Opinião do LeitorNR: Lyoto “The Dragon” Machida ou Yoel Romero?

Lyoto “The Dragon” Machida, o ex-campeão Meio Pesado do UFC tem 37 anos e nasceu na Bahia, porém radicado em Belém/PA, é 3º dan da Faixa Preta de Karate...

Lyoto “The Dragon” Machida, o ex-campeão Meio Pesado do UFC tem 37 anos e nasceu na Bahia, porém radicado em Belém/PA, é 3º dan da Faixa Preta de Karate Shotokan e Faixa Preta em Jiu Jitsu Brasileiro (BJJ).

Após perder a disputa de cinturão para o atual campeão, Chris Weidman, em julho do ano passado, Lyoto teve um triunfo sobre CB Dollaway por nocaute técnico, ganhando a Performance da Noite, e depois, em abril deste ano, amargou a derrota para Luke Rockhold por finalização no segundo round.



Lyoto ocupa hoje a 2ª posição na categoria dos médios e 8º no peso por peso do ranking brasileiro de MMA, o Karateca já venceu nomes de peso na carreira como: Stephan Bonnar, Thiago Silva, Ryan Bader, Tito Ortiz, Rich Franklin, BJ Penn, Rashad Evans, Maurício Rua, Gegard Mousasi, Dan Henderson e Randy Couture.

(Foto: Getty Images)

Lyoto Machida vs Yoel Romero (Foto: Getty Images)

Será que o Dragão Machida conseguirá disputar o cinturão mais uma vez? Sim ou não, ele tem pela frente a “pedreira” cubana, Yoel Romero, atleta da renomada American Top Team.

Romero já foi medalhista olímpico de prata em Luta livre olímpica e com 38 anos segue invicto pelo Ultimate onde tem 5 combates e 5 triunfos, sobreClifford Starks, Ronny Markes, Derek Brunson, Brad Tavares e Tim Kennedy. Sua única derrota no cartel profissional foi para o brasileiro Rafael Cavalcante pelo Strikeforce em 2011.

Então, já sabem em quem apostar? Lyoto Machida ou Yoel Romero?

Confira a opinião dos leitores selecionados:

João Paulo Cavalcanti – CIPIÃO (PVT) / Recife – Pernambuco

Aposto em Machida. Experiência, controle de distância e precisão nos golpes. Diria que é uma luta difícil e o Romero virá para cima sabendo que é a luta mais importante que fez até hoje, visto que com uma vitória se sedimentará na divisão e entrará para os cabeças. Geralmente o jogo do Machina de cansar o oponente faz sentido, por exemplo, contra o Weidman (embora esse tenha frustrado o carateca justamente na trocação), e acredito que assim será contra o Romero. Frear o ímpeto inicial do oponente, com uma boa defesa de quedas e alguns golpes precisos e o levando ao abate no terceiro ou quarto round.

Felipe Bassan, São Paulo, SP

Lyoto “The Dragon” Machida (22 – 6 – 0) vs Yoel “Soldier of God” Romero (9 – 1 – 0). O retorno do dragão ? 

“Ladies and Gentlemen, welcome to the Machida Era!”

Foi com essa frase emblemática que Joe Rogan descreveu a qualidade de Lyoto Machida quando, em 2009, o dragão se tornou campeão dos meio-pesados depois de nocautear Rashad Evans e o deixar dormindo no octógono com o olho virado. Nesse momento, todos pensavam que Machida era imbatível, com um estilo impossível de se copiar e que o karate iria reinar no UFC por muitos anos.

Essa profecia não se concretizou. Lyoto perdeu seu título em sua segunda defesa de cinturão para Maurício Shogun. Em seguida, um menino chamado Jon Jones começou a dominar a categoria forçando Lyoto a descer de peso, já que sempre foi muito leve para os meio-pesados.

No peso médio, Lyoto continuou mostrando sua técnica apurada, porém desperdiçou a chance de tirar o cinturão do campeão Chris Weidman e, em sua última luta, pela primeira vez na carreira, foi totalmente dominado pelo seu oponente: o americano Luke Rockhold.

Contra o cubano Yoel Romero, Lyoto tem a chance de provar que ainda está entre os grandes e pode fazer uma corrida pelo título, porém não será tarefa fácil. O cubano é muito forte, tem wrestling de nível olímpico e uma patada que pode derrubar qualquer um. O jogo para o brasileiro é fintar, controlar a distância, frustrar o cubano e levar a luta na decisão ou tentar o nocaute no contra-golpe, assim como o fez contra Ryan Bader.

Yuri da Matta
Será uma luta difícil para ambos os lutadores, Lyoto vem de uma derrota e uma atuação irreconhecível para Luke Rockhold, no qual o brasileiro não conseguiu soltar seu jogo e foi completamente dominado pelo americano em todos os aspectos da luta. Já pelo lado do cubano Yoel Romero, apesar de seu porte atlético ser bastante forte para a categoria dos médios, seu wrestling de nível olímpico e ser um nocauteador nato, Romero nunca enfrentou um lutador do calibre do Lyoto, um ex-campeão, com um jogo “chato”  de se lutar. 
Apesar do Lyoto vim de uma derrota e o Romero de uma vitória, creio que seja 60% de chance de vitória para lyoto contra 40% para Romero, pois o jogo do brasileiro casa bem contra o wrestling do cubano, pois na maioria dos combates de Lyoto contra wrestlers ele conseguiu evitar as quedas e impôs seu ritmo de luta. Um exemplo é a luta de Lyoto contra Dan Henderson, no peso dos meios pesados ( no qual seu jogo de luta parece com o do cubano), onde Lyoto evitou as quedas do americano e sua bomba de direita, conseguindo com seu jogo de contra ataque uma vitória por pontos.

Então creio em uma vitória de Lyoto Machida apesar do tão pouco tempo de recuperação da luta contra Rockhold, mais reforçando que será uma luta bastante difícil para o Dragão no qual terá que lutar com bastante cautela para conseguir anular o jogo do cubano Yoel Romero e ir cansando-o no decorrer dos rounds, para assim o brasileiro anotar mais uma vitória em seu cartel.

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

Escrito por Renan Assunção



Categorias
LutasOpinião do LeitorNRUFC

Criado em 14 de agosto de 2013, o Nocaute na Rede tem como principal objetivo FORTALECER o crescimento do esporte pelo Brasil e mundo a fora, é por isso que desde o início divulgamos os pequenos eventos e atletas que estão começando no cenário nacional.
Sem Comentários

Responder

*

*

3 × cinco =

RELACIONADO POR