Paulo Nikolai é reconhecido como mestre de Muay Thai na Tailândia

Um dos treinadores mais respeitados no mundo das artes marciais, Paulo Nikolai se tornou o primeiro mestre do Brasil a ser reconhecido como Arjarn Praijed Prata na terra do...

Um dos treinadores mais respeitados no mundo das artes marciais, Paulo Nikolai se tornou o primeiro mestre do Brasil a ser reconhecido como Arjarn Praijed Prata na terra do Muay Thai. A honraria veio das mãos do Grão Mestre Woody – ChinawutSirisompan, presidente da W.M.B.F (World MuayBoranFederation). Foi o mestre Carlos Leivis, de Santa Catarina, que apresentou a história e a trajetória de Nikolai ao G.M. Woody. Depois de ver revistas, livros e materiais sobre o mestre brasileiro, e saber de grandes nomes do MMA Mundial que foram treinados por ele, durante um evento do MBK Fight Night, o G.M. Woody reconheceu então Paulo Nikolai como mestre de Muay Thai.

honraria Nikolai 1

(Foto: Arquivo Pessoal)

Como foi receber esta honraria?



G.M. Paulo Nikolai: Foi uma grande surpresa! O mestre Carlos Leivis me chamou e contou que iam me reconhecer como mestre na Tailândia. Foi um momento único em minha vida. Eu realmente recarreguei minhas energias, e ganhei uma nova motivação para continuar a trabalhar com Muay Thai no Brasil.

Na sua opinião, qual é o atual cenário do Muay Thai no Brasil?

G.M. Paulo Nikolai: É lamentável o momento do Muay Thai Brasileiro. Existem tantos aproveitadores e pseudos praticantes que não tem a mínima ideia do significado do Muay Thai, e nem sequer de sua filosofia. Eu fico imaginando quando estes inúmeros “praticantes” descobrirem que foram enganados. São graduações que não existem, “mestres” que nunca foram graduados por ninguém, certificados sem respaldo jurídico. Hoje em dia é importante o aluno procurar um treinador sério, que seja filiado a uma Federação juridicamente correta em todos os seus valores, saber as nomenclaturas do Muay Thai, ter conhecimento da parte filosófica, entender as regras, saber diferenciar o competitivo do Muay Boran. Se tiverem a oportunidade de irem algum dia a um camp de verdade na Tailândia, não nos comerciais que por lá existem e que são muitos, vão descobrir a verdade e dizer: Não sei nada de muaythai!

Quais aprendizados esta viagem trouxe para o seu trabalho?

G.M. Paulo Nikolai: Na Tailândia eu entendi o verdadeiro respeito da hierarquia do Muay Thai. Muitos brasileiros já estiveram por lá. Treinaram, competiram, passearam e conheceram os principais camp’s, mas não observaram nada do respeito e disciplina que eles ensinam com alegria e disposição. Tenho uma nova missão com a Federação de Muaythai do Estado de São Paulo (FEMTESP). Vou aperfeiçoar cada vez mais nossos lutadores e treinadores. Acabo de fechar um grande intercâmbio Brasil-Tailândia e, em breve, podem contar que verão muitos lutadores da TEAM Nikolai competindo e dando o que falar em solo tailandês. Assim como teremos grandes lutadores tailandeses competindo no Brasil. Podem apostar.

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek

Siga o Nocaute na Rede no Instagram: https://bit.ly/19p66yi

Curta Nossa Página no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH



Categorias
Lutas

Criado em 14 de agosto de 2013, o Nocaute na Rede tem como principal objetivo FORTALECER o crescimento do esporte pelo Brasil e mundo a fora, é por isso que desde o início divulgamos os pequenos eventos e atletas que estão começando no cenário nacional.
Sem Comentários

Responder

*

*

dois × 5 =

RELACIONADO POR