Os brasileiros no UFC Fight Night: Gane vs Volkov

Neste sábado, 26, teve UFC Fight Night: Gane vs Volkov. E o evento contou com a presença de cinco brasileiros: Raoni Barcelos e Renato Moicano no card principal e...
brasileiros
Moicano, único dos brasileiros a vencer no evento (Credits: Getty Images)

Neste sábado, 26, teve UFC Fight Night: Gane vs Volkov. E o evento contou com a presença de cinco brasileiros: Raoni Barcelos e Renato Moicano no card principal e Danilo Marques, Michel Trator e Warlley Alves no card preliminar. E apenas um deles saiu vitoriso.

Renato Moicano, na abertura do card principal, enfrentou o inglês Jai Herbert. Desde o início o brasileiro mostrou que não queria saber muito de trocação e que buscaria a vitória na base do grappling. O inglês passou quase que a luta inteira no chão, tentando fugir da pressão, mas, no segundo round, após resistir muito, acabou tendo um mata-leão encaixado em seu pescoço. Vitória de Moicano por finalização aos 4:34 do 2º round.



Ainda pelo card principal, Raoni Barcelos, no peso-galo, enfrentou o embaçado russo Timur Valiev. Ele foi o último dos brasileiros a entrar em ação.  O combate foi bem movimentado, porém sem tantas emoções. A exceção foi o final do segundo round, quando o brasileiro levou o oponente a knockdown e, posteriormente, quase o nocauteou. Mas no final, na base da movimentação, entrando e saindo com muito velocidade no raio de ação, o russo levou por decisão majoritária, quebrando a sequência de 9 vitórias consecutiva do representante do Brasil.

Na última luta do card preliminar, Danilo Marques, pelos meio-pesados, começou a luta já conseguindo mochilar o nigeriano Kennedy Nzechukwu e passou lá todo o primeiro round. No segundo round o brasileiro conseguiu colocar pra baixo, pegou as costas, mas não finalizou. Quando o combate voltou de pé, o oponente deu pressão, acertou duros golpes e fez o rival sentir . No início do 3º round, aos 20 segundos, com muito volume e fortes socos, Kennedy venceu.

Pelos meio-médios, Michel Trator enfrentou Shavkhat Rakhmonov e precisava ter muito jogo de cintura para superar a enorme diferença de tamanho entre eles. O brasileiro não conseguiu impor seu jogo e não ofereceu tanto risco ao rival. No segundo round, o russo aplicou um ground and pound com muita eficiência. Na tentativa de sair da posição, Michel acabou tendo um mata-leão encaixado e assim finalizado aos 2:20. Michel, que chegou a ter 8 vitórias seguidas entre 2015 e 2018, agora tem duas derrotas seguidas.

O primeiro dos brasileiros a pisar no octógono foi Warlley Alves, pelos meio-médios. Ele começou sendo colocado para baixo e sendo muito pressionado, mas quase conseguiu vencer com uma finalização ainda no round inicial. Na tentativa de recolocar pra baixo, Jeremiah Wells deixou o pescoço muito exposto e Warlley não perdeu tempo. Mas o oponente conseguiu se livrar. No início do segundo round, Wells acabou acertando um bom soco e nocauteando logo aos 30 segundos.

RESULTADOS COMPLETOS

Card Principal

Pesados: Cyril Gane venceu Alexander Volkov por decisão unânime (50-45/50-45/49-46);
Pesados: Tanner Boser nocauteou Ovince St Preux aos 2:31 do 2º round;
Galos: Timur Valiev venceu Raoni Barcelos por decisão majoritária (28-28/29-28/29-28);
Penas: Andre Fili x Daniel Pineda terminou em No Contest devido a um dedo no olho acidental aos 0:46 do 2º round;
Meio-Médios: Tim Means venceu Nicolas Dalby (triplo 29-28);
Leves: Renato Moicano finalizou Jai Herbert aos 4:19 do 2º round

Card Preliminar

Meio-Pesados: Kennedy Nzechukwu nocauteou Danilo Marques aos 0:20 do 2º round;
Meio-Médios: Shavkhat Rakhmonov finalizou Michel Trator aos 2:10 do 2º round;
Meio-Médios: Jeremiah Wells nocauteou Warlley Alves aos 0:30 do 2º round;
Meio-Pesados: Marcin Prachnio nocauteou Isaac Villanueva aos 0:56 do 2º round;
Galos-Femininos: Julia Avila finalizou Julija Stoliarenko aos 4:19 do 3º round;
Penas: Charles Rosa venceu Justin Jaynes por decisão dividida (30-27/28-29/28-29);
Leves: Damir Hadzovic venceu Yancy Medeiros por decisão unânime (triplo 29-28)

 

Acompanhe o redator no instagram.



Categorias
LutasMMA InternacionalUFC

Pai, marido, neto, amante da família; filho de Deus; Graduando em Comunicação Social (Rádio e TV) na Universidade Federal do Maranhão; Editor chefe do Nocaute na Rede, sonha em seguir carreira na área esportiva; Redator nas seções de MMA nacional e internacional; Apaixonado por rádios, jornais, livros, podcasts, filmes, séries, comidas, esportes em geral (principalmente MMA, futebol e basquete); Praticante de MMA e muay thai;
Sem Comentários

Responder

*

*

três × 3 =

RELACIONADO POR