Nocaute em primeira luta internacional coroa ‘semana perfeita’ de Filipe Jesus

O peso pena (até 65.7kg) Filipe “Jesus” Valentim (6-1), 22 anos, alcançou a sua sexta vitória na carreira no último sábado (20). E esta teve um sabor especial, pois...

O peso pena (até 65.7kg) Filipe “Jesus” Valentim (6-1), 22 anos, alcançou a sua sexta vitória na carreira no último sábado (20). E esta teve um sabor especial, pois foi seu primeiro combate fora do país. Em Portugal, pelo Invictus MMA Pro, Jesus nocauteou com socos o francês Frederic Leclercq, aos 3:29 minutos do primeiro round.

“Tudo deu certo para essa luta. Consegui bater o peso sem sustos, fiz muito bem o processo de hidratação e recuperação do peso e entrei para a luta voando. Consegui o nocaute e a vitória para coroar tudo isso. Não importa se a luta é em Portugal, Brasil, na China ou Japão… o resultado seria sempre o mesmo pelo foco e o propósito que tinha definido para esse confronto juntamente com a minha equipe”, disse.



Filipe sentiu um pouco a pressão de lutar além dos domínios brasileiros, mas a concentração o fez evitar que isto se tornasse um aspecto negativo pré-combate. O mineiro evitou sair do hotel para fazer programas turísticos na terra lusitana e, até mesmo, para se alimentar optou por não deixar o confinamento, para não perder o foco na luta.

“Evitei sair do hotel para qualquer coisa. Até almoço e jantar, o Marlon Sandro (córner de Filipe no evento) buscava e trazia pra mim. Tudo isso para não perder meu objetivo. Só saía do hotel para perder peso e já voltava para descansar. Passei a semana inteira confinado ali, para que tudo acontecesse da forma certa na pesagem e na luta”, disse Jesus, complementando, depois, sobre a experiência de lutar em Portugal.

Filipe Jesus comemora anúncio de sua vitória (Foto: Invictus MMA Pro)

Filipe Jesus comemora anúncio de sua vitória (Foto: Invictus MMA Pro)

 “Teve um pouco de pressão, pois nunca havia saído do país. Mas estava pronto para lutar em qualquer lugar do mundo. Treinei muito, estava bem focado e quando você está assim, não enxerga nada além do seu objetivo. Foi até bom ter lutado fora do Brasil, porque eu me concentrei ainda mais”, concluiu o lutador.

 Filipe soma a sua quinta vitória seguida, sendo o seu quarto nocaute na carreira. O atleta, natural de Governador Valadares, teve seu último revés em setembro de 2012, ocasião que ele pôde aprender muito com a derrota.

 “Evoluí muito desde aquela luta em 2012. Tenho para mim que não foi uma derrota, pois pude tirar grandes aprendizados daquele combate e acrescentar novos elementos ao meu jogo. O que penso antes de cada luta é que estou em um campo de guerra, atrás de mim está a morte, na minha frente meu adversário. Então, com esse pensamento, eu luto pela minha vida, dou meu sangue. Não tem como recuar, é só avançar e assim vou atropelar ele”, destacou o peso pena.

 

 Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek
Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH



IBlackbelt
Categorias
Lutas

Pai, marido, neto, amante da família; filho de Deus; Graduando em Comunicação Social (Rádio e TV) na Universidade Federal do Maranhão; Editor chefe do Nocaute na Rede,; Redator nas seções de MMA nacional e internacional; Apaixonado por rádios, jornais, livros, podcasts, filmes, séries, comidas, esportes em geral; MMA é uma paixão absurda; Praticante de MMA e muay thai; Crítico Social
Sem Comentários

Responder

*

*

treze − 11 =

RELACIONADO POR