NR Entrevista: Josh Sampo! Professor de biologia que sonha com o cinturão do UFC

Em semana de UFC 170, entrevistamos uma das feras do evento, o americano Joshua Sampo, mais conhecido no mundo das artes marciais como Josh Sampo, “o Gremilin”. O lutador...

Em semana de UFC 170, entrevistamos uma das feras do evento, o americano Joshua Sampo, mais conhecido no mundo das artes marciais como Josh Sampo, “o Gremilin”. O lutador luta na categoria dos moscas do UFC e é uma das maiores promessas da categoria no mundo. Josh possui um cartel com 11 vitórias e 2 derrotas, tem 29 anos e antes de entrar no maior evento de MMA do mundo acumulou vitórias sobre lutadores notáveis, como Antonio Banuelos e Alexis Vila. Em sua estréia no TUF Finale 18 finalizou Ryan Benoit no segundo round dominando a luta com facilidade. No próximo sábado Josh busca se firmar no UFC como um dos melhores enfrentando Zach Makovsky, ex campeão do Bellator e atual décimo colocado do ranking do UFC. 

CFA

Joshua Sampo (Foto: CFA)

Josh além de ser lutador é professor de Biologia e treina nas horas vagas que lhe sobram do dia corrido de trabalho para se preparar para seus combates. O lutador treina na academia ST-Charles MMA e com o brasileiro Rodrigo Vaghi sua parte de jiu jitsu. Joshnos fala sobre a sua carreira, dificuldades, cinturão, a luta contra Zach no próximo sábado e muito mais, confira:



NR: Como começou nas artes marciais e como surgiu o desejo de se tornar um lutador de MMA?

Josh Sampo: Eu competi no wrestling na faculdade aonde tinha muitos concorrentes. Eu amo a sensação de treinamento e competição, e isso é muito natural no wrestling e no MMA. Eu comecei a fazer Jiu Jitsu e me apaixonei por ele, um dia um amigo me perguntou se eu gostaria de tentar uma luta de MMA, eu disse que sim e então a minha carreira no MMA decolou, e depois de conseguir um cartel de 10-0 como amador eu fui para o profissional e amei todo esse lado competitivo do esporte.

NR: Qual foi o momento mais difícil da sua carreira?

Josh Sampo: Minha luta mais difícil foi quando perdi pela primeira vez, o meu adversário se recusou a lutar antes da luta, então eles me deram um adversário de última hora que era em uma categoria de peso acima da minha. Eu disse ok e nós lutamos,foi extremamente difícil lidar com o tamanho, bem como se colocar em posições que eu não estava confortável. Mas foi uma experiência que me abriu os olhos, eu voltei mais forte e prometi a mim mesmo que eu nunca mais iria me sentir daquele jeito de novo.

Getty

Sampo vs Benoit (Foto: Getty Images)

NR: Qual seu maior sonho como lutador?

Josh Sampo: Meu maior sonho como lutador é ser o melhor lutador que eu possa ser. Eu adoraria ser o campeão do UFC e é nisso que eu estou constantemente trabalhando.

NR: O que gosta de fazer no seu tempo livre , quando não esta treinando?

Josh Sampo: Agora eu não tenho muito tempo livre, mas quando eu não estou treinando MMA, eu treino em um time de wrestling do ensino médio. Mas como sou um professor de biologia da High School, estou praticamente ocupado o tempo todo. E quanto eu posso viajar, gosto de caça, pesca, bem como escalada, tudo ao ar livre geralmente.

NR: Como esta o treinamento e a expectativa para sua próxima luta?

Josh Sampo: O treinamento está indo bem, eu tive alguns problemas com minha agenda por causa do meu trabalho, mas quando eu chego ao ginásio meus treinadores tem feito um grande trabalho para me preparar para essa guerra. Sinto-me forte e rápido e não posso esperar para chegar na jaula contra Zack, ele tem as mesmas habilidades que eu tenho, por isso vai ser uma batalha de coração, onde eu estou completamente pronto.

NR: Acredita que se vencer Zach deve lutar contra Demetrious Johnson pelo cinturão?

Josh Sampo: Eu sinto que se eu vencer Zack isso vai me colocar mais perto de uma luta com Demetrious. Mas existem alguns lutadores já na minha frente que merecem uma chance. Tudo o que posso fazer é treinar o máximo e lutar que as coisas vão acontecer naturalmente.

NR: O que acha do seu próximo adversário, Zach Makovsky?

Josh Sampo: Sinto que ele é um lutador extremamente rápido, com grande trabalho de pés , mas isso é algo que eu sei que posso competir. Eu gosto de sua atitude e o que faz cada vez que pisa no cage. Ele é um rapaz muito simpático, mas isso não significa que eu não vou socá-lo no rosto (risos).

ESPN

Josh Sampo enfrentando Ryan Benoit (Foto: ESPN)

NR: O que você acha dos lutadores brasileiros? Já veio  ao Brasil, gostaria de fazer um camp aqui?

Josh Sampo: Eu amo os lutadores brasileiros, eu amo o jeito deles colocarem tudo pra fora no octógono quando lutam. Eles sempre trazem a luta para o adversário, é muito inspirador assistir. Eu nunca fui ao Brasil, mas quero ir, meu instrutor de Jiu Jitsu Rodrigo Vaghi me disse muitas coisas bonitas sobre o país e eu não posso esperar para ir para um dia e poder treinar.

NR: Deixe um recado a galera do Brasil, e o que esperar no  Josh Sampo em seus próximos compromissos no UFC?

Josh Sampo: Obrigado Brasil por todo o amor e apoio. Esperem fogos de artifício no dia 22 de fevereiro no cage quando eu e Zack ficarmos frente à frente. Obrigado e que Deus abençoe.

Siga o Grupo MundoMMA no Facebookhttps://on.fb.me/143Aqek

Siga o Nocaute na Rede no Instagram: https://bit.ly/19p66yi

Curta nossa página no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

Escrito por Victor Nunes / @vic_nr



Categorias
EntrevistasLutasUFC

Criado em 14 de agosto de 2013, o Nocaute na Rede tem como principal objetivo FORTALECER o crescimento do esporte pelo Brasil e mundo a fora, é por isso que desde o início divulgamos os pequenos eventos e atletas que estão começando no cenário nacional.
Sem Comentários

Responder

*

*

2 × cinco =

RELACIONADO POR