Prévia do UFC Fight Night 85: Hunt vs Mir

Neste sábado, 19, acontece o UFC Fight Night 85: Hunt vs Mir, diretamente do Brisbane Entertainment Centre em Queensland, Austrália. O evento trará 12 combates, 9 deles com a...

Neste sábado, 19, acontece o UFC Fight Night 85: Hunt vs Mir, diretamente do Brisbane Entertainment Centre em Queensland, Austrália. O evento trará 12 combates, 9 deles com a presença de atletas da casa.

(Divulgação/ UFC)

(Divulgação/ UFC)

Na luta principal teremos um combate entre dois monstros que beiram a casa dos 120 kg. O super samoano Mark Hunt enfrentará um ex campeão da categoria, Francisco Miranda, mais conhecido como Frank Mir. Na luta co-principal, o cubano Hector Lombard, ex judoca olímpico, enfrenta o embalado americano Neil Magny. 



O evento contará ainda com a presença dos brasileiros Antônio Carlos “Cara de Sapato”, Viscardi Andrade e Alan “Nuguette” Patrick. Confira agora a prévia de mais um evento que promete ser histórico (algo bem comum quando se trata de eventos realizados em terras australianas).

MARK HUNT vs FRANK MIR

(Foto: Getty Images)

(Foto: Getty Images)

O nocauteador Mark Hunt lutará pela 4ª vez em terras australianas, sendo a terceira de forma consecutiva. Nas 3 vezes anteriores, Hunt conseguiu 1 empate, 1 derrota e 1 vitória. Depois de ser nocauteado por Fabrício Werdum na disputa de cinturão interino da categoria, ele acabou também sendo nocauteado por Stipe Miocic logo na sequência. Na última luta, no entanto, nocauteou o brasileiro Antônio Pezão – na primeira vez que lutou na Austrália, exatamente no mesmo local do evento de hoje, Brisbane, Hunt x Pezão fizeram aquela que é considerada por muita gente como a maior luta da história dos pesos pesadas, e que teve como resultado final um empate – e se recuperou das derrotas. O super samoano vem em busca de engrenar mais uma vitória, buscando se aproximar novamente de uma nova chance pelo cinturão.

O ex campeão Frank Mir vinha de 4 derrotas consecutivas, até que venceu Antônio Pezão e Todd Duffee, e assim quebrou a sequência negativa. No entanto, no último combate, Mir caiu diante de Andrei Arlovski. O perigoso finalizador americano busca vencer Hunt para não só voltar ao caminho das vitórias, mas principalmente para espantar o fantasma de uma nova sequência tão negativa.

O duelo desta luta principal trará o velho duelo de estilos. Enquanto Mark Hunt é um nocauteador e um dos melhores ‘strikers’ dos pesos pesados no mundo, Frank Mir é o maior finalizador da história dos pesos pesados do UFC.

Algo que traz uma boa vantagem para Mark Hunt é o fato do super samoano ter “mão de pedra” e o “queixo de aço”, que combinado com sua excelente trocação, lhe dão vantagem na parte da luta em pé, principalmente levando em consideração que seu adversário americano tem queixo bem duvidoso, que não aguenta muita coisa. O fator gás também pode, incrivelmente, favorecer o gordinho Mark Hunt. Tudo porque o neozelandês, sabendo justamente do seu déficit nessa área, se controla melhor, busca não imprimir um ritmo muito acelerado. Enquanto isso, Mir também não tem um dos melhores preparos da categoria, no entanto não tem bom controle do ritmo como seu oponente desta noite.

Mark Hunt tem uma boa defesa de quedas. O alto de seus 1.78 de altura fazem com que seu centro de gravidade seja baixo, permitindo com que ele consiga ter um melhor equilíbrio. Mas se Frank Mir pensa em ter uma melhor chance e sair com um bom resultado nesta noite, o melhor que tem a fazer é buscar a queda e trabalhar seu refinadíssimo jiu jitsu, jiu jitsu este que lhe garantiu a metade de todas as suas vitórias ao longo da carreira, 9 de 18, e que já fez de vítima até um dos maiores finalizadores da história do ‘mixed martial arts’, Rodrigo Minotauro.

Palpite: Mark Hunt vence por nocaute no 1º round.

HECTOR LOMBARD vs NEIL MAGNY

(Foto: Reprodução)

(Foto: Reprodução)

O cubano e ex judoca olímpico Hector Lombard havia sido campeão peso médio do Bellator, e chegou ao UFC com o ‘status’ de que derrubaria até o então campeão peso médio do Ultimate, Anderson Silva. No entanto, após duas derrotas em três lutas pela categoria, o lutador decidiu baixar para os meio médios. Na nova categoria, engrenou 3 vitórias consecutivas. No entanto, na última dessas vitórias, contra Josh Burkman, acabou testando positivo no exame antidoping, logo o resultado de vitória foi alterado para ‘no contest’ e a suspensão de 1 ano acabou acontecendo. Agora ele está de volta, pronto para seguir forte na caminhada rumo ao ‘tittle shot’.

O adversário de Lombard nesta noite será o embalado americano Neil Magny. Em 2013, após sofrer duas derrotas consecutivas, a “maré” mudou completamente em favor do lutador. Nos anos de 2014 e 2015, Magny se tornou o lutador mais ativo do Ultimate, fazendo 10 lutas e conseguindo obter 9 vitórias, sofrendo apenas um revés diante do brasileiro Demian Maia. O americano, após a derrota, já venceu mais duas lutas, contra Erick Silva e Kelvin Gastelum. Uma vitória agora, diante de um oponente do nível de Hector, fará com que suba bastante na categoria e lhe aproxime mais do que nunca de uma chance pelo título.

Hector Lombard é melhor do que Magny em todas as áreas. Tem muito poder de nocaute, muita força,muita explosão, e além disso tem um bom nível de quedas e no jogo de chão. No entanto, o jogo de Magny é o pior possível. Para começar, o americano tem 1.90 de altura e mais de 2 metros de envergadura, contra 1.75 de altura e 1.80 de envergadura do cubano. Outro fator que dificulta a vida de Hector é a movimentação de Magny. O americano circula bastante, se movimenta bem, evita essas aproximações e além disso conta com um gás muito bom. Essa combinação garantiu que 9 das 17 vitórias do lutador na carreira fosse via decisão dos juízes. Combinando tudo isso que de melhor Magny tem, some ao fato de Hector ter pouca movimentação, luta um pouco mais parado e buscando mais aquela “patada” certeira que derruba até parede.

Palpite: Neil Magny vence por decisão unânime

DAN KELLY vs CARA DE SAPATO

(Foto: Reprodução/ Dentro do octógono)

(Foto: Reprodução/ Dentro do octógono)

O judoca australiano Dan Kelly representou seu país em 4 olimpíadas. No MMA, chegou invicto ao UFC, por lá fez 3 lutas e caiu apenas diante de Sam Alvey.

O brasileiro Antônio Carlos “cara de sapato” fez uma carreira vitoriosa no jiu jitsu. Começou no MMA apenas em 2013, e com 3 vitórias em 3 lutas, o ‘sparring’ de Júnior Cigano ganhou uma chance de lutar no TUF Brasil 3, pela categoria dos pesos pesados. O lutador nocauteou 1 adversário na luta preliminar, nocauteou outro nas quartas de finais, finalizou na semi final e venceu a final por decisão unânime, se tornando o campeão desta edição do ‘reality’ do UFC. Após ser derrotado nos meio pesados, cara de sapato baixou para os pesos médios, e conseguiu sua vitória por finalização contra Eddie Gordon. Em sua última luta, um acidente de trabalho com o adversário Kevin Casey acabou pondo fim ao combate, que durou apenas 11 segundos e foi dado como ‘no contest’.

Apesar do cartel altamente favorável, o australiano Dan Kelly não tem mostrado um jogo lá dos melhores. Seu jogo flui bem apenas quando se aproxima do oponente e consegue fazer suas quedas de quadril, quedas que são especialidades dos judocas.

Com uma boa trocação lapidada por Luíz Dórea, o chão refinadíssimo, um gás bem melhor e os 12 anos a menos do que o oponente – Kelly tem 38 anos e Cara de Sapato tem 26 – dão total vantagem ao brasileiro.

Palpite: Cara de Sapato vence por nocaute no 1º round

 

UFC FIGHT NIGHT 85: HUNT vs MIR

19 de março, Brisbane Entertainment Centre, Brisbane, Queensland, Austrália

CARD PRINCIPAL

Pesados: Mark Hunt vs Frank Mir
Meio Médios: Neil Magny vs Hector Lombard
Leves: Jake Matthews vs Johnny Case
Médios: Dan Kelly vs Cara de Sapato
Médios: James Te Huna vs Steve Bossé
Palhas Femininos: Bec Rawlings vs Seohee Ham

CARD PRELIMINAR

Meio Médios: Brendan O’Reilly vs Alan Jouban
Penas: Dan Hooker vs Mark Eddiva
Galos Femininos: Leslie Smith vs Rin Nakai
Meio Médios: Richard Walsh vs Viscardi Andrade
Leves: Ross Pearson vs Chad Laprise
Leves: Alan Nuguette vs Damien Brown

 

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek
Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH



Categorias
LutasMMA InternacionalUFC

Pai, marido, neto, amante da família; filho de Deus; Graduando em Comunicação Social (Rádio e TV) na Universidade Federal do Maranhão; Editor chefe do Nocaute na Rede,; Redator nas seções de MMA nacional e internacional; Apaixonado por rádios, jornais, livros, podcasts, filmes, séries, comidas, esportes em geral; MMA é uma paixão absurda; Praticante de MMA e muay thai; Crítico Social
Sem Comentários

Responder

*

*

5 × três =

RELACIONADO POR