Shooto Brasil 54 terá duas disputas de cinturão e dois ex lutadores do UFC no card

No dia 17 de maio, às 19h, o clube Hebraica recebe mais uma edição do Shooto Brasil. O ginásio do bairro de Laranjeiras, Zona Sul do Rio de Janeiro,...

No dia 17 de maio, às 19h, o clube Hebraica recebe mais uma edição do Shooto Brasil. O ginásio do bairro de Laranjeiras, Zona Sul do Rio de Janeiro, será palco do evento de número 54 da franquia, cuja luta principal vale o cinturão até 66kg, entre Felipe Froes e Paulo Guerreiro. Outros destaques do card são os combates dos ex-atletas do UFC, Luiz Banha e Ronys Torres. “Banha” enfrenta Ricardo Silva (até 93kg) e Torres, atual campeão até 70kg, faz a co-luta da noite em peso combinado até 73kg, mas só terá seu adversário anunciado oficialmente ao público nos próximos dias. O canal Combate transmite os 12 duelos do show ao vivo.

(Foto: Divulgação/ Shooto)

Felipe Froes vai disputar o cinturão da categoria até 66 kg(Foto: Divulgação/ Shooto)

Duelo de gerações na disputa do cinturão



Aos 23 anos, o paraense Felipe Froes, da Nova União, tem cartel de 10 vitórias, apenas duas derrotas e um empate. O atleta fez todas as suas últimas seis lutas no Shooto Brasil e exibe uma sequência de quatro triunfos, o mais recente em agosto de 2014, no Shooto 49 – Lutando pelo Bope 4. Do outro lado do cage estará o experiente Paulo Guerreiro, representante da equipe cearense Guerreiro Team, com 39 anos e 35 lutas como profissional de MMA. O lutador possui 25 vitórias, nove derrotas, um empate e seis apresentações no Shooto, onde já enfrentou os lutadores do UFC, Renan Barão, Johnny Eduardo e Hacran Dias.

Montamos um card muito qualificado, com lutadores que trazem muita ação nos combates. São alguns dos principais atletas em atividade no Brasil, com potencial para lutar em eventos internacionais, junto com nomes experientes do cenário nacional e atletas com passagem e nível de UFC. Desse evento sairão nomes para outras grandes franquias de MMA do mundo em um futuro próximo”, comenta André Pederneiras, presidente do Shooto Brasil.

Um dos destaques da 54ª edição do Shooto Brasil é a presença de Luiz Banha. Ex-UFC, o lutador paulistano da equipe Demian Maia Jiu-Jitsu tem 34 anos e possui um cartel de 15 vitórias, seis derrotas e uma luta sem resultado, com quase cinco anos de experiência no Ultimate. Desde 2013 fora da franquia norte-americana, venceu três de seus quatro combates, sendo dois por nocaute. Ele estreia no Shooto Brasil diante do representante da PRVT Ricardo Silva, oito anos mais novo.

Luiz Banha, ex UFC , fará sua estréia no Shooto Brasil (Foto: Divulgação/ UFC)

Luiz Banha, ex UFC , fará sua estréia no Shooto Brasil (Foto: Divulgação/ UFC)

 

Campeão até 70kg faz a co-luta da noite

A segunda luta principal da noite será em peso combinado de 73kg. Ronys Torres, da Nova União, é o atual campeão do evento na categoria até 70kg, mas não irá colocar o cinturão em jogo. Natural de Manacapuru, no Amazonas, Ronys tem 28 anos e também teve passagem pelo Ultimate, mas não alcançou sucesso, com duas derrotas em 2010. Ele, no entanto, mostra que existe vida fora do octógono e desde então já se apresentou 16 vezes entre eventos nacionais e internacionais, obtendo 14 vitórias, inclusive sobre o hoje representante do UFC Akbarh Arreola. Na carreira, possui 28 triunfos e cinco derrotas.

Revelações em ação

Como de costume, o Shooto Brasil coloca em seu card grandes revelações do MMA nacional. Na categoria até 66kg, o rondoniense Pedro Falcão, da Nova União, busca manter a invencibilidade, atualmente de seis lutas, na carreira contra Thiago Manchinha, da Baixinho Team. Companheiros de Falcão, o mineiro Felipe Colen e o carioca Yago Bryan “Codorninha” tentam, ambos, chegarem à quarta vitória em quatro lutas, contra Alex Trem Bala e Carlos Eduardo, respectivamente. Atleta da TFT, Oton Jasse, de 24 anos, enfrenta Marcio Breno em busca da 10ª vitória em 12 lutas.

Novas regras e chancela da CABMMA

No ano de 2015, o Shooto Brasil conta com chancela da Comissão Atlética Brasileira de MMA (CABMMA) e, a partir do meio do ano, serão incluídos exames antidoping obrigatórios a todos os atletas. As regras também serão iguais às do UFC. Desde a edição 53, está permitido o uso de cotoveladas. As categorias de peso seguem as regras do Shooto no Japão, com pequenas diferenças em relação a eventos norte-americanos.

Shooto Brasil 54 – Serviço

Data: Domingo, 17 de maio de 2015
Horário: 19h (Ao vivo no canal Combate)
Local: Clube Hebraica Rio
Endereço: Rua das Laranjeiras 346 – Laranjeiras, Rio de Janeiro

Card de lutas (sujeito a alterações)

Até 66kg: Felipe Froes (Nova União) x Paulo Guerreiro (Guerreiro Team) – disputa de cinturão
Até 73kg*: Ronys Torres (Nova União) x A CONFIRMAR
Até 93kg: Luiz Banha (Demian Maia Jiu-Jítsu) x Ricardo Silva (PRVT)
Até 66kg: Pedro Falcão (Nova União) x Thiago Manchinha (Baixinho Team)
Até 57kg: Guilherme “Leo Jacaré” (Nova União) x Edson de Souza (Coalizão Fight Team)
Até 66kg: Felipe Colen (Nova União) x Alex Trem Bala (TFT)
Até 70kg: Oton Jasse (TFT) x Marcio Breno (HP Center Trainning)
Até 70kg: Ivan Paiva (Nova União) x Antonio Pedreira (GB Orestes Combat)
Até 52kg: Yago Bryan Codorna (Nova União) x Carlos Eduardo (Relma Combat)
Até 70kg: Guilherme Doin (Nova União) x Denilson Oliveira (Relma Combat)
Até 57kg: Matheus Naccache (Nova União) x Almir de Oliveira (Relma Combat)
Até 52kg: Elves Oliveira (Nova União) x Lucas Bigous (TFT)
*Peso combinado

 

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH



Categorias
LutasMMA Nacional

Pai, marido, neto, amante da família; filho de Deus; Graduando em Comunicação Social (Rádio e TV) na Universidade Federal do Maranhão; Editor chefe do Nocaute na Rede,; Redator nas seções de MMA nacional e internacional; Apaixonado por rádios, jornais, livros, podcasts, filmes, séries, comidas, esportes em geral; MMA é uma paixão absurda; Praticante de MMA e muay thai; Crítico Social
Sem Comentários

Responder

*

*

1 + cinco =

RELACIONADO POR