Roy Nelson é punido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva do MMA brasileiro por agressão a árbitro.

"Big Country" recebe nove meses de gancho pela entidade brasileira por agredir o árbitro John McCarthy após vencer Antonio Silva no UFC Brasília.
(Foto: MMA Weekly)

Demorou, mais veio. O Superior Tribunal de Justiça Desportiva do MMA brasileiro puniu Roy Nelson pelo incidente pós-luta pelo UFC Fight Night 95 em Brasília, onde agrediu o árbitro “Big John” McCarthy com um chute e o mostrou o dedo do meio após nocautear Antonio “Bigfoot Silva”. A justiça determinou que Nelson fosse punido por 09 meses além de pagar uma multa de 80 mil reais (aproximadamente 24 mil dólares).

O tribunal, entretanto, teria aceitado reduzir a pena e a multa caso Nelson emitisse um pedido público de desculpas previamente autorizado pelo UFC, com presença do árbitro agredido, e que o pedido fosse emitido até o dia 31 de Dezembro. O UFC ainda não respondeu às solicitações feitas pelo tribunal, tampouco os lutadores se manifestaram sobre isto. O presidente do Superior Tribunal, Marcelo Sedlmayer Jorge, emitiu uma declaração sobre a punição e o que motivou o Superior Tribunal a aplicá-la:



Momento onde Roy Nelson chuta John McCarthy após vencer Antonio Silva (Foto: MMA Weekly)

Momento onde Roy Nelson chuta John McCarthy após vencer Antonio Silva (Foto: MMA Weekly)

“Mesmo se a atitude (tomada por Nelson) fosse cabível, o atleta deve primordialmente defender a honra, a saúde e a integridade física e moral do árbitro e de todo e qualquer indivíduo que esteja envolvido na realização de evento competitivo. Neste caso, nada justifica a atitude tomada e em base dos motivos alegados pelo atleta, é inadmissível que motivos pessoais sejam o pavimento para justificar conduta antidesportiva e antiética.”

(Marcelo Sedlmayer Jorge, presidente do Supremo Tribunal de Justiça Desportiva do MMA no Brasil)

Roy Nelson, após o incidente, dizia não ter agredido McCarthy e sim apenas “empurrado o árbitro com o pé” mas que não se arrependia do ocorrido. Alegou que McCarthy demorou a interromper a luta contra Silva, permitindo que Nelson desferisse mais golpes no já inconsciente Silva…Entretanto, Roy dizia ter pedido desculpas a John McCarthy. O presidente do UFC Dana White não aceitou as desculpas de Nelson e diz que o atleta devia ser “queimado” no UFC.



Categorias
LutasMMAMMA InternacionalUFC

Paulistano, São Paulino, baterista, perito em TI, fanático por lutas e viciado em games. Colunista e redator Nocaute Na Rede.
    Um Comentário
  • Jeovah Santos Sorocaba
    17 novembro 2016 at 20:47
    Responder

    De boa: o que aconteceu com o Big Foot. Bateu Fedor entre outros tops, agora fica dando o queixo a prova e parecendo criança apanhando na bunda da mãe. Roy Nelson ainda escolheu o momento para nocautea-lo. Sou o maior torcedor do Big Foot, muito triste um grande lutador acabar assim. Desmotivado e sem estudar seus adversários, sem equipes dinas dele. Força Antonio Silva, não disperdice oportunidades. Dias melhores Virão. Creia.

  • Responder

    *

    *

    catorze − 8 =

    RELACIONADO POR