Sonhando alto: Disputas de cinturões e estádios para o UFC no Brasil

Como alguns já sabem ou acompanham diversos sites brasileiros, podem ver que a expectativa do UFC de realizar um SUPER EVENTO no Brasil esta muito próximo de acontecer e alguns estádios...

Como alguns já sabem ou acompanham diversos sites brasileiros, podem ver que a expectativa do UFC de realizar um SUPER EVENTO no Brasil esta muito próximo de acontecer e alguns estádios de futebol começam a ser citados como possível palco deste show, além de alguns possíveis combates.

O palco do show

A Arena do Grêmio, foi citada pelo campeão Fabrício Werdum e também já citada aqui no Nocaute na Rede, para ser o palco de sua defesa de cinturão, o grande problema é que a arena não é coberta, o que complica muito, a próxima opção seria, a mais provável (na minha opinião) o Estádio Joaquim Américo Guimarães, mais conhecido como a Arena da Baixada, do Clube Atlético Paranaense. Outro estádio que já foi cogitado foi a Arena da Copa de Manuas, a Arena da Amazônia que tem capacidade para 41 mil espectadores e que deixou uma brecha grande para ser o possível palco deste show, quando o prefeito de Manaus, Arthur Virgilio Neto, em uma postagem em uma rede social, confirmou que a organização tinha reservado uma data no início de 2016 para realizar um evento de luta no estado e ainda segundo o prefeito a empresa do ex-atacante Ronaldo Fenômeno, 9ine, irá pagar por todos os custos do evento.



Pergunta para os leitores: Qual estádio vocês acham que será escolhido?

Arena da Baixada, Arena da Amazônia e Arena do Grêmio concorrem para ser o estádio sede (Foto da Arena Amazônia: Chico Batata/Agecom/AM e Arena do Grêmio: ClicRBS) - Montagem: Nocaute na Rede

Arena da Baixada (esq), Arena da Amazônia (centro) e Arena do Grêmio (dir) concorrem para ser o estádio sede(Foto da Arena Amazônia: Chico Batata/Agecom/AM e Arena do Grêmio: ClicRBS) – Montagem: Nocaute na Rede

Possíveis Combates

1ª possibilidade:

Werdum pegou uma suspensão médica de seis meses após conquistar o cinturão do UFC no México e deve defender seu cinturão somente em 2016, os oponentes ainda estão em cogitação, os nomes são: Junior Cigano (lesionado já é nome descartado), seria um grande nome se falando de marketing; Cain Velasquez (provavelmente não vai ganhar a revanche imediata), os dois nomes mais fortes conforme já falou Dana White são o de Andrei Arlovski (nome muito forte nas redes sociais, preferência da maioria dos fãs) e o de Stipe Miocic, seja qual for a escolha, com certeza teremos uma grande batalha. Na minha opinião o escolhido será Arlovski.

O atual campeão dos leves e classificado como #7 no Ranking Peso por Peso do UFC ainda não lutou pela organização no Brasil, Rafael dos Anjos, que ainda não defendeu seu cinturão, já tem o desafiante confirmado, será Donald Cerrone. Ambos já se enfrentaram em 2013, onde o brasileiro se saiu melhor e venceu por decisão unânime, porém Cerrone esta em uma fase “diferente” e desde lá emplacou 8 vitórias seguidas, contra as feras Evan Dunham, Adriano Martins, Edson Barboza, Jim Miller, Eddie Alvarez, Myles Jury, ex-campeão Benson Henderson e John Makdessi.

Chegamos ao ponto em que algumas coisas se unem, pensem comigo, posso estar errado, porém é apenas um palpite.

Werdum voltá só em 2016, Dos Anjos precisa defender sua cinta e ambos são pupilos de Rafael Cordeiro, coach que é natural de Curitiba/PR, estado em que tem como “cogitado” (desde o ano passado) a Arena da Baixada, para um possível evento do UFC, como mencionamos acima.

Então o que acham caso isto se realize? Um UFC no estado em que foram formados feras como José Landi, Anderson Silva, Wanderlei Silva, Maurício Rua, Murilo Rua, entre outros.

José Aldo, Vitor Belfort, Renan Barão, Dos Anjos, Jacaré e Werdum são nomes fortes para estarem presentes no evento (Foto Rafael dos Anjos: Marcelo Barone) - Montagem: Nocaute na Rede

José Aldo, Vitor Belfort, Renan Barão, Dos Anjos, Jacaré e Werdum são nomes fortes para estarem presentes no evento (Foto Rafael dos Anjos: Marcelo Barone) – Montagem: Nocaute na Rede

2ª possibilidade:

José Aldo faz sua defesa de cinturão no UFC 189 no dia 11 de julho de 2015, então caso ele vença McGregor, terá uma revanche com o irlandês ou enfrentará outro adversário, em caso de derrota do brasileiro, provavelmente ele terá uma revanche imediata, mas a próxima luta deve acontecer somente no próximo ano (previsão).

Seu companheiro de equipe e ex-campeão do UFC, Renan Barão, tem a revanche no mesmo mês, contra T.J. Dillashaw, no dia 25 de julho de 2015, voltando a lutar somente em 2016, também.

Outro possível combate que envolve o tão sonhado cinturão do UFC seria entre os brasileiros Ronaldo Jacaré e Vitor Belfort, já que Luke Rockhold foi confirmado para disputar o cinturão contra Weidman, então Jacaré deve realizar mais um combate.

Estão pensando a mesma coisa que eu? Não? Então vamos ler o 2º parágrafo lá em cima abaixo de “Palco do show”. Adivinharam?

Coincidências ou não, Manaus é a terra de lutadores como José Aldo, Ronaldo Jacaré, Adriano Martins, além de Diego Brandão e Jussier Formiga, que também podem aparecer no card. Caso Renan Barão vença Dillashaw, certamente acontecerá uma terceira disputa, já que a deste ano acontece em Chicago, Illinois, e o primeiro duelo aconteceu em Las Vegas, Nevada, porque a terceira não pode ser no Brasil, ou melhor, na Arena da Amazônia?

Palpite do Leitor

Comentem aí galera qual seria a melhor opção, citada acima, ou alguma outra que não citamos.

Qual estádio e com quais combates vocês querem ver o UFC no Brasil? Será Porto Alegre, Curitiba ou Manaus?

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

Escrito por Renan Assunção



Categorias
LutasMMA NacionalUFC

Criado em 14 de agosto de 2013, o Nocaute na Rede tem como principal objetivo FORTALECER o crescimento do esporte pelo Brasil e mundo a fora, é por isso que desde o início divulgamos os pequenos eventos e atletas que estão começando no cenário nacional.
Sem Comentários

Responder

*

*

vinte + dezoito =

RELACIONADO POR