Prévia do WSOF 24: Fitch vs Okami – Com duas disputas de cinturão e a estreia de Yushin Okami nos meio-médios

Mais uma vez no ano de 2015, o World Series of Fighting será responsável pelo melhor card do final de semana (o mesmo aconteceu no WSOF 21, em Junho)....

Mais uma vez no ano de 2015, o World Series of Fighting será responsável pelo melhor card do final de semana (o mesmo aconteceu no WSOF 21, em Junho). A 24ª edição do WSOF ocorrerá no Foxwoods Resort Casino, em Mashantucket, Connecticut, nos Estados Unidos e será transmitido neste sábado pelos canais Esporte Interativo.

WSOF 24: Fitch vs Okami (Foto: Divulgação)

WSOF 24: Fitch vs Okami (Foto: Divulgação)

Apesar de duas disputas de cinturão no evento, a luta principal não valerá um titulo. Jon Fitch e Yushin Okami serão os responsáveis pelo main event, provavelmente pelo peso do nome de ambos os lutadores, que já foram familiares nos ouvidos dos fãs do UFC.



No co-main event, o campeão peso pesado do WSOF Blagoy Ivanov enfrenta o desafiante ex-Bellator e Strikeforce Derrick Mehmen.

Pelo cinturão inaugural do peso mosca, dois monstros da categoria se encaram. O russo Magomed Bibulatov disputa o titulo com o americani Donavon Frelow.

Ainda no card principal, o ace do jiu-jitsu Vinny Magalhães enfrenta o único homem a “vencer” o melhor lutador peso por peso do mundo (Jon Jones), Matt “The Hammer” Hamill.

Peso leve destacado por suas habilidades mesmo sem parte do braço esquerdo, Nick Newell, encara Tom Marcellino.

Luta Principal: Jon Fitch vs Yushin Okami

Jon Fitch (Foto: Divulgação)

Jon Fitch (Foto: Divulgação)

Hoje em dia, Jon Fitch (26-7-1(1) MMA, 2-2 WSOF), com 37 anos e com duas derrotas em quatro lutas no WSOF, que não e nem está entre os dois maiores eventos do planeta, não parece uma ameaça a um bom lutador, mas alguns (muitos) anos atrás a situação era diferente.

Jon estreou no UFC dez anos atrás e, logo de cara, fez uma sequencia monstruosa de oito vitórias consecutivas, batendo caras como Josh Burkman, Thiago Alves, Roan Carneiro e Diego Sanchez, até conseguir um title shot contra o maior meio-médio de todos os tempos, Georges St-Pierre. O nível técnico absurdamente acima de seu tempo de GSP massacrou Jon Fitch, que teve que correr atrás de outra sequencia de vitorias.

Em 2009, Fitch conseguiu mais uma boa sequencia, desta vez de cinco vitorias, incluindo Akihiro Gono, Paulo Thiago e Thiago Alves, tendo acesso assim a um ts eliminator contra um dos maiores pesos leves da historia, BJ Penn. A luta acabou empatada e a partir dali veio uma fase terrível para Jon. Em três lutas, ele venceu apenas Erick Silva, foi nocauteado em pouquíssimos segundos por John Hendricks e completamente dominado por Demian Mais, um dos maiores jiu-jiteiros já vistos no MMA.

Jon Fitch ainda tem um estilo muito insistente. Ele tem bom jogo de quedas e sabe transitar bem entre o wrestling e o jiu-jitsu. Como de costume, Jon gosta de colocar muita pressão, derrubar, cair por cima e alternar entre as passagens de guarda e o ground and pound bruto. Teve o wrestling de nível de Divisão I da NCAA forjado na Universidade de Purdue, jiu-jitsu na Guerrilla Jiu-Jitsu e trocação na American Kickboxing Academy. E qualquer lutador da divisão no WSOF que não tiver o poder de nocaute de Johny Hendricks, o jiu-jitsu sufocante de Demian Maia ou a pegada monstruosa de finalização de Toquinho, corre o risco de passar apuros na mão de Jon Fitch.

Yushin Okami (Foto: Divulgação)

Yushin Okami (Foto: Divulgação)

Outro top 10 demitido pelo Ultimate, Yushin Okami (30-9 MMA, 1-1 WSOF) tenta refazer sua carreira na categoria até 77kg, uma abaixo da que o fez ser um destaque do MMA mundial e disputar o cinturão do UFC contra o maior campeão da historia do UFC, Anderson Silva. Após suas fases boas e ruins no Ultimate, Okami foi demitido da organização (o que causou certa surpresa) logo após ser nocauteado por Ronaldo Jacaré, ace do jiu-jitsu e ex-campeão do Strikeforce. No WSOF, finalizou facilmente Svetlozar Savov em sua estreia, mas foi nocauteado por David Branch no quarto round de sua segunda luta, no WSOF 15.

No peso médio, Okami já venceu grandes nomes como Mike Swick, Jason MacDonald, Evan Tanner,  Mark Munoz, Nate Marquardt, Alan Belcher e Hector Lombard.

Assim como Jon, Okami tem um forte jogo de pressão e colocar para baixo, mas trabalha melhor o clinch. O boxe deu uma melhorada significativa de um tempo pra cá, ele usa bem combinações usando as duas mãos, mas os chutes não são bem trabalhados. O jogo que o japonês mais gosta é o de encurtar, clinchar, derrubar e colocar pressão por cima dos adversários.

A grande questão da luta é como Okami lutará com até 77kg. Ele tem 1,88m (6 ft 2) de altura, mesmo tamanho de Anderson Silva e Chris Weidman, dois pesos médios gigantes.

Imaginando que Okami bata o peso e lute normalmente, ele deve usar seu maior volume de jogo na troca de golpes em pé, seu maior porte físico para levar a luta ao solo e ir colocando pressão o tempo todo. Jon vai tentar levar a luta para o solo também,  e até deve conseguir algumas vezes, mas no final o volume de jogo do japonês deve prevalecer e ele levará a luta na decisão. Mas se o corte de peso prejudicar 10% de seu jogo, vou de Ficth.

Cinturão Peso Pesado do WSOF – Blagoy Ivanov vs Derrick Mehmen

Blagoy Ivanov (Foto: Divulgação)

Blagoy Ivanov (Foto: Divulgação)

Após ficar entre a vida e a morte e ser finalista do torneio dos pesados do Bellator, Blagoy Ivanov (11-1 MMA, 1-0 WSOF) finalmente ganhou um titulo mundial, quando finalizou Smealinho Rama, o antigo campeão, no começo do terceiro round.

Campeão mundial de sambô após vencer Fedor Emelianenko, maior peso pesado da historia do MMA, e faixa preta de judô, Blagoy tem como seu carro chefe a luta agarrada. Ele não é muito alto, mas tem um porte físico muito grande e forte, o que o ajuda em seu estilo bastante ofensivo. Os pontos fracos são o condicionamento físico e a trocação, veremos se ocorreu alguma melhora desde sua ultima luta.

Seu oponente é Derrick Mehmen (18-6 MMA, 3-1 WSOF), que tem vitorias sobre Rolles Gracie e Brett Rogers. Ele já tentou uma vez conquistar o titulo da organização, mas foi brutalmente parado pelo já citado Smealinho Rama.

A luta pende mais para o lado do búlgaro Blagoy Ivanov, que deve partir pra cima, levar a luta pro chão e finalizar antes do terceiro round. Mas é bom tomar cuidado, se a luta se prolongar e for para a decisão, pode muito bem ficar com Derrick Mehmen.

Na disputa de peso mosca, fico com o russo Magomed Bibulatov, que deve usar e abusar do wrestling durante todos os rounds, talvez finalize se a brecha aparecer, mas a aposta é que seja na decisão.

WSOF 24 Main Event:

170 lbs.: Yushin ‘Thunder’ Okami vs. Jon Fitch

WSOF 24 Main Card (9 p.m. ET):

265 lbs.: Blagoy Ivanov (c) vs. Derrick Mehmen

205 lbs.: Vinny Magalhaes vs. Matt Hamill

170 lbs.: Tom Marcellino vs. Nick Newell

125 lbs.: Magomed Bibulatov vs. Donavon Frelow (for inaugural Flyweight title)

WSOF 24 “Prelims” Undercard:

145 lbs.: Rick Glenn (15-3) vs. Adam Ward (15-6)

145 lbs.: Alexandre “Capitao” Almeida (16-5) vs. Saul “The Spider” Almeida (18-5)

145 lbs.: Rodrigo “The Young Lion” Almeida (12-2) vs. Bruce “Pretty Boy” Boyington (10-8)

185 lbs.: Justin Torrey (7-1) vs. Rex “T-Rex” Harris (7-2)

185 lbs.: Louis “Handgunz” Taylor (11-3) vs. Nicolai Salchov (5-0)

170 lbs.: Nunes Da Silva (5-1) vs. Colton Smith (5-4)

265 lbs.: Pat Walsh (6-2) take on Tyler King (9-3)

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

                                                           Escrito por Kaue Macedo



Categorias
LutasMMA Internacional

Bacharelando em Jornalismo, Analista de MMA e boxe no PitacoEsportivo.com e Nocaute na Rede. Contatos: [email protected] (via e-mail) e @kauemcd (via Twitter)
    Sem Comentários

    Responder

    *

    *

    seis + três =

    RELACIONADO POR