Pedro Nobre fala sobre trajetória, dificuldades, e promete voltar ao UFC

Pedro Nobre é atualmente um dos melhores pesos moscas do brasil e do mundo, e lutando atualmente pelo Titan FC busca enfim voltar ao maior event de MMA do...

Pedro Nobre é atualmente um dos melhores pesos moscas do brasil e do mundo, e lutando atualmente pelo Titan FC busca enfim voltar ao maior event de MMA do planeta, o UFC. Pedro Nobre tem uma carreira sofrida, e em mais de 5 anos como profissional no MMA acumulou um cartel com 16 vitórias em 20 lutas, e uma grande experiencia. Em entrevista exclusiva ao site “Nocaute na Rede” o lutador nos fala um pouco sobre a sua trajetória:

“Sou de uma comunidade no subúrbio do Rio chamada faz quem quer, e foi muito difícil ser o atleta que sou hoje, muitas dificuldades, mas sempre dei a volta por cima. Fui conseguindo meu espaço no cenário nacional e consegui passar na seletiva para o TUF Brasil 1, onde estava bem treinado, mais acabei sofrendo um knockdown, e perdi. Em seguida lutai no Shooto, e o GP dos galos do Bitetti combate onde perdi na final para o Sheymon Moraes. Mas 3 meses depois lutei no GP dos moscas do Bitteeti, e fui campe,ão. Um mês depois assinei pra lutar no UFC faltando 10 dias onde aconteceu toda aquela confusão. Então fui para a Tailândia, venci 3 lutas lá , e de vo0lta ao Brasil fui campeão do Web Figh e assinei com o Titan FC. Venci na minha estreia, e estou muito feliz,  já que os comentaristas falaram muito bem de mim e os espectadores tiveram a oportunidade de ver quem realmente é o Pedro Nobre.”



Fernando Azevedo

Pedro Nobre (Foto: Fernando Azevedo)

Como o lutador disse, foi selecionado para participar do primeiro TUF Brasil na categoria dos penas, mas foi derrotado por Marcus Vina na luta eliminatória. Pedro Nobre agora luta no cenário internacional, pelo evento Titan FC, mas revela que ainda sofre com muitas dificuldades como a falta de patrocínio e falta de apoio:

“Eu vi uma luta do Royce Gracie e logo depois comecei a ver umas lutas do Pride, me apaixonei e disse que eu queria ser lutador de vale-tudo (como era chamado na época). As minhas maiores dificuldades sempre foram a grana, a falta de oportunidade, a falta de apoio. A falta de grana e apoio continuam sendo a principal dificuldade, um atleta que luta um evento internacional não tem um patrocínio para poder investir na preparação antes da luta, pra comprar um suplemento, eu tento tirar a grana de tudo do meu trabalho e infelizmente não consigo suprir tudo que preciso pra poder lutar em alto nível, vou mais na cara e na coragem, as empresas precisam olhar também pelo cara que esta começando, ajudar o cara a ser campeão, apoiar o campeão e fácil tem ajudar a formar o campeão também!”

Pedro Nobre ganhou a oportunidade de lutar no UFC em 2013, e em uma categoria acima do que o lutador estava atuando, contra Iuri Marajó. Mas nem tudo foi como o lutador imaginou, Pedro sofreu com golpes que recebeu na nuca, e a luta foi declarada sem resultado, mas Dana White acusou o lutador de ter fingido que não estava bem para não continuar no combate, sendo assim Dana demitiu Pedro Nobre. O lutador que já está conformado e focado em voltar, já deu a volta por cima com grande vitórias e sonha com o retorno a organização:

“Com certeza vou voltar o ao UFC, conforme eu for mostrando quem realmente eu sou lutando pelo Titan FC, eles vão me chamar de volta. Vouvestar preparado pra mostrar quem sou, e eles vão ver que erraram.”

Tatame

Pedro Nobre em luta contra Mathes Nicolau (Foto: Tatame)

Na categoria dos moscas já são 4 vitórias consecutivas, e Pedro Nobre que em sua estreia pelo Titan FC dominou Dan O’Connor, vencendo por decisão unanime, é o atual quarto colocado no ranking brasileiro de MMA em sua categoria. Não faz nem um mês que o lutador lutou e Pedro já projeta sua próxima luta, o lutador nos fala sobre seu último combate e quando deve retornar ao cage:

“Eu preparei uma estrategia pra luta contra o O’Connor, mas a luta foi diferente, ele não tentou me derrubar momento algum e se tornou um cara imprevisível, eu não sabia o que ele queria fazer, então lutei sem me expor muito e trabalhei nos erros dele. Pensei que tinha feito uma luta ruim, mas depois vi a galera me falando comigo empolgadas e me parabenizando, vi os comentários, fiquei feliz demais. Assinei com o Titan FC por 6 lutas, podendo defender o cinturão do Web Fight. Pretendo voltar a lutar em no máximo 3 meses.”

John Lineker, Jussier Formiga e Wilson Reis são os únicos brasileiros na categoria dos moscas do UFC, e sobre categoria mais “rasa” do Ultimate, Pedro diz se acredita se está no nível dos tops a ponto de ser contratado:

“Tem muitos atletas bons e acho que já deveria estar lá, porem é tudo na hora certa. Vou me dar bem assim que voltar, vou ser um dos melhores da categoria, tenho certeza.”

Pedro Nobre treina na Brazilian Top Team, com a fera Murilo Bustamante, o primeiro brasileiro campeão dos médios do UFC. Bustamante é uma lenda, e Pedro nobre que tem como companheiros de treinos Toninho Furia e Fernando Camolês fala como que é o convívio com esta fera:

“Murilo, alem de ser meu treinador e meu ídolo, me espelho muito nele s, ainda mais na calma e inteligência que ele sempre demonstrou nas lutas, tento sempre fazer como ele nesse aspecto.”

Finalizando a entrevista, Pedro Nobre faze seus agradecimentos:

“Quero agradecer pelo apoio da galera do Nocaute na Rede, e espero o apoio e torcida de todos na minha próxima luta também. Fiquem ligados no Nocaute na Rede para saberem a data da minha próxima luta galera, um forte abraço.”

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

Sem título

Escrito por Victor Nunes



Categorias
EntrevistasLutasMMA InternacionalUFC

Criado em 14 de agosto de 2013, o Nocaute na Rede tem como principal objetivo FORTALECER o crescimento do esporte pelo Brasil e mundo a fora, é por isso que desde o início divulgamos os pequenos eventos e atletas que estão começando no cenário nacional.
Sem Comentários

Responder

*

*

18 − 7 =

RELACIONADO POR