Robson Conceição estreia com vitória no boxe profissional e Manny Pacquiao vence Vargas.

Robson mostrou superioridade em sua primeira luta como profissional e Pacquiao fechou a noite com uma atuação irrepreensível,
Robson Conceição fez estreia tranquila no boxe profissional e venceu Clay Burns (Fonte: Globoesporte.com).




Pacquiao mostra superioridade diante de Jesse Vargas e retoma o cinturão que outrora foi seu. (Fonte: Los Angeles Times).

Pacquiao mostra superioridade diante de Jesse Vargas e retoma o cinturão que outrora foi seu. (Fonte: Los Angeles Times).

Os fãs da Nobre Arte estavam em polvorosa pela estreia do pugilista brasileiro Robson Conceição, medalhista de ouro das Olimpíadas do Rio desse ano. A expectativa era grande e o lutador baiano atendeu de forma primorosa a espera dos entusiastas do esporte. Diante de Clay Burns, o brasileiro imprimiu o ritmo da luta. Mostrou habilidade e as esquivas em dia, vencendo o confronto com certa tranquilidade, levando todos os rounds da contenda que teve como palco Las Vegas.



Robson Conceição fez estreia tranquila no boxe profissional e venceu Clay Burns (Fonte: Globoesporte.com).

Robson Conceição fez estreia tranquila no boxe profissional e venceu Clay Burns (Fonte: Globoesporte.com).

Para fechar a note, o filipino e lenda viva do Boxe, Manny Pacquiao venceu mais uma, desta vez suplantando o então campeão Jesse Vargas. Com a vitória, Pacquiao ficou com o cinturão dos meios médios da Organização Mundial de Boxe que pertencia a Vargas, titulo esse que conquista pela terceira vez. O combate foi tranquilo para o filipino que soube administrar bem as ações e dominou amplamente o seu adversário.

Em tempo, infelizmente o pugilista Vitor Jones Freitas, sobrinho de Acelino Popó, não teve vida fácil na noite de sexta feira, na Califórnia, EUA.

O brasileiro começou bem mas foi surpreendido por um golpe na linha de cintura aplicado por seu adversário Manuel Mendez ainda no primeiro round, não tendo condições de retornar para a contenda.

 




Categorias
Boxe Nacional e InternacionalLutas

Entusiasta da Nobre Arte e do MMA desde tenra idade. Posso me gabar de ter nascido em uma geração que acompanhou as lutas de Mike Tyson, Maguila, Holyfield, Foreman, Roy Jones Jr, Popó, entre outros e de ter acompanhado os primórdios do MMA (antigo Vale Tudo), desde o chute de Gerard Gordeau em Teila Tuli, o massacre que Rickson Gracie promoveu no Japão, até os dias de hoje, com atletas marciais completos como Jon Jones. Nasci em Curitiba, terra da Chute Boxe e de valorosos guerreiros e espero trazer um pouco dessa experiência para os leitores do Nocaute na Rede.
    Sem Comentários

    Responder

    *

    *

    dezenove + um =

    RELACIONADO POR