADO POR