NR Entrevista: Zé Maria No Chance! Um exemplo de garra e força de vontade

Jose Maria “No Chance” enfrenta no próximo sábado mais um desafio na sua sofrida carreira, irá lutar contra Dustin Ortiz no UFC Fight Night: Belfort vs Henderson. Zé Maria...

Jose Maria “No Chance” enfrenta no próximo sábado mais um desafio na sua sofrida carreira, irá lutar contra Dustin Ortiz no UFC Fight Night: Belfort vs Henderson. Zé Maria agora colhe os frutos de tantos anos de treinos e trabalho duro. Até ser contratado pelo UFC, Zé Maria ainda trabalhava como garçom durante todo o dia e só treinava no tempo que lhe sobrava, mesmo com essas dificuldades e os vários empregos em que trabalhou quando chegou no Rio de Janeiro, “No Chance” acumulou uma incrível marca de 33 vitórias em 36 lutas no cenário nacional até acertar com o Ultimate. 

ZE-MARIA
(Foto: RFT.com)

Sua estréia no UFC pode não ter sido das melhores, mas o contrato estava garantido, e mesmo tendo sido chamado com poucas semanas de antecedência para a luta contra Lineker, Zé Maria chegou perto de nocautear um dos melhores pesos moscas do mundo quando conectou um soco rodado que balançou John Lineker. Confira essa entrevista exclusiva com esse guerreiro, “No Chance” conta ao Nocaute na Rede sobre a sua carreira, estréia no UFC, perspectivas na carreira, sonho do cinturão e muito mais.



NR: De onde surgiu o desejo de se tornar um lutador de MMA?

Zé Maria: Sempre gostei de lutas. Ficava vendo aqueles filmes do Bruce Lee, do Van Damme, achava o máximo. Mas nessa fase eu gostava de lutar, nem Vale-Tudo era. Quando fiz minha primeira luta de MMA vi que o negócio era outro, fiquei muito empolgado e decidi investir nisso.

MMA Junkie
(Foto: MMA Junkie)

NR: Nos conte um pouco sobre essa grande mudança na sua vida, de um dia para o outro, de garçom a lutador do UFC?

Zé Maria: Eu já estava cotado para o UFC desde que surgiu a categoria dos moscas. Estava passando do prazo para receber o contrato. Eu tinha essa consciência que o momento ia chegar. Não sabia que seria da noite para o dia, entrar no card principal substituindo o Phill Harris. Eu estava me preparando para uma luta em Limoeiro do Norte, no Ceará que seria dia 31. Por volta do dia 15 de julho o telefone tocou e era a notícia que o UFC tinha me chamado pra substituir o Harris. Graças a Deus e aos meus patrões eu consegui uma licença para poder, pela primeira vez na vida, ficar o dia inteiro focado só em treinar sem trabalhar como garçom. Foi muito corrido, tive que resolver muitos exames, tomografia, ressonância, um monte de coisa que o UFC pediu. Foi uma correria danada.

NR: Já até imaginamos de onde saiu o apelido “Sem Chance” que agora virou “No Chance”. Como surgiu esse apelido? 

Zé Maria: Quando cheguei no CT da RFT no Rio, o pessoal tinha a mania de botar apelido em todo mundo. Eles me acharam parecido com o Gero Camilo, ator que fez o Sem Chance no filme do Carandiru. Na verdade, muitas clientes lá do Croasonho me dizem que sou parecido com o Juliano Cazarré, o Ninho da novela das nove (risos). 

Portal MMA

(Foto: Portal MMA)

NR: Você focou em ganhar massa para esse próxima luta. Vem um novo “No Chance” por aí? 

Zé Maria: Sim, mais forte, mais treinado. Estou fazendo um trabalho muito sério com o doutor Oswino Penna, que para mim é o melhor ortomolecular do Brasil, e focamos no ganho de massa. Nunca tive tempo de fazer dieta, de me alimentar corretamente, de treinar nas cargas necessárias principalmente descansar para garantir a recuperação muscular por causa dessa minha rotina dupla de garçom e lutador. Nunca foi fácil. Graças a Deus tive a chance de fazer esse trabalho pela primeira vez e vocês verão o resultado.

NR: Quantas vitórias você acredita que precisa para conseguir a chance de disputar o cinturão?

Zé Maria: Depende mais das lutas, da qualidade dessas vitórias, tudo isso interfere. Espero que no máximo em 4 lutas eu já esteja apto e o UFC me dê essa chance. Vou realizar meu maior sonho hoje.

NR: Deixe um recado para seus fãs. 

Zé Maria: Bom galera, estarei dia 9 no UFC Fight Night: Belfort vs Henderson, conto com a presença e a torcida de todos vocês. Garanto que essa luta será espetacular pois estou vindo muito motivado para trazer essa vitória para meus fãs, para minha equipe e para o meu estado do Ceará que tenho muita orgulho de representar, Oss.

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek

Siga o Nocaute na Rede no Instagram: https://bit.ly/19p66yi

Curta nossa página no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH



Categorias
EntrevistasLutasUFC

Criado em 14 de agosto de 2013, o Nocaute na Rede tem como principal objetivo FORTALECER o crescimento do esporte pelo Brasil e mundo a fora, é por isso que desde o início divulgamos os pequenos eventos e atletas que estão começando no cenário nacional.
Sem Comentários

Responder

*

*

1 + 20 =

RELACIONADO POR