Ronda Rousey não fará participações em campanha pré-luta na semana do UFC 207

A brasileira, Amanda Nunes, campeã da categoria dos galos feminino do UFC, também não precisará aparecer em coletivas de imprensa
Ronda Rousey (Foto: Marc Raimond/mmafighting)

Na semana em que ocorrerá o UFC 207, nos tradicionais calendários para as sessões de mídias, publicidades e promoções do evento, não contará com uma ilustra presença, a ex-campeã peso galo do UFC, Ronda Rousey. Por conta da ausência da americana, a campeã peso galo, Amana Nunes, poderá também não ter obrigação de participar das coletivas. A informações é de Ariel Helwani, que postou em seu twitter:

“O UFC anunciou ontem à noite que Rousey não participará de nenhuma atividade de mídia pré-luta na semana de luta. Como resultado, nem a Nunes.”



As duas protagonistas do evento poderão não participar do tradicional “Ultimate Media Day” no dia 28 dezembro, função esta tipicamente única e disponível para imprensa durante a semana, que é aberta ao público, não haverá entrevistas, conferência e nem mesmo participarão do tradicional treino aberto.

Ronda Rousey é a lutadora mais popular do MMA feminino. Desde que se tornou campeã da categoria dos galos, conquistou um grande número de fãs e admiradores de todo o mundo. Sempre tratada como celebridade, chamou atenção de muitos ao participar de vários talk show, séries e filmes. Nas semanas de suas lutas, era a maior atração da programação pré luta dos eventos. A ausência tanto dela como da campeã é algo inusitado para o UFC, que tem como exigência a participação dos lutadores nessas atividades publicitárias.

Dana White, presidente do UFC, informou que a decisão de Ronda não participar dessas sessões publicitárias foi uma solicitação da mesma, que foi prontamente atendida. Ele informou também que a ausência da ex-campeã durante os 13 meses não foi por causa de sua derrota para Holm, mas sim os meios de comunicação.

  “Ela tinha problemas. Suas maiores questões, na minha opinião, estavam com a mídia. … Ela só sentiu como a mídia estava completamente virada sobre ela quando ela perdeu. Ela se sentiu atacada. Ela se sentia como essas pessoas na mídia, que ela deu três anos de sua vida, cruzando ao redor, dando entrevistas, viraram completamente quando ela perdeu.”

 

 



IBlackbelt
Categorias
LutasUFC
Sem Comentários

Responder

*

*

dois × dois =

RELACIONADO POR